Agência Brasil

Aumento de 22% no desmatamento segundo o Prodes revela fraude brasileira na COP26

18.11.21 19:28

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, Inpe, divulgou na tarde desta quinta, 18, o índice de desmatamento na Amazônia segundo o sistema Prodes.

O Prodes é o dado mais confiável para avaliar a dimensão da destruição da floresta e é divulgado uma vez por ano, sempre em novembro.

De acordo com o Inpe, a área desmatada (foto) foi de 13.235 quilômetros quadrados, uma elevação de 22% em relação ao ano passado. Foi o terceiro aumento consecutivo na gestão de Jair Bolsonaro.

O dado desmonta as promessas feitas por representantes do governo brasileiro na 26ª Conferência das Partes das Nações Unidas sobre Mudança Climática, a COP26, que ocorreu em Glasgow, na Escócia.

Esse número coloca por terra todo o discurso apresentado na COP26, em que se tentou mostrar um país que protege o meio ambiente e que controla as infrações ambientais. O governo pintou um cenário irreal, quando já sabia do número do Prodes. É só ver a data da nota técnica do Inpe“, diz Suely Araújo, especialista sênior em políticas públicas do Observatório do Clima e ex-presidente do Ibama. “O que se cometeu foi uma fraude, porque o governo já conhecia o dado sobre o aumento do desmatamento em patamar expressivo e omitiu essa informação na COP26, em Glasgow.”

A nota técnica do Inpe é de 27 de outubro. A COP26 começou no dia 31 de outubro. 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Essas imagens de satélite eu não vi, a MARIA não viu e nem o Dr. Clézio Nardin, Diretor do INPE e Doutor em geofísica espacial corroborou. SIMPLES.

    1. Calaaaado, idiota, ... quero dizer, ... PTralha esquerdofrênico.

    2. Nyco, vc não viu às imagens. Ok. Agora me responda: Vc viu a prova do Enem? Vc fez um comentário como se tivesse visto. E tem denúncia que a prova foi digamos, apreciada por alguns. Vc foi um desses? Moro Presidente 🇧🇷

  2. A gente já sabe que o presidente e toda equipe mentem e omitem informações. E ainda pensam que enganam. Por isso, não verão nenhum centavo do fundo para manutenção da Amazônia. Caso seja reeleito, não existirá mais a Amazônia brasileira. Podemos dizer adeus. Deus nos livre e proteja.

    1. Ele não será eleito!!! Isso é tão claro como a luz do meio dia!!! Ele não será eleito. Está tudo contra ele, só nao vê quem não quer!!!

    2. Nyco, você não enxerga o que está acontecendo no país? As imagens por satélite não mentem, já o boçal....

    3. Pobre MARIA, tão doutrinada, abduzida e cooptada. É nisso que dá ficar pendurada o dia todo nesses folhetos de esquerda. __ Já está vendo gnomos, duendes, mulas sem cabeça e boitatás. __ MITO 2022, reeleito, facinho, facinho, ...

Mais notícias
Assine agora
TOPO