Reprodução

Bolsonaro pede reunião privada com Biden na Cúpula das Américas

24.05.22 14:15

O enviado especial do governo Estados Unidos para a 9ª Cúpula das Américas, Christopher Dodd (na foto, com o americano Joe Biden), esteve na manhã desta terça, 24, com o presidente Jair Bolsonaro.

Dodd tem buscado convencer os presidentes da América Latina a participar da Cúpula das Américas, que ocorrerá entre os dias 6 e 10 de junho, em Los Angeles. Na conversa desta terça, Bolsonaro pediu uma reunião privada com Biden, em paralelo ao evento.

Desde que Biden tomou posse, no dia 20 de janeiro do ano passado, os dois nunca conversaram. Biden falou com outros presidentes da região, como o argentino Alberto Fernández e o chileno Gabriel Boric, mas tem evitado falar com Bolsonaro. Uma das principais razões para o esfriamento das relações foi Bolsonaro ter demorado para reconhecer o resultado das eleições americanas e ter apoiado abertamente o republicano Donald Trump durante a campanha.

Ao tentar fazer as pazes e atrair Bolsonaro para o evento em Los Angeles, Biden busca evitar o fracasso de uma reunião esvaziada. Na semana passada, Dodd esteve com o presidente mexicano Andrés Manuel López Obrador, que ameaçou não comparecer ao encontro entre os chefes de estado. Obrador disse que só iria se as ditaduras de Cuba, Venezuela e Nicarágua fossem convidadas.

Para Bolsonaro, um encontro com Biden poderia trazer ganhos eleitorais, ao mostrar que o presidente brasileiro não está tão isolado do resto do mundo.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A verdadeira razão da vinda do representante do governo americano não é a relatada pelos ANTAS. A vinda está relacionada ao não comparecimento do México à reunião. Se o Brasil não comparecer a reunião vira um fiasco. A esquerdopatia tem deturpado as informações. Vergonha!!!

  2. "O governo dos Estados Unidos enviou ao Brasil nesta terça-feira, 24, o enviado especial do país para a Cúpula das Américas, Christopher Dodd, de maneira a convencer o presidente Jair Bolsonaro a comparecer ao evento. Segundo Dodd, o líder americano, Joe Biden, estaria disposto a fazer uma reunião bilateral com Bolsonaro às margens do evento" (VEJA). Quanta diferença dos ANTAS. Leia mais em: https://veja.abril.com.br/mundo/governo-dos-eua-recorre-a-bolsonaro-para-salvar-cupula-das-americas/

    1. É muita má fé e cara de pau desvirtuar a notícia dessa maneira. Nem a Veja, nem o Estadão foram tão escrotos a esse ponto.

  3. Bolsonaro vai exercitar o seu inglês fluente , imaginem a quantidades boçalidades que serão colocadas sobre os asssuntos de domínio de Bolsonaro Como Saúde , Educação , Meio Ambiente , Economia Global , Amazônia , Indígenas , terá segredo de 100 anos está conversa ?

Mais notícias
Assine agora
TOPO