Valter Campanato/Agência Brasil

Bolsonaro quer incluir ICMS na PEC que pode zerar impostos sobre combustíveis

21.01.22 15:36

O presidente Jair Bolsonaro (foto) pretende incluir o ICMS na proposta de Emenda à Constituição que pode zerar ou reduzir impostos incidentes sobre combustíveis, em uma investida pela redução do preço da gasolina, do diesel, do gás de cozinha e da energia elétrica. As informações foram publicadas por O Antagonista.

O texto do projeto deve liberar o Executivo de prever uma compensação na receita ou corte de gastos em troca da redução de impostos, como determina a Lei de Responsabilidade Fiscal. Bolsonaro ainda quer autorizar os estados a fazerem o mesmo.

A proposta não conta com o apoio da equipe econômica. Com rombo fiscal estimado em 170 bilhões de reais em 2022, o time de Paulo Guedes entende que não pode se dar ao luxo de abrir mão de receitas, zerando impostos que incidem sobre combustíveis, sem qualquer compensação. A renúncia fiscal ao zerar o PIS/Cofins da gasolina e do diesel, por exemplo, chegaria a 50 bilhões de reais. 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. 1- Não existe mágica no preço dos combustíveis. Será que os contribuintes querem que o governo use recursos do Tesouro, para subsidiar o preço? Sendo assim, estará tirando recursos da saúde, da educação e da segurança pública. O preço dos combustíveis é um problema menor, diante de sucessivos governos incompetentes, que comeram nossa colheita (recursos) e agora estão comendo nossas sementes (investimentos).

    1. 2- Ninguém aguenta mais pagar político corrupto, que ganha de todos os lados, inclusive com rachadinha. MORO PRESIDENTE 🇧🇷

  2. Medida eleitoreira, o mesmo que enxugar gelo. O que precisa ser feito e o seu governo passou 3 anos e nada fez era a reforma tributária, a carga em cima do contribuinte é um assalto, nenhum país decente tem um monstrengão de tributos como o Brasil, ninguém aguenta mais esta sangria. O Guedes é um falastrão, péssimo como ministro, só tem discurso e muito blá..blá.. o seu interesse é proteger os banqueiros produtores de papel, os verdadeiros produtores dos meios de produção do Pib são massacrados

    1. Perfeito Nilson. Lembrando que nem papel mais os banqueiros produzem ou consomem. Agora é só bits.

Mais notícias
Assine agora
TOPO