Adriano Machado/Crusoé

Filiados do PSL entram e deputado do PT deixa comissão sobre crimes da ditadura

01.08.19 09:21

O Diário Oficial desta quinta-feira, 1º, publica a substituição de quatro dos sete integrantes da Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos do governo federal, em decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e a ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves.

O decreto nomeia Marco Vinicius Pereira de Carvalho como o novo presidente da comissão, em substituição a Eugênia Augusta Gonzaga Fávero. Weslei Antônio Maretti ficará no lugar de Rosa Maria Cardoso da Cunha. Vital Lima dos Santos substitui João Batista da Silva Fagundes, e Filipe Barros entra no lugar de Paulo Pimenta, deputado federal do PT.

O novo presidente da comissão é filiado ao PSL e desde janeiro trabalha como assessor de Damares. Filipe é vice-líder do PSL na Câmara dos Deputados. Maretti é coronel da reserva do Exército, e Vital será o novo representante do Ministério da Defesa na comissão.

Na terça-feira, 30, Bolsonaro pôs em dúvida a credibilidade dos trabalhos da comissão, depois de dizer que o pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, não havia sido morto pelos militares na ditadura, mas pelos companheiros da organização de esquerda Ação Popular.

A declaração de Bolsonaro contrariou um documento emitido uma semana antes pela comissão, atestando que Fernando Santa Cruz foi vítima de “morte não natural, violenta, causada pelo Estado brasileiro”.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Paulo Pimenta deputado Federal do PT , o mesmo que esteve na posse de Maduro da Venezuela, como integrante da comissão da verdade , ninguém merece né não?

    1. como dar crédito à uma instituição que tem em seus quadros, Paulo Pimenta!...afff

  2. Vejam a lista que circula hoje com mais de 100 vítimas dessa guerrilha. Inclusive, um taxista que levava policiais em perseguição a assaltantes do Banco Aliança em 11.07.69. Será se os herdeiros desses assaltantes estão recebendo alguma bolsa ditadura? Certeza é que os do taxista não. Comissão da fake?

  3. Desde 1985 o centrão corrupto e os vermelhos administram o país, contam uma "estória" que só lhes beneficiam; agora tá na hora de conhecermos o que diz o outro lado; ou isso não é justo?

  4. Esta era uma comissão que apenas vitimizou quem atacava a 'ditadura' e não aquelas que foram mortas pela esquerda, em seu processo revolucionário. Tinham de olhar os dois lados não o fizeram.

  5. Essa “comissão da verdade” de um lado só é risível. Kkkk Até a igreja católica sempre teve o “advogado do diabo” para contestar os milagres ocorridos, antes de se canonizar os santos. Uma comissão de um lado só? Tenha santa paciência. Onde está a parcialidade... só os Petralhas para acharem que isso está correto. Viva Bolsonaro! Viva o Governo do Brasil! Brasil! Ame ou deixe-o!

  6. puxa, Antagonistas, li a notícia escrita por vocês e vi zero ponto de vista, nenhum comentário de vocês, cadê a posição? acharam ok o comportamento do presidente? já a maior parte dos comentários parece bem decidida a apoiar Bolsonaro cegamente. Cadê a consciência dos Antagonistas, e mesmo o antagonismo!

    1. Parece que aprenderam com o VALDEVERD. Só lenha na fogueira sem comentarem as labaredas.

  7. Essa comissão da verdade, nunca foi verdadeira. Existe duas verdades: A verdade verdadeira e a verdade relativa. A verdade relativa é subjetiva e, nessa comissão chamada da verdade, existia apenas uma verdade relativa, contada por um só lado da história.

  8. Esta "comissão" nunca deveria ter existido. Mas a esquerda no poder aproveitou-se da anistia para fazer a revanche. E a anistia serviu prá quê? Somente para encobrir os crimes da esquerda. Paralelamente, a esquerda ainda montou uma "indústria" de indenizações, para terroristas, assassinos e assaltantes de banco. Ou seja, para criminosos comuns e políticos. E as vítimas da esquerda, não têm direitos? Esta comissão deve ser extinta e o dinheiro de indenizações devolvido.

    1. Aleluia! Enfim ao menos neste assunto, concordo com Catilinário, mistura de Catilina com Mário Sabino. Parabéns Catilinário!

    2. Esta querela, imposta pela esquerda e aceita espalhafatosamente por JB, só desvia o foco que devemos ter nas reformas e no combate à corrupção. O verdadeiro combate à esquerda deve ser feito no desmantelamento do esquema de corrupção, montado pelo PT, auxiliado por empresários, políticos e membros do judiciário. Ou seja, processo judicialmente legal e cadeia para todos os corruptos.

    3. Assaltantes de banco. Era adolescente e me lembro muito bem. O dinheiro dos bancos eram transportados em peruas Kombi, zero segurança. Todo dia tinha assalto a essas kombis, com gente morta e ferida. E na maioria das vezes eram os inúmeros grupos e grupelhos terrorristas querendo derrubar o governo militar. Pode ? Ou acha que as forças armadas iriam deixar. As famílias destes jovens sofriam pela decisão deles.

    4. Apoiado. Uma vergonha. Quem escreve a história absolve-se dos crimes e se faz herói. Agora o pêndulo se inclina.

  9. Esta na hora de andar, mas olhando para frente. Acabar com essas comissoes inuteis e improdutivas desviando dinheiro publico da saude, educacao e infraestrutura.

  10. Certíssimo. Imaginem o Paulo Pimenta nesta comissão. Esquerdista do jeito que é não há dúvidas que empurrava tudo na conta das Forças Armadas..

  11. Imagine uma Comissão dessas integrada por petistas et caterva , é como colocar uma raposa para gerir (e digerir) um galinheiro.

  12. Excelente mudança. A história que contaram ate o momento, tratam os que pegaram em armas contra a intervenção militar, como heróis, que estava defendendo o país contra um "golpe" de regime militar. Nunca admitiram , que se tratava de uma revolução armada, e treinada em Cuba, onde queriam instalar um regime intervencionista, ai um golpe do proletariado. Decantado e escrito, em todos os livros de historia, "como uma luta armada para a recuperação da democracia perdida com o golpe militar".Absurdo

  13. Essa comissão deveria simplesmente ser extinta. É ridículo que se esteja ainda examinando algo ocorrido em um regime que já não existe há mais de 30 anos. Hora de se olhar para o futuro e parar de perder tempo com inutilidades.

    1. É isto mesmo. Afinal, houve anistia para ambas as partes.

  14. Acabou a moleza para os petebas e esquerdinhas. Essa comissão nunca foi da verdade. Um monte de comunistas recalcados faturando em cima de supostos crimes do Estado. Fechou a torneira seus vagabundos.

  15. Bolsonaro está certo , sou um brasileiro que voltou a viver feliz, depois que Bolsonaro começou a mandar neste país que estava podre, hoje estamos respirando com ares de prosperidade ,e vendo que nossos filhos e netos terão um futuro brilhante e próspero. quero aproveitar e agradecer Bolsonaro, pela mudança no horário de verão, você está de parabéns voltamos ao horário que Deus nos DEICHOU .( Adeus horário Ambev)

    1. Juliano está correto, as coisas estão mudando e pra melhor. Além disso, poucos gostavam daquele horário artificial.

    2. Sim, Juliano, com o fim do horário de verão tudo mudou! A esperança, os empregos, o crescimento econômico, tudo voltou. As flores, o hino nacional nas escolas, tudo mudou. A criminalidade acabou. Tudo que o horário de verão causava nos deixou

  16. Lembro-me na época de justiçamentos feitos pelos proprios integrantes dos grupos...e quiseram jogar tudo na culpa do Estado. Agora esta nova comissão permitirá escrever a história com mais veracidade! Nossos filhos aprenderam, com os livros do MEC, tudo distorcido!

  17. parabens Bolsonaro!!! faça uma LIMPEZA nesta INDUSTRIA de INDENIZAÇOES a TERRORISTAS que queriam implantar o COMUNISMO no Brasil dos idos de 1960/1970 !!! VIVI aquela época intensamente!! E INSTALE uma COMISSÃO para indiciar criminalmente os TERRORISTAS pelas mortes de dissidentes e de soldados em COMBATE quando ,cumpriam seu dever de defender o BRASIL !!!

    1. É isso Glória. De modo geral (porque não há ser humano perfeito) não tem havido meios-termos com Bolsonaro. O que surpreende a muitos é que ele está fazendo exatamente o que ele prometeu na campanha. Para seus eleitores é uma bênção, para seus oponentes, um tormento.

  18. Isso só vai provar uma coisa que todos sabem, a diferença entre a verdade absoluta e a verdade histórica, via de regra, as duas quase nunca se combinam. Dizem até que a história é escrita pelos vencedores, não é mesmo? Na época dessa "comissão da verdade", os "vencedores" eram os comunistas, que impuseram sua "verdade". Vamos ver agora. No caso em tela, como pode haver atestado de óbito, se não houve o laudo de necropsia do cadáver? O sujeito desapareceu, escafedeu-se!

    1. Toda ditadura mente muito, comunista ou militar de direita. Basta ver a farsa montada no atentado do Riocentro, Chernobyl,etc. até as chamadas democracias mentem, como a farsa das armas de destruição em massa do Iraque que nunca surgiram. É tudo um teatro de interesses

    2. "Verdade" de comunista é mentira. Fato profusamente comprovado.

Mais notícias
Assine agora
TOPO