Foto: Adriano Machado/Crusoé

“Cada um se explique pelo que fala”, diz Wassef sobre Milton Ribeiro

24.06.22 21:16

O advogado da família Bolsonaro, Frederick Wassef, afirmou nesta sexta-feira (24) que Milton Ribeiro usou o nome de Jair Bolsonaro (foto) “sem consentimento” durante uma conversa telefônica com a filha em 9 de junho.

A conversa foi interceptada pela PF. Nela, o ex-ministro da Educação disse ter recebido uma espécie de alerta do presidente, que teria antecipado a Operação Acesso Pago (“ele acha que vão fazer uma busca e apreensão em casa”).

“Ele usou o nome do presidente sem conhecimento, sem autorização. Cada um se explique pelo que fala”, declarou Wassef em entrevista no Planalto. “Compete ao ex-ministro explicar por que ele usa o nome do presidente de forma indevida.”

Suspeitos de comandar um “gabinete paralelo” dentro do MEC, Ribeiro e os pastores Gilmar Santos e Arilton Moura foram presos na úlitma quarta-feira (22) e libertados depois por ordem do desembargador Ney Bello, do TRF-1.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
    1. Pois é Maria já o Lulinha não precisa disto pois flana por aí no jatinho comprado com o salário de apanhador de bosta de zoológico não é? e assim lá vamos nós para o lixo.

  1. Ué, o Presidente não confia plenamente no Milton Ribeiro? Então por quê não oferece seu precioso advogado para ajudar o Pastoreco putestante?

  2. Mesmo sob terror de sermos pegados pelo imperium do patropi pelo menos ainda podemos sentar a lenha dos podres poderes sem piedade eis hoje o esporte nacional ... a internet brasileira é lixo e merda muuuuuuuuuuuuuita ... os humoristas estão perdendo os empregos.

  3. Diz Wassef, aquele que teve o descaramento supremo de afirmar que desconhecia que tinha Fabrício Queiroz como hóspede em sua casa de Atibaia... Depois desse pastelão alguém ainda é capaz de acreditar nesse sujeito?

  4. Sarney fez grandes males ao país mas numa coisa estava certo ... a presidência da república como magistratura maior tem de ter compostura e obrigação de se comunicar de forma institucional com o povo não se deixando levar pelo ódio fermentgado por uma escória e quadrilha em clara guerra contra o Estado para desmoralizá-lo achando pouco os crimes cometidos em longos 15 anos de roubalheira e cinismo ... aí dá toda motivação aos ditadores que hoje tutelam os poderes que não se respeitam.

Mais notícias
Assine agora
TOPO