Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Daniel Silveira diz que tirou tornozeleira: “Judiciário não faz mais nada”

22.05.22 20:21

Durante ato pró-governo no Rio de Janeiro, o deputado federal Daniel Silveira voltou a afrontar neste domingo (22) o Supremo Tribunal Federal  e afirmou que retirou a tornozeleira eletrônica depois de receber o indulto do presidente Jair Bolsonaro.

Antes de subir em um carro de som no ato, que ocorreu no Aterro do Flamengo, na capital fluminense, o parlamentar bolsonarista afirmou que o Judiciário não tem mais o que fazer contra ele.

“Eu nem poderia usar naquela época. Hoje é que eu não uso mesmo. Eu fui indultado pela graça. Quando o Judiciário tem o perdão presidencial, é meramente declaratório o reconhecimento. O Judiciário não faz mais nada, só declara a extinção”, afirmou.

Na última quinta-feira, o ministro Alexandre de Moraes determinou o bloqueio de todos os bens – móveis e imóveis – que estejam em nome do deputado bolsonarista para o pagamento das multas impostas ao parlamentar pelo Supremo.

Moraes já estabeleceu três multas a Silveira, todas por não uso de tornozeleira eletrônica, medida cautelar determinada pelo ministro do STF.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Este senhor Daniel Silveira gosta do confronto e não tem respeito por ninguém e nem por nada. Isto é um risco social e democrático. Lastimável.

  2. Curioso. O STF anulou todas as provas que existiam contra Lula. ISTO, por si só, é um INDULTO. A Sociedade não quastionou isso. Pelo contrário, aplaudiram. E olha que NÃO há passagem em nossa Constituição Federal que permita anular PROVAS de crimes contra a União. Bolsonaro dar indulto CONSTITUCIONAL ao STF, e os caras AINDA questionam isso? Ora, se o indulto presidencial foi concedido, o crime e TODAS as penalidades aplicadas são extintas. Absurdo! O STF não me representa.

    1. FAKE NEWS. A sociedade foi contra sim a soltura do Lula, mas o "nosso Kassio" votou a favor a anulação das provas. Bolsonaristas não perdem a oportunidade de mentir.

  3. Esse troglodita acha que vai se dar bem afrontando os pilantras do STF. E o pior é que esse otário acha que o Bolsonaro se importa com ele...

    1. Acorda moça se um ladrão descondenado vergonhosamente por una corte ditadora pode ser candudato por que um maluco cujo único "crime" foi transmitir o que o povo pensa não pode? É com esta gente que vamos tirar este país da merda? Vamos tirar é nuuuuuuuuunca.

  4. Esse idio.ta está se borran.do todo e fica boste.jando pela boca. Se não tivesse medo do STF não teria trocado de advogado e nem entraria com petições no Judiciário... CAGÃO

  5. Existem maneiras REPUBLICANAS de readequar a atuação do STF, minhas recomendações: 1) que os ministros não sejam indicações políticas, 2) Políticos não cometam crimes durante o exercício de seus mandatos, 3) As casas legislativas devem resolver seus problemas/diferenças e não judicializarem as decisões internas das casas ao STF. Mas a incompetência legislativa leva a uma avalanche de processos no STF, excetuando o inquérito das Fake News, os outros processos foram incitados pelos parlamentares.

    1. Vcs tem razão e eu não posso comentar muito porque Clusoe e Antagonista me censuram por nada e isto q nunca proferi um palavrao

    2. Nestor, foi assim também com o ex-capitão expulso do exercito, ninguém o conhecia direito, é assim que começa a metástase, quando se descobre, já se espraiou pelo corpo e é terminal o paciente.

  6. Não existe lei para bandidos como Bolsonaro e seus asseclas, eles gostam da anarquia e levarão o país a uma ditadura se não os tirarmos do poder, cancro.

  7. A ditadura do Xandão! O semideus do STF acha que pode tudo! Menos sair na rua ! Se os ministros do STF saíssem na rua pra ver o que o povo pensa deles o reinado acabaria rapidinho.

  8. A ditadura judiciária diante da covardia omissão e submissão do poder legislativo do qual o deputado é membro fará sim mesmo sabendo que o indulto cessa todos e quaisquer efeitos de sentenças prolatadas sob estupro da constituição ... isto não vai acabar bem o limite da decência há muito foi ultrapassado.

  9. Xandão passando recibo de inimigo público nº 1 da Nação. O Dep. recebeu o indulto presidencial e deu! ... acabou! ... não houve ilegalidade!, ... chega de perseguição! ... o Xandão precisa se tratar com um psiquiatra urgente!

Mais notícias
Assine agora
TOPO