Agência Brasil

Exclusivo: senha de Olímpio foi usada para registrar emendas com ele já intubado; propostas se opõem ao que o senador defendia

18.03.21 18:01

O Projeto de Lei 4.199/2020, que cria o Programa de Estímulo ao Transporte por Cabotagem, conhecido como BR do Mar, recebeu sete emendas protocoladas pelo senador Major Olímpio, do PSL, na tarde desta quarta-feira, 17. Quando os documentos foram inseridos no sistema do Senado, o parlamentar já estava intubado – Olímpio morreu nesta quinta-feira, 18, em decorrência de complicações da Covid-19. O que poderia ser uma ação burocrática de assessores causou grande estranheza no Senado por dois motivos: a tramitação da BR do Mar envolve um milionário jogo de lobby e Major Olímpio era contra o projeto. Em suas redes sociais, há vários discursos contra o projeto de lei da BR do Mar, que ele classificou como “embuste”. O senador chegou a fazer convocações para protestos contra a iniciativa.

O projeto de lei foi aprovado pela Câmara no dia 8 de dezembro e chegou ao Senado dias depois. A proposta trata da navegação de cabotagem, que é realizada entre portos marítimos, com o trânsito próximo à costa. Segundo o Ministério da Infraestrutura, a iniciativa reduz custos do transporte e aumenta a competitividade do país. Uma das fontes de resistência são os caminhoneiros, que temem perder demanda por frete. Mas um fortíssimo lobby de empresas e associações estrangeiras de cabotagem intensificou a pressão em Brasília nos últimos meses, com a intenção de inserir no texto final dispositivos capazes de restringir a concorrência e excluir empresas brasileira do setor.

As emendas apresentadas com a senha do senador Major Olímpio são consideradas extremamente nocivas à concorrência no mercado de transporte, segundo especialistas, contrariando tudo o que ele dizia até então. Em dezembro, o próprio parlamentar fez alertas a respeito do lobby internacional. “Ninguém quer fugir da discussão, mas tem que ser com equilíbrio. Duas das três empresas que vão operar são estrangeiras, eu sei que tem muita grana e muito interesse político envolvido nisso daí. Pelo amor de Deus, vamos arrebentar mais ainda os injustiçados caminhoneiros”, disse Olímpio, ao gravar um vídeo com pedidos para que o presidente Jair Bolsonaro retirasse de tramitação a proposta.

O conteúdo das emendas e a sua inserção no sistema do Senado quando o senador já estava inconsciente chamaram atenção de quem acompanha o projeto. “O posicionamento do senador Major Olímpio sempre foi absolutamente em prol da concorrência. A apresentação dessas emendas em nome dele e em caminho completamente contrário a seus posicionamentos, quando as notícias já davam conta de que estava intubado, nos leva a questionar se alguém fez uso do token dele irregularmente (o token, como os fornecidos por bancos, permite aos senadores autenticar suas propostas)”, afirma Abrahão Salomão, diretor da Logística Brasil, a associação nacional que representa empresas que operam nos portos.

Segundo Salomão, as emendas protocoladas em nome de Major Olímpio levam a uma concentração excessiva do mercado e à cartelização. Um dos dispositivos prevê que empresas brasileiras de navegação são obrigadas a ter uma embarcação, o que restringe a participação de firmas que atuam no setor por meio do aluguel de navios, por exemplo.

No Senado, é comum assessores de senadores terem acesso às senhas dos parlamentares para registrar projetos de lei e emendas em nome dos chefes. As circunstâncias do protocolo das emendas no PL da BR do Mar, entretanto, são  estranhas justamente porque as propostas se chocam com o que o próprio senador defendia.

Major Olímpio estava internado desde o dia 2 de março. Ele chegou a participar de uma sessão remota a partir da cama do hospital no dia 3 de março, mas, pouco depois, o quadro se agravou. No dia 5 de março, ele foi transferido para uma UTI. Crusoé questionou o Senado se haverá uma investigação sobre as emendas registradas após a intubação de Major Olímpio, mas não ainda não teve retorno.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A máfia em Brasilia é coisa de assustar. Pobres almas desesperados, cumprem seu papel fatal de carniceiros. O Brasil vai abrir as portas do inferno para o mundo inteiro; deixemos ver pois o que cura o quinto dos infernos é o sexto e o 6 é a marca registrada do fim: quem tiver sorte verão o fim tragico dos marcados e gozará o bem das terras roubadas por estea amantes do 666

  2. E PENSAM QUE CAIREMOS NESSA HISTÓRIA HOOORROROSA DE, EVIDENTE SUBORNO, TRAIÇÃO, DESRESPEITO DO MAIS BAIXO, CRIME, E PERVERSIDADE INOMINÁVEL!!!!

  3. E PENSAM QUE CAIREMOS NESSA HISTÓRIA HOOORROROSA DE, EVIDENTE SUBORNO, TRAIÇÃO, DESRESPEITO DO MAIS BAIXO, CRIME, E PERVERSIDADE INOMINÁVEL!!!!

  4. E A FORÇA BRUTA DO PODER, OPORTUNISTAS, MAS SEM ALMA, NAO SERVE PRA NADA O PODER, E GENTE, QUE FAZ PALANQUE EM CIMA DE CADAVERES. TEMOS QUE SER ESTUDADOS ALMAS PURAS.

  5. Se alguém fraudou votos em nome do olímpio cometeu " sacrilégio ". Não se desrespeita um homem respeitador. Se essa pessoa for de São Paulo vai ser cobrado... Olímpio tinha as boas qualidades que se espera de um ser humano.

  6. Não conheço o projeto - e tudo o que brota no senado é taboa, a única a tolerar aquele esgoto. Mas que é preciso rever o modal de transporte, NENHUMA DÚVIDA. Além de antiquado, poluidor e anti-econômico, o transporte rodoviário concentra poder demais nas mãos dos caminhoneiros. E tome chantagem porque se eles param, o país fica de joelhos.

  7. O senador participou de sessão virtual do hospital? O protocolo da Covid exige que o paciente se movimente o mínimo possível para não prejudicar a saturação de oxigênio. É pra ficar parado, quieto, o máximo possível.

  8. Além da pandemia desenfreada do coronavírus, ainda temos criminosos dentro do Parlamento que descaradamente roubam senhas de políticos em votações. É uma vergonha nacional.Canalhada.

  9. Lembram-se daque pianista que votava pelos outros na Câmara? Agora o Senador major Olímpio, intubado na UTI marcou presença no Senado. Este é o Congresso brasileiro.

  10. No senado, o antigo presidente foi eleito com 82 presentes, quando o senado tem 81 senadores, agora o senador Major Olímpio internado e vindo a óbito hoje, seus pares com uma total desonestidade e falta de respeito colocam emendas na senha dele. VERGONHA!

  11. Este é o nosso congresso, repleto de ratos e ratazanas, vale tudo para se chegar aos interesses individuais. Não tem Limites as falcatruas em prol deles próprios. Precisa ser investigado com urgência e punidos os responsáveis, embora não acredite nisso, mais uma vez o senado virará as costa para a nação, infelizmente. Vergonha, Vergonha. A casa do povo é pior que pristibulo e o pior, apoiado por outro poder.

  12. Era só o que faltava para completar o filme de horror que é o mundo político. A falta de humanidade não tem limite quando está em jogo interesses financeiros. Misericórdia!!!

  13. Isso já é conduta no nível de barbárie!!!! É preciso ser muito crápula, perverso, boçal, marginal qualificado no patamar mais rasteiro da baixeza pra cometer um crime repugnante desses!!!! É numa hora dessas, em que o BRASIL está vivendo tanta degradação moral, que a gente perde o juízo e pensa até em pena de morte!!!!

    1. E por falar em ignorância, baixeza, dissimulação e perversidade negacionista, mais essa: 》》》》》》》》》》 https://www.em.com.br/app/colunistas/ricardokertzman/2021/03/18/interna_ricardo_kertzman,1248204/bolsonaro-e-barros-se-merecem-seres-inqualificaveis.shtml?utm_source=onesignal&utm_medium=push

  14. Usaram o token do Moro para assinar a demissão do chefe da PF no RJ quando ele era ministro... Nada novo nesse país de merda.

  15. Gostaria que o Congresso e o STF fossem preservados e respeitados. Mas, diante da enxurrada de iligalidades e pouca-vergonha que a todo dia se vê e se sente...

  16. Kkk será que um dia nesta vida vou ver algum senador honesto , muito triste usar em nome de outra, quem sabe agora ainda vão usar

  17. Vindo do Senado nenhuma novidade pois recentemente na eleição do caburé votaram 82 senadores quando a casa tem 81. Nada foi feito para responsabilizar então é normal senador entubado apresentar emenda.

  18. Quadrilha, corja de salafrários, agindo em causa própria dos seus interesses pessoais, que não poderão prevalecer ao custo de deformar a memória e as convicções, ilicitamente, do honrado e independente senador!

  19. Brasileiros, o Brasil está intubado e com 75% do pulmão comprometido. Vocês deixarão o país morrer? Cederão ao vírus bozolulista? Se curvarão aos genocidas bestiais?

    1. Veja quem é o suplente do major Olímpio Conhecido como vendedor de fumaça Da no até em pingo d’água Nada mudou É a cara do político no nosso país É a cara do brasileiro Dar chapéu e levar vantagem em tudo

Mais notícias
Assine agora
TOPO