Agência Brasil

Governo federal e estados têm 9 milhões de doses da Coronavac em estoque

21.01.22 19:41

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, confirmou na noite desta sexta-feira, 21, a inclusão da Coronavac para crianças no Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid. Rodrigo foi escalado pelo ministro da pasta, Marcelo Queiroga, para fazer os anúncios relacionados à imunização de crianças – o ministro bolsonarista quer evitar falar publicamente sobre a vacinação de pessoas de 5 a 11 anos.

Segundo Rodrigo, o governo federal tem disponíveis 6 milhões de doses da Coronavac em sua rede de frios. A vacina para crianças é a mesma aplicada em adultos. O número dois da Saúde informou ainda que em uma consulta preliminar aos estados, o governo identificou 3 milhões de doses em estoque nas unidades da federação.

O Ministério da Saúde vai consultar os estados se há interesse em receber novas doses de Coronavac. Para unidades da federação com menos de 40 mil doses em estoque, a pasta enviará automaticamente doses em um total equivalente a 10% da população entre 5 e 11 anos.

Segundo Rodrigo Cruz, a distribuição de doses pediátricas da Pfizer segue normalmente. Na próxima segunda-feira, 24, o governo receberá 1,8 milhão de doses do imunizante.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Em gestão, um dos piores erros, é a falta de convicção e sinalizações dúbias. Como pode um governo investir milhões na compra de vacinas, e ser contra as vacinas? É como se gastasse os nossos recursos para construir uma ponte, e depois despendesse energia, falando para nenhum cidadão atravessar a ponte. Isso é totalmente irracional. E este ministro da Saúde, é um completo imbecil por fazer esse jogo. MORO PRESIDENTE 🇧🇷

Mais notícias
Assine agora
TOPO