Nelson Jr/SCO/STFMendonça em sua nova versão, com cabelos mais fartos: curiosa unanimidade

Governos estaduais recorrerão da decisão de Mendonça sobre ICMS

14.05.22 19:52

Os governos estaduais decidiram recorrer da liminar concedida pelo ministro André Mendonça (foto), do Supremo Tribunal Federal, que derrubou decisão do Confaz (colegiado que reúne os secretários estaduais da Fazenda) definindo as alíquotas de ICMS que cada estado cobra sobre o diesel.

A informação foi confirmada neste sábado (14) pelo secretário da Fazenda de Pernambuco, Décio Padilha, que preside o colegiado.

A liminar concedida por Mendonça atendeu a um pedido do governo Jair Bolsonaro. A Advocacia-Geral da União foi à Corte questionar o desrespeito à lei que instituiu alíquota única do ICMS para todos os estados.

A lei complementar 192 implementou a uniformidade de alíquota na cobrança de ICMS sobre combustíveis pelo ICMS. Mas, em reunião no fim de março, o Confaz decidiu estabelecer alíquota única de R$ 1,006 por litro, permitindo que cada estado concedesse um desconto para chegar à sua alíquota atual.

De acordo com o secretário da Fazenda de Pernambuco, em razão do congelamento do ICMS desde novembro, os estados deixarão de arrecadar R$ 37,1 bilhões até o fim deste ano.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Vergonhoso enquanto o mundo está em crise e o povosofre estes vagabundos faturam cada dia mais ... o povo lembrará disto quando for ás urnas? lembrará nada.

  2. Preciso de uma cartilha 😬🙈! Não consegui entender esse assunto... Minha impressão é q estão todos errados e nós consumidores estamos ferrados... Mas com base somente no cotidiano mesmo...😜

Mais notícias
Assine agora
TOPO