Isac Nóbrega/Presidência da República

Juiz cita “contornos de interferência” e encaminha caso dos pastores no MEC ao STF

24.06.22 11:17

Depois de ter sua decisão sobre as prisões de Milton Ribeiro e demais pastores derrubada no TRF-1, o juiz Renato Borelli resolveu enviar os autos da Operação Acesso Pago ao Supremo Tribunal Federal. Em seu despacho, ele alegou ter vislumbrado “eventual conhecimento das apurações com contornos de interferência”.

Borelli se baseou em pedido do MPF que cita trechos de conversas de Ribeiro com terceiros interceptadas pela Polícia Federal. Nos trechos, o ex-ministro diz que tinha receio de sofrer busca e apreensão. “Ele acha que vão fazer uma busca e apreensão… em casa… sabe… é… é muito triste. Bom! Isso pode acontecer, né? Se houver indícios, né…”

Para o Ministério Público, Ribeiro teria obtido informação da investigação por autoridade detentora de foro privilegiado. O caso foi encaminhado à ministra Cármen Lúcia.

Leia:

O magistrado determinou também o fim das interceptações telefônicas e a retirada do sigilo dos autos.

 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Pelos comentários em defesa da corrupção praticada por políticos, essa revista claramente está infestada de leitores petistas q se encantaram com o bolsonarismo corrupto e delinquente. Só pode ser isso.

  2. Só uma perguntinha ... POR QUE o juiz que recebeu os processos contra o ladrão mor deste puteiro sequer adotou até hoje qualquer atitude? Os cínicos sinistros do STF declaram que os crimes existem e devem ser objeto de punição ... ora senhores não somos idiotas ... JUSTIÇA brasileira vão tomar no KRU e parem de hipocrisia vocês são lixo.

  3. Onde diz que “ele”, seria Bolsonaro? “Ele” teria foro privilegiado. Como assim? Justiça imparcial, para um lado e para outro. Instituições podres, decidem conforme interesses. Mídia parcial. Estamos num mato sem cachorro. Só resta pagar a conta. Acorda Brasil!!! 🇧🇷

    1. .. pelo andar da carruagem a corte solta ladráo não demora a prender Moro e Bolsnaro ... o país nada um lama, lixo e merda.

Mais notícias
Assine agora
TOPO