Reprodução

OMS fala em ‘certo sucesso’ do Brasil, mas alerta que mortes por Covid podem voltar a subir

12.10.20 20:15

O diretor de emergências da Organização Mundial da Saúde, a OMS, Michael Ryan (foto), afirmou nesta segunda-feira, 12, que o Brasil obteve um “certo sucesso” em reduzir o número de mortes por coronavírus, mas alertou que nenhum país está fora de perigo e que o número de mortes pode voltar a subir muito rapidamente.

“Estamos gratos em ver os números no Brasil caindo. Mas lembramos que o país estava com um número muito, muito alto, e que ainda há muita gente sendo contaminada”, disse Ryan. “Como todos nós já aprendemos nos últimos meses, o fato de que a doença está diminuindo não significa que não vai ter uma nova subida. E isso pode acontecer muito rapidamente em alguns países. Então precisamos nos manter vigilantes em todos os países e manter uma elevada dose de desconfiança conforme os números gerais caem para garantir que sejam detectadas áreas em que eles possam estar aumentando”, disse Ryan.

Segundo dados coletados por um consórcio de veículos de imprensa, a média móvel de mortes ficou abaixo de 600 pela primeira vez desde maio. Pelos dados divulgados pelo Ministério da Saúde nesta segunda, 201 óbitos foram registrados nas últimas 24 horas.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. O vírus é pouco conhecido. Ainda está em estudo. como essa OMS tem autoridade pra prever aumento diminuição ou fim da pandemia? Só cometeu erros até aqui ! Sabe nada !

  2. Acredito que medidas simples como o uso de máscara, higiente constante, evitar aglomerações, são um otimo caminho. Tais medidas são perfeitamente aplicáveis no trabalho, lojas e restaurantes, que podem continuar assim. Aglomerações em boates, bares e bailes são atrativos para adolescentes e jovens com hormônios a mil, provavelmente o perfil que neste momento está ocupando os hospitais, ou continua infectando seus familiares. Uma coisa a ser investigada.

  3. E agora, josé? A festa acabou, A luz apagou, O povo sumiu, A noite esfriou, E agora, josé? E agora, você? Você que é sem nome, Que zomba dos outros, Você que faz versos, Que ama, protesta? E agora, josé? Está sem mulher, Está sem carinho, Está sem discurso, Já não pode beber, Já não pode fumar, Cuspir já não pode, A noite esfriou, O dia não veio, O bonde não veio, O riso não veio Não veio a utopia E tudo acabou E tudo fugiu E tudo mofou, E agora, josé?....

    1. Verdade Zuriel. A festa genocida dos bozistas está acabando. A ciência encontrou uma fórmula para conter a doença disseminada pelos bozistas e com isso acabou com os ritos satânicos dos bozistas. E agora Zuriel? Como farás para atender ao diabo? Como farás para atacar a ciência? Como justificarás o maior genocidio moderno em terras brasileiras? E agora Zurriel? Já não podes mentir? Já não podes matar? Já não podes te esconder? Zurrar não adianta mais. E agora Zuriel? Zuriel, para onde?

  4. Sucesso? Desde quando? Basta ver os números! Por sinal, há uma pesquisa muito bem feita mostrando a associação entre o bozismo e a expansão do vírus no Brasil. A pesquisa apenas mostra o que eu venho falando aqui desde o início da pandemia: Bozo e bozistas são genocidas, pois eles ajudaram a matar mais de 148 mil brasileiros ao promoverem eventos de contaminação em massa. Como é bom estar sempre certo. Enquanto isto os bozistas..pobres bozistas, apenas zurram pelos currais brasileiros. Zurrem!

    1. Como qualquer número oficial, estes são números mínimos. A realidade deve ser muito, mas muito pior!

    1. Para bolsonaristas-raiz, Bolsonaro sempre tem razão. mesmo que ele afirme que a Terra é plana. Bolsonaro é o oráculo dos deuses.

  5. E quando a OMS ou a ONU vai cobrar da China o prejuízo que os comunistas causaram à humanidade. Os Nazistas são acusados e responsabilizados até hoje. E não mataram metade do que os comunistas chineses estão matando e ainda vão matar.

Mais notícias
Assine agora
TOPO