Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Orçamento de 2023 prevê manter cortes nos combustíveis

05.08.22 20:08

A proposta orçamentária para 2023, a ser enviada ao Congresso ao final de agosto, prevê a manutenção dos cortes de impostos federais deste ano sobre combustíveis, segundo fontes do governo ouvidas reservadamente.

De acordo com uma estimativa extraoficial do governo federal, a manutenção desses cortes custará R$ 55 bilhões aos cofres públicos no ano que vem.

Em março deste ano, o governo zerou os impostos federais (PIS/Cofins e Cide) sobre o diesel e o gás de cozinha. Cerca de cinco meses depois, fez o mesmo com o PIS/Cofins e a Cide da gasolina e dos biocombustíveis, após a aprovação da lei que fixou para o ICMS sobre combustíveis um teto de até 18%.

Originalmente, todos esses cortes estão previstos para durar só até dezembro. Apenas o corte na gasolina representa uma perda para o governo estimada em R$ 36 bilhões. Membros da gestão Bolsonaro também afirmaram que a proposta a ser enviada ao Congresso prevê o valor do Auxílio Brasil em R$ 400 mensais.

 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Prevê-se que o barril do brent esteja em 70 dólares em dezembro e em queda livre o preço dos combustíveis será reduzido aos poucos e o Orçamento da União tem de prever isto e como acabou a roubalheira qu quase destruiu a BR não há mais interferência da quadrilha e isto fazia a festa de muitos bandos e quadrilhas .. esta escória tem toda razão em ser contra este governo pois terão de ganhar dinheiro trabalhando não mais assaltando a nação como nos desgovernos ladravazes..

Mais notícias
Assine agora
TOPO