EBC/Divulgação

Vaquinhas eleitorais não deslancham e valor doado é metade do registrado em 2018

14.11.20 09:14

A arrecadação de recursos para campanhas eleitorais por meio de financiamentos coletivos registrou até o primeiro turno das eleições municipais menos da metade do valor recebido em 2018 pelos candidatos. As vaquinhas eleitorais reuniram 9,4 milhões de reais, contra os 20,3 milhões doados nos chamados crowdfundings na disputa de 2018.

Dos quase 540 mil candidatos que concorrem a uma vaga de prefeito ou vereador, pouco mais de 2,5 mil receberam dinheiro por meio de vaquinhas, o equivalente a cerca de 0,4% dos postulantes a algum cargo.

Os candidatos de São Paulo juntaram quase metade da quantia arrecadada com financiamento coletivo na internet. Os políticos do estado registrados na eleição deste ano receberam até agora 4,1 milhões de reais por meio de plataformas de doações.

O candidato do PSol à prefeitura de São Paulo, Guilherme Boulos (foto), é o campeão de vaquinhas virtuais até agora. Segundo colocado nas pesquisas de opinião, Boulos recebeu 828,2 mil reais de seus eleitores.

O segundo colocado do ranking também disputa a prefeitura da capital paulista: Arthur do Val, conhecido como Mamãe Falei, do Patriota, arrecadou 470,6 mil reais por meio de iniciativas de crowdfunding.

Entre os candidatos a vereador, o representante do Partido Novo Marcelo Castro, que disputa uma cadeira em São Paulo, lidera o ranking, com doações no valor total de 63,3 mil reais. O político causou polêmica no mês passado e chegou a ser suspenso pelo partido depois de defender pelas redes sociais a soltura do traficante André do Rap e afirmar que “tráfico não deveria ser crime”.

A segunda com mais doações é a candidata petista à Câmara Municipal de São Paulo Vivian Oliveira Mendes, que arrecadou 59,8 mil reais, seguida pelo candidato Tomaz Aquino, que tenta uma vaga de vereador em Goiânia, pelo Cidadania.

Filho 02 do presidente da República e candidato à reeleição, o vereador Carlos Bolsonaro é o quarto colocado entre os beneficiados com vaquinhas, entre os candidatos a vereador: o político do Republicanos amealhou 52,7 mil reais.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Quem doa???? Essas pessoas não tem vergonha na cara? País como o br com um monte de gente passando necessidade, elas doam pra políticos? Pra q eles passem a receber a grana q ganham depois pra nada? Doam para FAMÍLIA BOLSONARO? Um vereador q nem no local fica.. ahahahahah DOAM GRANA PRA GENTE da FAMÍLIA BOLSONARO???? Quem faz isso deveria ser interditado.. Políticos devem rir de quem faz isso.. e não os culpo.. acho risível mesmo... embora me dê vontade de chorar com tanta má fé X ignorância

    1. Ninguem dôa....simplismente alguem(muita gente) INVESTE em um candidato ou o CANDIDATO se auto.patrocina a título de doação terceiros....

    2. Não duvido q os q doam sejam os mesmos q dizem q não se pode doar pra mendigo.. pq daí eles nunca deixam de ser mendigo.. Perguntinha: seu político deixou de ser político..?? Ou tá aí a cada 4 anos mendigando..?? Não.. não precisa ficar envergonhado.. mas vê se acorda.

  2. Ainda tem muito idiota que ajuda a eleger os políticos que vão nos roubar pelos próximos quatro anos. E ainda reclamam que ganham mal. Vai entender a cabeça do brasileiro.

Mais notícias
Assine agora
TOPO