Tarcísio queixoso

14.08.20

Tarcísio de Freitas está inconformado com a tesourada que a equipe econômica quer dar no orçamento do Ministério da Infraestrutura para 2021. O ministro escreveu um ofício diretamente para o secretário de Orçamento Federal se queixando das regras estabelecidas pela equipe de Paulo Guedes para a elaboração da próxima lei orçamentária, que, diz, representam um corte de 2,5 bilhões de reais nos gastos da pasta. Tarcísio quer 4,6 bilhões a mais do que a equipe econômica quer dar. No documento, ele alerta que a falta de dinheiro para a conservação de estradas federais pode levar o governo a ter problemas com o TCU, “por expor um patrimônio público tão valioso”. Nem tudo está perdido para o ministro. Nos bastidores, a ordem do Planalto é para que os ministérios façam o mapeamento de despesas que possam ser cortadas de modo que os recursos sejam redirecionados tanto para o Ministério da Infraestrutura quanto para o Ministério do Desenvolvimento Regional, de Rogério Marinho. O esforço tem relação direta, por óbvio, com a sucessão presidencial.

Agência CâmaraAgência CâmaraO ministro da Infraestrutura: Guedes acabou de prometer dinheiro para este ano, mas ele quer mais para 2021

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. A galinha dos ovos de ouro tem que ser bem alimentada, afinal de contas, ela tem garantido um ovinho de ouro, todos os dias.

  2. O capitão Tarcísio tem todo o direito de lutar por dinheiro para seu ministério, lá, pelo menos, o dinheiro está sendo bem empregado.

  3. Já está a Cruzoé fazendo intriga como uma vizinha fofoqueira... colocando a sementinha da discórdia... oh céus!!! revistinha chinfrim!!!

    1. Tarcísio merece elogios, pois trabalha muito e é honesto. a revista deveria destacar esse aspecto, pois é muito positivo.

    2. Se vc acha que é "jornalismo e independência" tudo bem. Eu chamo de fofoquinha tendenciosa... semeadura da discórdia.

    3. Entendi.. queres então que o jornalismo e a independência da Crusoé esteja a serviço dos teus dogmas e interesses políticos. Tá bem. apscosta/df

  4. Onde foi parar as promessas de que o mundo queria investir no Brasil? Ah, sim, ninguém quer investir num país governado por déspota, ninguém investe em país que desmata, ninguém investe em país cujo presidente mente descaradamente, ninguém investe em país que mata seu povo e não está nem aí.

Mais notícias
Assine agora
TOPO