Adriano Machado/CrusoéVicente Cândido: "Devemos reconhecer também o nosso fracasso. A gente perdeu força para mobilizar"

“As eleições mais criminosas da história”

É o que diz o deputado Vicente Cândido, do PT de São Paulo, que está de saída da Câmara. Segundo ele, a campanha deste ano deve ser a campeã de caixa dois -- mas acha que a prática deve ser tipificada apenas como crime tributário. E, claro, defende Lula e ataca a Lava Jato, dizendo que "era preciso colocar limites dentro da legalidade" à operação que desmantelou o maior esquema de corrupção já descoberto no país
17.08.18

O deputado federal Vicente Cândido da Silva, de São Paulo, é considerado um homem sincero — nos limites da sinceridade de um militante petista, claro. Isso faz com que seja visto com ressalvas por parte de seus correligionários, ao mesmo tempo em que é o primeiro a ser lembrado quando o partido precisa de alguém para, pragmaticamente, defender bandeiras impopulares. Foi assim que escancarou as suas relações com a cartolagem nacional e se colocou à disposição para relatar a Lei Geral da Copa em 2012, defendendo em público os interesses da Fifa. Ou quando liderou na Câmara o lobby em favor dos cassinos no Brasil. E ainda quando, na reforma política de 2017, tentou introduzir uma emenda para impedir a prisão de candidatos a oito meses da eleição, em um claro movimento para beneficiar Lula (ele, aliás, é um dos que verbalizam ser pelo indulto ao petista em 2019).

E foi assim nesta entrevista a Crusoé. Ele afirma que as eleições de 2018 devem ser “as mais criminosas da história”, porque as campanhas continuam caras e os financiadores saíram de cena. Cândido também diz que o PT se incomoda com a ausência de manifestações nas ruas a favor de Lula e que a postura de Dilma Rousseff na presidência ajudou na sua queda. Coordenador da campanha de Luiz Marinho ao governo de São Paulo, ele não vai concorrer a nenhum cargo este ano, porque considera “humilhante” o processo de captação de recursos. Vai se dedicar à advocacia tributária e ao Corinthians, onde é diretor de Relações Institucionais e Internacionais. A entrevista:

Por que o senhor está saindo da política?
Já ameaço fazer isso desde 2010, mas, como eu tinha esperança de que o sistema político mudasse, fui ficando. Quando, no segundo mandato da Dilma, como relator da reforma política, não consegui fazer nada minimamente decente, desisti.

Então é indecente?
A campanha é muito cara. O sistema de financiamento é muito duro, cruel. Buscar recurso é o que mais desanima. Você vende a alma ao diabo. Fica o tempo inteiro correndo atrás de doadores e parceiros para poder pagar dívida de campanha antes, durante e depois. É deprimente. Uma coisa é ser trabalhoso, você vai lá, sua a camisa e consegue fazer. Outra coisa é ser inviável e indecente. A coisa mais constrangedora na política é pedir dinheiro.

Como é na prática?
Tem que ligar, pedir, insistir. Daí a pessoa não quer doar. Ou quer por meio de caixa dois, porque a pessoa não quer aparecer. E pior é que tudo isso vai continuar sendo assim e cada vez pior se permanecermos nesse sistema. Espero que na próxima legislatura o Congresso ponha a mão na consciência e faça uma reforma política decente.

De quem parte a oferta de caixa dois?
A pressão, necessidade e angústia fazem você se aventurar.

O que acontece mais: o político oferecer o caixa dois ao potencial doador ou o contrário?
Hoje está muito mais restrito… As empresas decidiram proibir seus diretores, gerentes e acionistas de se meterem nisso, mas todo mundo que tem o mínimo de relação com a política vai continuar sendo abordado.

O que dá para prever nessa seara?
As eleições deste ano tendem a ser as mais criminosas da história.

Criminosa em relação a quê?
Ao caixa dois.

Por quê?
Porque a eleição continua a ser cara e os financiadores diminuíram. O crime organizado vai entrar mais pesado na campanha.

Propina também?
Não chamaria caixa dois de propina. Para mim, é um crime tributário. A Receita chega na empresa e se ela praticar caixa dois é autuada por irregularidade tributária. Quem inventou que (caixa dois) é falsidade ideológica foi o Supremo.

Não tem como coibir caixa dois nessas eleições?
É difícil. As eleições vão continuar custando ao todo 10, 12 bilhões de reais no mundo real. Mas oficialmente o custo será de uns 4 bilhões de reais. A proporção é sempre de um terço entre o legal e o real. As de 2014 custaram 5,5 bilhões de reais na época, pelos dados do TSE contabilizados. Mas certamente saíram por uns 15 bilhões de reais.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéPrestes a sair do Congresso, o deputado coordena a campanha do petista Luiz Marinho ao governo de São Paulo e critica o atual modelo de arrecadação
Por que o PT insiste na candidatura Lula mesmo com a proibição estabelecida pela Lei da Ficha Limpa? Isso não é enganar o eleitor?
O próprio eleitor acabou sustentando a tese do PT. Na primeira pesquisa após a prisão dele, se o Lula tivesse caído, teríamos acendido a luz amarela e discutido um plano B. Mas ele continuou tão forte quanto antes da prisão e até subiu nas pesquisas. Concluímos que o eleitor comprou a narrativa da indignação com a prisão, da perseguição política. E isso se mantém até agora e ajuda a fortalecer a pressão jurídica. Estamos em uma dicotomia entre a pressão jurídica e política. E as próprias pesquisas mostram que Lula continua com grande influência sobre os eleitores. A estratégia foi acertada.

Mas e a questão de enganar o eleitor, tendo em vista que Lula, por ser condenado em segunda instância, será impedido de disputar a eleição?
Não tem milhares de candidatos que concorrem com liminares? Por que o Lula não poderia também? É factível. A questão é que tem uma carga pesada em cima do Lula. Ele só está querendo exercer um direito que muitos já exerceram. E que, depois de concorrerem, tiveram a candidatura validada ou cassada.

A insistência não mostra uma tentativa de manter a qualquer custo a hegemonia do PT na esquerda?
Vamos pela questão lógica. Qual o partido na esquerda que tem 20% de preferência nacional, que tem um líder que, mesmo preso, tem 30, 35% nas pesquisas, que tem cinco governadores, 60 deputados? Pelo tamanho desse “PIB”, já seria natural o PT liderar (a esquerda).

Ciro não poderia ter liderado esse processo?
O Ciro até poderia ter sido o candidato do PT se ele tivesse tido outro comportamento. Mas ele ficou nos provocando, xingando, dizendo que não queria abraçar ninguém envolvido na Lava Jato. Em alguns momentos, sinalizava que o Lula tinha culpa, que o Lula errou. Se ele tivesse feito metade dos gestos que a Manuela D’Ávila e o Guilherme Boulos fizeram nesse período, os petistas teriam abraçado a candidatura do Ciro. Ele poderia ser o líder mesmo pertencendo a um partido pequeno do consórcio da esquerda. Foi muito mais por erro dele, pelo ego dele, do que por uma posição hegemônica do PT. Podia ter sido o Ciro como cabeça de chapa e qualquer um do PT como vice, se ele tivesse feito esses gestos. Gestos de solidariedade ao Lula. Eu já ouvi isso de vários petistas. Mas ele demonstrou ter uma visão errada. A gente até conversava com o entorno do Ciro e diziam que não tem jeito, é a cabeça dele mesmo.

O senhor diz que o povo comprou a tese do Lula, mas o povo não foi às ruas para pedir para que ele concorra.
Isso causa frustração e nos angustia. Mas (colocar povo na rua) custa dinheiro e tempo. Houve um esgotamento depois de todo o movimento contra o impeachment. Estamos já há dois anos mobilizando pessoas nas ruas. Tem custo financeiro. Há ainda muitos eleitores que dizem: “Contem comigo na urna, mas não tenho tempo para mobilizações. Inclusive porque já participei uma ou duas vezes e não vai resolver’. O eleitor tem inteligência. E o país é muito grande. Para trazer gente para cá (Brasília), não é fácil. São três dias de viagem, avião é caro, estadia…

Mas me refiro até mesmo às manifestações espontâneas.
As redes sociais facilitaram a convocação, mas por outro lado dificultaram porque o sujeito, sentado na sala, já está se posicionando pelo computador e celular. Não podemos reclamar. Devemos reconhecer também o nosso fracasso. A gente perdeu força para mobilizar. Falta estrutura. É muita mobilização de uma vez só. Os sem-terra com suas causas, os sindicatos contra a reforma trabalhista, a gente contra o impeachment, a favor do Lula. Não estamos com pauta única já há muito tempo.

Onde o PT errou politicamente enquanto esteve no poder?
Não ter insistido nas reformas durante o governo Lula e Dilma talvez seja o principal. Estou falando da reforma de mídia e do modelo econômico. Erramos também ao permitir que o BNDES incentivasse a concentração de mercado como a que ocorreu com a JBS.

O PT não roubou e permitiu roubar?
O ladrão não chega e diz “estou roubando”. Uma boa parte do pseudo-desvio que o Ministério Público diz ter havido é muito mais fruto de um mecanismo para financiamento eleitoral do que para enriquecimento próprio. Que teve, mas não foi o grosso. Tanto que a investigação em cima do PT foca nos tesoureiros. A investigação em cima dos outros partidos é muito mais focada nos dirigentes.

O que isso revela?
Isso mostra que o PT fez uma ação de financiamento (irregular) de campanha. Quem quiser interpretar que é propina pode interpretar, mas não vejo assim. Contra nossos tesoureiros não teve nenhuma acusação de enriquecimento pessoal, de conta na Suíça, mansão. Você está pagando por um sistema que já era assim na Petrobras desde o governo Fernando Henrique. Já nos outros partidos a linha de investigação é em cima de dirigentes.  Ou seja, tem muito mais característica de envolvimento pessoal e institucional.

Mas seja para caixa dois ou enriquecimento pessoal, não é ruim do mesmo jeito?
São pesos diferentes. Mas claro que acho que o PT podia ter feito uma denúncia sobre o funcionamento do sistema do que ter aderido ao sistema. Ter colocado para a população que precisava mudar. Ter mostrado: nossa proposta é essa. Aí está o nosso erro.

O senhor diz que não atingiu dirigentes. Mas e o Lula?
Pelos processos em andamento até agora, não tenho dúvida de que ele é inocente. O que tem é muita ilação e o chamado domínio do fato (segundo a qual o superior hierárquico é culpado por atos dos subordinados).

Não é no mínimo estranho receber favores de empreiteiras? Ou ter o instituto sustentado por essas empresas?
A criação do instituto baseado em doações seguiu o modelo de Fernando Henrique. Juridicamente é defensável, mas politicamente até reconhecemos que, por vezes, não foi seguida a melhor prática. Se fosse refazer, acho que consertaria esse procedimento.

Mas o Instituto Lula é acusado de lavagem de dinheiro.
Não conheço os meandros do processo, mas setores do Judiciário e MP quando não conseguem tipificar crimes, inventam. O dinheiro que veio de grandes corporações seria sujo? Essa é a questão.

E o sítio cujas reformas foram bancadas pelas empreiteiras?
O sítio não era dele. Tinha até intenção de compra depois. Mas não era dele. Só que ele precisava de um espaço para guardar os bens de presidente. Precisava de um espaço para descansar. Estava incomodado que fim de semana não conseguia descansar. Quando ia para casa de um amigo, vazava. Pode ter sido um procedimento errado do ponto de vista jurídico, mas não consigo ver nada de imoral nisso.

E José Dirceu?
É diferente o caso dele do de Lula. Ele não era presidente. Depois que o Dirceu saiu do governo, virou consultor. Ajudava as empresas até a fazer doação ao partido. Não conseguiram provar nenhum enriquecimento ilícito dele. Pelo contrário, está aí vivendo de aposentadoria.

Mas uma das sentenças fala em enriquecimento.
Não conheço os autos do processo. É complexo. Tinha advocacia envolvida. Só sei que não tem nada dele que chame a atenção. Mansão, conta no exterior… Pelo contrário, ele está quase dependendo de amigos e vivendo de aposentadoria, repito. Ainda acho que tem carga de preconceito e perseguição grande contra o Dirceu.

E Palocci?
Tenho que tomar cuidado como advogado em emitir opinião sobre processo que não conheço. O processo do Palocci, eu não conheço. Mas sei que o Palocci não foi qualquer ministro. Foi muito forte no Brasil e no mundo porque mudou a economia do país. Um indivíduo desse fora do governo ganha muito dinheiro como consultor. As coisas vêm para ele. Então não sei quanto tem de desvio nisso. Um ex-ministro da Fazenda pode ganhar milhões de modo fácil.

Mas, em sua delação premiada, Palocci denunciou um esquema de corrupção no governo e culpou diretamente Lula.
Não conseguiu provar nada até agora. Aí é muito mais desespero dele. Faz parte da tortura psicológica e da estratégia do (juiz Sergio) Moro, em que o investigado fica preso até delatar. Palocci disse que esteve com Lula no instituto para negociar dinheiro. Lula nessas reuniões de campanha designava que esses assuntos fossem tratados com os tesoureiros. Palocci é  individualista, tanto que não consegue envolver ninguém na delação. Sempre foi muito fechado e centralizador. Acho que é por isso que as falas dele estão muito soltas e sem provas. Dificilmente vai ter prova.

Por que Dilma caiu?
Porque tratou mal o Congresso. Incompetência só derruba o governo quando se trata mal seus parceiros. Guardadas as devidas proporções e as conjunturas peculiares, foi muito parecido com o (Fernando) Collor (em 1992). Se ela tivesse feito uma viagem pelo país por semana e levado os principais líderes para acompanhá-la, não teria caído. Para ser presidente, precisa gostar da política.

Haddad não é um pouco assim?
É muito mais educado e tem conteúdo.

Qual será o papel do Lula se o PT vencer a eleição presidencial?
Se ele estiver livre, será vir ao governo e ajudar a governar. Vai escolher o ministério que quiser para trabalhar. Se estiver preso, vai continuar sendo ouvido e dando as diretrizes como tem feito hoje. Mas espero que esteja solto, venha para o governo e ajude a governar. Ele pode escolher o ministério que quiser.

O senhor é a favor da decretação de indulto para Lula pelo novo presidente?
Sim. Se estou convicto de que o Lula está sendo vítima de uma perseguição política, não tem por que eu não defender a graça.

Qual é o legado da Lava Jato?
Existe a necessidade de mudança. Mas tem um legado muito negativo. Não precisavam ter deixado fazer esse estrago que fizeram em nome do combate à corrupção.

Que estrago?
Acabar com empresas nacionais, por exemplo. Nossas construtoras eram nossas grandes multinacionais que traziam divisas para o Brasil, exportavam tecnologia. Isso está custando caro para o país e ainda vai custar mais para reconstruir. Não precisava disso. Os Três Poderes deixaram o Moro virar uma instância do Judiciário sozinho.

Mas o erro, o crime, não foi dos políticos que desviaram recursos públicos?
Não só, não só, não só. Por que o Supremo não derrubou um monte de aberrações do Moro? Eu ouvi ministros do Supremo dizerem que não iam deixar o Moro virar uma instância do Judiciário e deixaram. Aliás, seria muito mais legítimo ter derrubado isso. O Judiciário pegar, tirar o Moro e falar “você vai fazer outra função porque você está acabando com o Brasil, mas nós vamos ser implacáveis no combate a corrupção também”.

Mas o STF retirou muitos processos dele.
Foi muito pontual.

Adriano Machado/CrusoéAdriano Machado/CrusoéContra a Lava Jato: o deputado defende indulto a Lula, anistia ao caixa dois e mudanças na lei de delação
Explique, por favor
Era preciso colocar limites dentro da legalidade. Chamar a sociedade civil, chamar o parlamento. Tem erro? Vamos combater, mas preservar as empresas. O princípio do razoável se aplica em qualquer lugar. É razoável em nome da Constituição você prender alguém, ficar torturando psicologicamente alguém para depois fazer uma delação e não provar que era verdade o que o sujeito disse nessa delação? Isso não é razoável e devia ter sido evitado. No governo Lula, combatemos a corrupção. Só no primeiro mandato, houve 290 ações da Polícia Federal. Com independência. O governo foi implacável no combate à corrupção. O recado estava claro: você pode até fazer, mas você vai pagar. E também querer mudar da noite para o dia uma estrutura pesada como a do Brasil, viciada, é uma irresponsabilidade muito grande. Tem muita injustiça nesse processo. Inclusive de classificação de doação de campanha ilegal como propina. Faltou coragem.

De quem?
O Congresso foi o grande negligente nesse processo todo. Faltou também uma posição da cúpula do Judiciário de corrigir os erros. Faltaram ações do Executivo. Os Três Poderes ficaram acuados e foram coniventes com os excessos.

O senhor defende anistia ao caixa dois?
Sim.

Por quê?
Porque é crime tributário. Não acho que possamos deixar ganhar essa tese de falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.  Defendo que haja anistia ou no mínimo que o caixa dois tenha apenas a classificação de crime tributário. Daí paga multa e está resolvido.

Lei de delação também precisa ser revista?
Muito.

Em que termos?
Delação só com réu solto. Crime para vazamento — sendo agente público, você tem pena maior. Preservação das empresas.

O que espera do Supremo Tribunal Federal com Dias Toffoli?
Será bem melhor do que com a Cármen Lúcia na presidência. Ele não manda sozinho, mas será outra linha.

Que linha?
Mais garantista.

Acha que ele pauta a revisão da prisão em segunda instância?
Depois da eleição, sim.

Este ano ou em 2019?
Acredito que este ano, assim que passar o processo eleitoral. Tem uma certa recomendação tácita do Judiciário de não colocar na pauta nenhum processo que desequilibre o jogo.

Toffoli é a melhor aposta para soltar o Lula?
Não só para o Lula, mas para retomar o papel do STF. Ele vai pautar aquilo que deve pautar com todo cuidado e diligência, mas não é medroso como a Cármen tem sido.

A Lava Jato aponta que o seu clube, o Corinthians, que também é o clube do ex-presidente Lula, foi favorecido na construção da arena de Itaquera por causa da relação do ex-presidente com a Odebrecht. Isso não é o ápice do compadrio?

Não foi assim. O Lula foi ao Morumbi dizer ao Juvenal (Juvêncio, então presidente do São Paulo Futebol Clube) que o estádio do Morumbi tinha que sediar a Copa. Mas o Juvenal, pela braveza dele e falta de jogo de cintura, brigou com o Ricardo Teixeira. Ou seja, o Morumbi saiu do páreo. Daí o Ricardo chama o Andrés (Sanchez, presidente do Corinthians) e viabiliza o estádio.

Três delatores da Odebrecht afirmaram à Lava Jato que pagaram 50 mil reais de propinas para o senhor no caso do Itaquerão. O que tem a dizer?
Isso foi uma sacanagem do (Rodrigo) Janot. Recebi 30 mil reais de doação da Odebrecht. Na delação, Alexandrino fala “eu acho que demos 50 mil reais para o Vicente”. O Janot vai e tipifica o crime como corrupção passiva dizendo que eu tinha compromisso de viabilizar linha de crédito para o estádio. Os próprios delatores negam. Nunca discuti estádio do Corinthians com a Odebrecht.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Curioso o entrevistador ouvir - por vários vezes - que Lula é um inocente perseguido por todos e CALAR-SE. Em nenhum momento, mencionou o CAUDAL DE PROVAS CONSTANTES DOS AUTOS, QUE LEVOU À CONDENAÇÃO, EM DUPLO GRAU, DEPOIS CONFIRMADO PELO STJ E PELO STF. O entrevistador parecia estar fazendo MATÉRIA PUBLICITÁRIA de CAMPANHA PRÓ LULA. Como matéria informativa, FOI UM ZERO À ESQUERDA.

  2. O pior de entrevistas do tipo - feitas amadoristicamente - é que ACABAM SERVINDO MUITO MAIS AOS CANALHAS CRIMINOSOS que sempre usam a oportunidade como UM PALCO, OU UM PALANQUE para divulgação do "COITADISMO" e da "VITIMIZAÇÃO". Portanto, além de não prestar nenhum serviço aos assinantes, ainda serve aos CONDENÁVEIS INTERESSES DE CRIMINOSOS. Incrível a ingenuidade e a baixa argúcia do entrevistador ou, talvez, desconhecimento dos detalhes processuais que levaram à condenação de Lula, 2 vezes.

  3. Corrupção é crime - quase sempre - comprovado por indícios, evidências e testemunhas e, claro, provas materiais - geralmente ligadas às vantagens envolvidas. Isso foi muito mal explorado na entrevista. Como também e, PRINCIPALMENTE, as incríveis "palestras", jamais comprovadas. Tampouco as vantagens recebidas por parentes de Lula e, até, a amante dele. Tudo passou em branco. Se não existisse, não se sentiria falta dessa entrevista.

  4. PORRA ! Que entrevista decepcionante. Super mal feita. Parecia até feita pelo Diário Oficial (no governo Lula). As perguntas - TODAS - ingênuas demais. Serviu, tão somente p'ra "levantar a bola p'ro cara". Pareceu trabalho escolar. Estou aposentado, mas trabalhei em Liquidação Extrajudicial de Instituições Financeiras - Lei 6024/64. Acompanhei muitos inquéritos. Nunca vi perguntas mais tolas.

  5. Mais um que sonha com um grande acordo institucional para acabar com a Lava-Jato... pelo bem das empresas nacionais, é claro.

  6. Esse sujeito é uma piada ambulante. Os principais nomes do PT estão ou estiveram em cana, e o panarício declara que só prenderam os tesoureiros do partido. Ainda bem que desistiu de se candidatar - é um desclassificado a menos para nos atrapalhar a vida.

  7. E o dinheiro da Líbia? Milhões de DÓLLARES desde 2002 internalizados pelo Palocci, cadê? Malditos!!!! Hoje voltei a pagar meu fundo de pensão roubado pelos petistas. E já aposentado desde 2012!! Malditos !!!! Lazarentos !!!!! Esconjuro !!!! Desejo a morte destes ladrões !!!! Tudo de pior para eles e suas corjas e famílias !!!!!

  8. Eles admitem que cometeram erros, poucos, de resto são de uma perfeição que beira a santidade. Tudo em nome de campanhas ou dinheiro para o partido. Bandidos frios e calculistas.

  9. É um santo. Toda cúpula do PT devia ser canonizada. Praticamente só se refere à reforma da mídia . A previdência a trabalhista a fiscal, diminuição da máquina do estado? As favas. O PT saqueou o estado na época das vacas gordas até exaurir os cofres públicos favorecendo o maior compatriota da história. Sem reconhecer suas culpas o PT jamais se reerguera e não terá novamente o apoio da classe média brasileira. Será poiado pelos incautos e analfabetos que serão facilmente iludidos.

  10. Ridículo é pouco, esse senhor é de dá nojo.. Meu Deus não desistam de mostrar ao brasileiros a miséria que estamos por causa dessa sigla.

  11. Isso porque o Vicente Cândido é um cara ponderado dentro do PT, imagina os mais malucos deles? É sempre bom repetir o óbvio: se por algum azar muito grande o PT ganhar a eleição, o Brasil acabou. Junte as trouxinhas e fuja.

  12. Ouvir pessoal do PT é como ouvir reco-reco, mais do mesmo, quado eles fizeram exatamente o que criticam, e instituíram o crime que comentam.

  13. Estão jogando TODAS as fichas no Tofolli. Mas este cara de pau diz um montão de besteiras e nunca sabe de nada. Ridiculo

  14. Não deu pra ler até o fim. Como todo petista é um grande fdp que não sabe nada. A meu ver precisava ser interrogado não entrevistado. Ao sistema CCC. Preso, torturado e morto. Que falta faz um exército de verdade. Que defende o povo que trabalha desses canalhas vermelhos.

  15. Depois dessa entrevista o Lulinha paz e amor vai ser o maior santo mundial será colocado ao lado de Jesus Cristo em todas as igrejas do mundo como mártir de uma conspiração maldosa contra a sua pessoa.Ai meu pai do céu quanta boçalidade em uma só pessoa, nunca vi isso durante a minha vida. Vamos resar para o São Lula.

  16. Pedir dinheiro é constrangedor. Roubar é a glória! Roubar principalmente para financiar um projeto de poder totalitário e eterno.Mas o bandido é o Juiz Sérgio Moro. Que gente amoral! E, pelo visto, estão levando fé na Presidência do Toffoli.

  17. É impressionante a retórica "decorada"de petistas.O que esperar de um sujeito desse que, Graças a Deus, vai deixar a vida pública!!!!

  18. UM CARA Q VIVEU DECADAS DENTRO DO SISTEMA E VIU AS EMPRESAS DO GOVERNO E PLANOS DE PREVIDENCIA SEREM SAQUEADOS E ACHA Q NAO HA BADA DE ERRADO ? E A MATERIA O COLOCA CONO SENDO UM PETISTA SINCERO. SINCERO ????? ISSO AI E' O MELHOR Q O PT TEM PRA MOSTRAR EMNTERMOS DE SINCERIDADE? DA PRA IMAGINAR O RESTO, E' TUDO UMA ESCORIA.

  19. Meus Crusoes, tenho tenho quase 24 anos de peronismo no " lombo" convivo 38 anos do petismo, poderia ser diferente o resultado final dos regimes vagabundos intelectualmente?

  20. Esse Vicente Cândido é um cínico sem-vergonha, capaz de acusar a própria mãe se isso for para o bem do PT. Graças a Deus não vai se candidatar.

  21. Quando se aplica carrapaticida nas tetas a tendência é dos parasitas se afastarem . Mas o tratamento tem que se feito também no curral, se não os parasitas retornam. Carrapaticida neles!

  22. Dentro de uma penitenciária, ninguém é criminoso. Não entendi como a Crusoé perdeu tempo em entrevistar um bandido desse. Petista bom é petista preso.

  23. Incrível, agora o Moro é o culpado. E o problema é a Odebrecht, não é a Petrobras e Eletrobras que o PT destruiu. Francamente.

  24. Impressionante, só há inocentes no PT, nāo cometeram crime de corrupção, ao contrário, o PT combateu a corrupção durante governo Lula. Quanto à Lava-Jato, ela é um mal para o Brasil. É uma pena que muitos brasileiros ainda se deixam enganar pelo PT.

  25. Esses petralhas são doentes mesmo. Que absurdo de entrevista. O quadrilheiro defende, sem pudores, calar a mídia, torpedear a Lava-jato e que os PTralhas são criancinhas inocentes… Esse pessoal realmente cheira algo muito potente.

  26. Esta entrevista me remete aos julgamentos de Stalim e ao livro de Koestler de como pensavam e agiam os que haviam dedicado a vida toda ao partido(comunista).Apesar da tortura fisica eles confessavam porque era logico para eles fazerem.Eles acreditavam que os fins justificavam os meios e haviam delegado ao partido o direito de julga-los.O militante abdica da sua ideentidade nao tem autoridade de se opor ao partido quando este decide sacrifica-lo.E como eram conduzidos a morte nada eh Candido.

  27. Nenhum arrependimento ante a enormidade dos crimes cometidos pelo seu partido que deveria ser proscrito. Parece reconhecer a essência do defeito congênito do sistema eleitoral mas não propôs nada de efetivo para realmente reforma-lo, sempre atuando com 100% de viés petralha e não como um defensor da cidadania. Não fará falta nenhuma na política, muito pelo contrário, espero que seja parte de um amplo processo de renovação política.

  28. O mundo da fantasia petista alimentado por um bando de mortos de fome ,fome de poder,de dinheiro fácil mentir e inventar é especialidade desse pessoal,a pesquisa que eles fazem só mostra números que convém queria ver o índice de rejeição ao presídiario corrupto e ladrão, os brasileiros agradecem ele ter desistido da vida pública o Brasil não merece esse tipo de político aliás ninguém merece ,por que por onde passaram fizeram um estrago

  29. De fato de crime o senhor entende bem, afinal esteve o tempo todo junto ao comando da facção criminosa do Exu de Nove Dedos. Uma pena não vê-lo preso também!!

  30. O PT poderia aproveitar essa denúncia do deputado, fazer autocrítica e desistir do absurdo de impor ao país uma figura decrépita feito a de Lula, ladrão, lavador de dinheiro e corrupto condenado. Ele e Dilma conivente, e tão bandida quanto, arrasaram o País. Se tivessem respeito, sairiam de fininho! O Brasil não vai se recuperar, com bandidos querendo enfiar as patas nos cofres públicos de novo. É uma gente nefasta! Doentia! Precisa de um choque de civilidade e HONESTIDADE! VAZA!!!!

  31. Mas é muito cara de pau mesmo! Eu acho que políticos são meio psicopatas.. como pode falar tanta mentira assim, com tanta convicção? Meu Deus!! Que horror!

  32. De cândido essa figura petralha não tem nada. É muita psicopatia trombeteada por despudorado cinismo. Coisas de belzebu. Vade retro !

  33. Esses petistas são todos psicopatas. Só acreditam no conveniente. Não passam de uma organização criminosa comandada da cadeia.

  34. Essa entrevista é um prato cheio pra combater essa associação de corruptos nas urnas. O boquirroto petista deixa claro que o objetivo máximo da candidatura do PT é indultar o Lula e colocar ele pra governar mesmo da cadeia, além de anistiar os corruptos. A maioria sabe disso, mas quando vem direto da boca deles, ganha uma força tremenda para opositores e afins, pois anula o discurso hipócrita.

  35. Que entrevista !! perda de tempo com um notório petista. Negar os crimes ou tipifica-los como crime tributário? melhor sair da politica mesmo!! Some !!

    1. Verdade! Não sei por quê a Crusoé está fazendo isso... está perdendo a graça já, tão cedo...

    1. Jornalismo independente é assim. Brasileiro não está acostumado ainda. É uma entrevista meu amigo. O entrevistado falou um monte de baboseiras previamente decoradas.

  36. A CRUSOÉ esta circulando a 17 semanas e sempre teve excelentes reportagens, mas a partir do momento que começa dar espaço para petralhas pilantras e corruptos ficar destilando suas mentiras e seus pensamentos retrógrados acende uma luz vermelha e um questionamento: será que vão entrar na mesma linha editorial da folha, do estadão, do globo que defendem esta corja da esquerda que dilapidou e quebrou o Brasil. Vamos aguardar as próximas edições para decidir se vale a pena continuar assinando.

    1. Concordo enteiramente! Até parece que Marcelo Madureira está por trás deste artigos de propaganda esquerdista. Crusoé vai perder notoriedade sí continuar assím.

  37. Acho que Crusoé perdeu uma precisosa semana pré eleitoral , com uma defesa do indefensável . Nunca vi tanto cinismo e malversação dos fatos: se querem saber a gravidade dos atos , observem as consequências!!!.

  38. Acho que Crusoé não deveria desperdiçar as poucas semanas que restam até a eleição com tamanha demonstração de cinismo e malversação de fatos!

  39. Li um pouco da entrevista. Não consegui continuar por ver tanta pouca vergonha na cara e palavras deste senhor comunista , já vai tarde seu defensor de ladrões.

    1. Nesse trecho ele confirma o que o cidadão de bem teme: Toffoli vai ajudar essa cambada de ladroes petistas e tentar afundar a lava jato.

  40. Uma coisa que sempre esquecem de perguntar é pq o caixa dois para campanha é considerado atenuante, quando na verdade é agravante. É uma influência indevida e criminosa no processo eleitoral, um verdadeiro atentado a democracia. Se um sujeito acha que usar dinheiro sujo em campanha é normal, apenas um problema tributário, esse sujeito deve ser afastado da política.

  41. Que ser abjeto, que lixo, que psicopata dos infernos! Ainda bem que está se afastando da política, menos um bandido a querer saquear o país

  42. Acabo de me convencer: no PT só há virgens, tudo o que fizeram foi pelo povo, são vítimas da zelite e Sérgio Moro é que devia estar preso...

  43. entrevista suja e mentirosa ... não deveria ser publicada ou ... ter ajustes num artigo especifico... o cara distorce tudo ... e só vê o que quer...

  44. Não adianta, nunca existirá um petista capaz de ser correto e idôneo, quem era caiu fora. Todos que permaneceram petistas após mensalão e petrolão são hipócritas, mentirosos e dissimulados.

  45. Deixem esse tipo de vagabundo pra ser entrevistado pela veja, folha e outras publicações petralhas. Se eu quiser ler cartilha capital, vou numa sede de sindicato que tem aqui perto.

  46. Quando à pessoa do entrevistado, em si, Crusoé cumpre muito bem o papel jornalístico de dar voz às vozes destoantes. É a postura correta de um veículo que respeite seus leitores.

  47. "Contra nossos tesoureiros não teve nenhuma acusação de enriquecimento pessoal, de conta na Suiça, mansão." É claro que não, os crimes dos tesoureiros foram outros. Dinheiro e outras vantagens materiais eram destinados unicamente aos escalões superiores da quadrilha, como se bem sabe.

  48. Troféu Eufemismo 2018: "Erramos também ao permitir que o BNDES incentivasse a concentração de mercado como a que ocorreu com a JBS." -- foi apenas isso, cara-pálida? O entrevistado andou lendo sobre o caso JBS nos últimos anos?

    1. Quero meu dinheiro de volta. Crusoe entrevistando petralhaaaaaaa. Me recuso a ler. LIXOOOO

  49. Sério mesmo que eu estou pagando assinatura para ler entrevista de petista? Não li e não vou ler e por favor revejam a pauta. Esse cara até um dia desses era um bost_ aqui na zona sul de São Paulo.

  50. Não consegui passar da metade da entrevista. Perdoe-me Caio. Devo admitir que o quê me falta de estômago apenas para ler, lhe sobra não só para encarar a figura degradante desse sujeito, como também para ouví-lo. Haja!

  51. Conhece teu inimigo - um dos melhores conselhos de Sun Tzu. O PT é isso mesmo: retrógrado, cínico e autoritário. Acho que faltou cercar esse meliante com os crimes fora do Brasil, mais precisamente a corrupção dos pleitos envolvendo Humala, Corrêa etc.

  52. "As eleições mais crimisosas". Há um Presidiário forçando a barrancada para candidatura! Ora, Marco lá e Fernando hBeira Maria não irão reivindicar, também? Afinalguma, todos iguais, perante a Lei?

  53. O fato deste elemento conceder esta entrevista fora de um presídio é a prova cabal que o Brasil deu errado. Nunca vi tamanha desfaçatez!

  54. É inacreditável como a burrice tomou conta do Brasil. As pessoas misturam alhos com bugalhos e não tomam decisões lógicas. Os políticos fazem tantas asneiras que já deveriam ter sido escorraçados daqui.

  55. Algum tipo de medicação contra enjôo e ânsia de vómito se faz necessária antes da leitura desta entrevista. Crusoé, não custa avisar!

  56. De fato,com o advento da Lava Jato e a sua doutrina,que conquista cada vez mais adeptos, esse Sr. corre sérios riscos:corre,Cândido!...corre!

  57. Realmente os seguidores da Seita Satânica são malucos. Além de malucos caras de pau!!! Recebeu só uma doaçãozinha de 30mil. Vemos como a Petralhada vê no Tofoli a possibilidade de livrar o maldito. Não tem jeito.... só morrendo ou matando!

  58. em que mundo vive esse rapaz? que loucura é essa? distorce, mente, relativiza e bajula........que mediocridade intelectual e jurídica.!!!

  59. Que vagabundo cara-de-pau. Colocar limites na legalidade?! Se o STF não fosse servil à esquerda deveriam colocar limites físicos nessa gente toda. Uma cela de 6 metros quadrados para cada um. Gente louca, miserável, ruim .....

  60. Coitado do Vicente Candido...uma alma altruísta desapontada sei... Eleições criminosas foram as de 2010 e 2014 quando o PT usou o dinheiro roubado e a máquina pública para eleger Dilma. Em 2018 o crime será um fundo partidário de 4 bilhões de dinheiro público para elegermos aqueles que nos roubarao. PT NUNCA MAIS

  61. Bom ler essa entrevista. Assim tenho claro que o PT, e qualquer comparsa dessa corja, não me representa. Qualquer partido que esteja junto com eles é da mesma laia. Ética, bom senso, honestidade... passam longe.

  62. O típico lixo petista defendendo o indefensável. Anistia a caixa 2, delação só com o criminoso solto, limites da legalidade (??!!)... A ditadura petista é expressa com clareza na sua fala. E quando ele diz que Ciro poderia ter sido o candidato de PT, se não fosse tão egocêntrico, é patético: fica claro que o PT só admite um egocêntrico narcisista, o Lula. Crusoé faz ótimo trabalho ao expôr as idéais e práticas desta gente.

  63. A mentalidade petralha fica clara nessa entrevista. Os caras esgarçam o conceito de moral e ética e querem moldar a Lei e a Justiça conforme seus baixíssimos conceitos e princípios éticos. Um lixo.

  64. Achei valido dar espaço a este petista. Descordo totalmente de tudo o q ele disse. Mas é bom para reafirmar o quão as ideias e estratégias destes petralhas são sacanas, e termos em mente que essa luta ainda vai longe e que ainda há muita gente disposta a detonar c o país.

    1. Esse petista é um ator. Merecia no mínimo um Oscar. Haja óleo de peroba !!!

    2. Concordo. Achei excelente. E deprimente. Mas eu creio que essa pessoa realmente acredita no que fala, acredita na inocência desses criminosos. Entre petistas só tem 2 diagnósticos: severo comprometimento cognitivo ou severo comprometimento ético. Em alguns casos pode ser os 2 juntos.

    1. Concordo. Nós já conhecemos os petralhas. Sequer pronuncio o nome dessa gente. Escumalha não deve ter Espaço

  65. "Não conheço o processo", "não foi assim", "o gol de mão do Maradona foi necessário"... Kkkkkkkk viva o Curintcháááá !!!!

  66. Meus queridos, esperava mais desta revista, neste momento da historia, onde a nação esta em busca de gente honesta e firme contra a roubalheira que se instalou no pais, todos em busca de acabar com o partido mais corrupto desta nação, ate agora....vcs vao entrevistar um bosta destes, sinceramente, como vc diz no segundo paragrafo, eu nem perdi meu tempo de ler, tanta coisa importante e vcs dando palco pra bandido politico saindo direto pras paginas policiais? arrependida de ter assinado

    1. Li pq a minha porção masoquista pediu. Agora vou vomitar. Crusoé, a assinatura está valendo muito. Entrevistador conduziu bem, deixando o entrevistado falar todas as asneiras que falou, passando para o leitor a interpretação de tudo. Isso é o PT: cinismo, vitimismo e defesa escancarada de práticas criminosas.

    2. precisa de dinheiro, e não importa de onde venha...o meu não verá mais...DECEPÇÃO

Mais notícias
Assine agora
TOPO