MarioSabino

A imprensa é um trem de subúrbio

07.09.18

Nesta semana, tivemos de enfrentar mais uma mentira espalhada por blogs sujos petistas, cumpliciados com um criminoso foragido: a de que O Antagonista tem como sócio um especulador preso por roubo em Nova York. O dado irônico é que o site foi o primeiro a publicar a notícia da prisão do sujeito. Na verdade, ele foi sócio do nosso sócio, muito antes de O Antagonista ter sido fundado.

Estou acostumado com os blogs sujos desde os meus tempos da Veja. Foram criados durante o segundo governo Lula, para tentar minar a credibilidade de jornalistas e veículos de imprensa independentes que revelaram a roubalheira do mensalão e continuam a investigar a organização criminosa que pretendia perenizar-se no poder. Não há muito o que fazer a respeito – esse tipo de lixo nasceu com a imprensa e ganhou impulso particular durante a Revolução Francesa. Os panfletos surgidos na Paris do século XVIII eram os blogs sujos da época. Deve-se à escória que os produzia as difamações de que Maria Antonieta – “L’Autrichienne”, como era chamada com desprezo – foi vítima. Inclusive a frase jamais dita por ela de que o povo deveria comer brioches, já que não tinha pão. Sobre o assunto, recomendo a leitura da biografia de Maria Antonieta escrita pela inglesa Antonia Fraser. O livro serviu de base para o filme de Sofia Coppola sobre a rainha guilhotinada.

O problema mesmo é quando você recebe um telefonema de um ministro do Supremo Tribunal que o insulta com mentiras inventadas por blogs sujos. Não faz tanto tempo, um deles, irritado com reportagens que publicamos, telefonou para xingar e, claro, ameaçar. Disse que O Antagonista “especula com a notícia” e que “enchemos o rabo de dinheiro com propina do Aécio e do João Doria”. Também disse que processaria o site. Quando tentou me intimidar, respondi que não admitia ouvir tamanhos disparates. As leviandades do ministro estão gravadas. É um procedimento obrigatório num país feroz como o Brasil, se você não quiser ter a sua cabeça cortada como a de Maria Antonieta.

A mentira desta semana veio no momento em que eu lia uma crônica de Machado de Assis, de meados do século XIX, intitulada “O jornal e o livro”. Na crônica, o Bruxo do Cosme Velho se questiona sobre se o jornal mataria o livro, assim como o livro devorara a arquitetura (na Idade Média, as Escrituras podiam ser “lidas” nos relevo e esculturas das catedrais). Ele se pergunta também sobre se o livro absorveria o jornal (o que acabaria ocorrendo no século XX, por meio das reportagens literárias de Truman Capote, Norman Mailer e Tom Wolfe, entre outros).

O fato de eu estar lendo Machado de Assis talvez seja uma demonstração de que o jornal não conseguiu matar o livro neste século XXI. Não ainda. O ponto, contudo, é outro. No momento em que a imprensa se encontra sob fogo cerrado – e merecido — no Ocidente, os títulos impressos experimentam decadência irreversível, o digital impõe corte de custos nas redações e as redes sociais se tornaram a principal fonte de informação para a maior parcela dos cidadãos, espanta o elogio ao jornal e o seu futuro brilhante. Diz Machado de Assis: “O jornal é a verdadeira forma da república do pensamento. É a locomotiva intelectual em viagem para mundos desconhecidos, é a literatura comum, universal, altamente democrática, reproduzida todos os dias, levando em si a frescura das ideias e o fogo das convicções. O jornal apareceu trazendo em si o gérmen de uma revolução. Essa revolução não é só literária, é também social, é econômica, porque é um movimento da humanidade abalando todas as suas eminências, a reação do espírito humano sobre as fórmulas existentes do mundo literário, do mundo econômico e do mundo social”.

O elogio derramado espanta hoje, mas é compreensível no contexto. Impressionado com o avanço dos Estados Unidos, a nova potência mundial, Machado de Assis estava provavelmente imbuído do espírito de Thomas Jefferson — que afirmou numa carta que, entre um governo sem jornais ou jornais sem governo, “não hesitaria em preferir a segunda alternativa”. A frase ainda é muito usada em editoriais contra a censura. Outra frase que os editorialistas gostam de utilizar, mas para justificar as imprecisões e erros do noticiário, é aquela cuja autoria acabou sendo atribuída a Phil Graham, publisher do Washington Post: “O jornalismo é o primeiro rascunho da história”. Não raro, a história fica só no rascunho.

O meu rascunho de jornalista é que, passado um século e meio da publicação da crônica de Machado de Assis, o presente da nossa imprensa é menos parecido com o de uma locomotiva intelectual e mais com o de um trem de subúrbio brasileiro: atrasado, quebrado, dependente do governo (hipótese não mencionada por Thomas Jefferson) e com um monte de gente suja surfando no teto. No entanto, como precisamos sempre chegar a algum lugar, o trem de subúrbio continua imprescindível.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Se eu fosse voce Sabino, passaria a patrulhar o que este Gadelha publica. Muito vermelho para o gosto dos leitores da Cruzoe.

  2. Brilhante artigo. Acabei lendo a crônica de Machado em que ele começa dizendo: “O espírito humano, como o heliotrópio, olha sempre de face um sol que o atrai, e para o qual ele caminha sem cessar: — é a perfectibilidade”. Hoje em dia ao invés de caminharmos para a perfectibilidade parece que caminhamos para a selvageria.

  3. Sabino você esta na obrigação moral de declara o nome do Ministro e publicar a gravação do telefonema, depois se exila e publica o Antagonista e o Crusoé desde de Paris que afinal é muito melhor do que São paulo para onde convergem a maioria dos trens suburbanos!

  4. Bom é saber Mario, ...que ainda temos profissionais da imprensa sérios que conseguem interpretar e transmitir com coragem pensamentos de grandes pensadores como Machado de Assis face ao nosso hilário cotidiano ....

  5. Gostei muito, Mário! Alguns de seus colegas de oficio se colocam como fontes de civilidade e saber, mas são fruto do mesmo atraso em que nos encontramos.

  6. A única imprensa investigativa do pais são vcs , Crusoé !!! Os únicos falam a verdade abertamente. O resto , ás vezes tem um articulista decente ou colaborador independente. Mas a imensa maioria é lixo puro.

  7. Quando é que vai existir, ou voltar a existir uma mídia que se sustenta com patrocinadores privados - vendendo seus produtos!!!!, e não com o dinheiro do governo, ou seja, o nosso dinheiro pois o governo não produz nada, somente gasta? Portanto, para mim todas as mídias que recebem verbas públicas direta ou indiretamente é "corrompida/vendida"...that's it!!!!!

  8. O que diria Machado dos governos no Brasil comprarem a liberdade de imprensa usando estatais, anúncios e chantagem. Talvez escrevesse na Crusoé.

  9. Mario, em um país que despeja gente despreparada nas universidades, não por culpa dos alunos, diga-se de passagem, a falta de senso crítico fica ainda mais potencializada. Junte-se a isto ministros do supremo que só querem sugar a sociedade em benefício próprio e o caldo da sopa do atraso está devidamente preparado. Que triste ver o que fizeram do Brasil.

    1. O "milagre" petista de oferecer vagas à rodo para os jovens não passou de conto do vigário. As universidades foram aparelhadas por professores militantes e despreparados; os alunos chegam sem base para receber o ensino superior. Amigos professores de engª relatam a necessidade de ministrarem aulas extras de reforço para tentarem dar aos alunos condições de entenderem as matérias do currículo. E o ex-ministro da educação F. Haddad, um dos pais desta porcaria, ainda pretende ser nosso presidente !

  10. Coragem Sabino, esse ministro STF julga outros por si. Depois dessa eleição do Bolsonaro jornalistas fake tipo Globo estarão desempregados por serem inúteis

    1. Sei que, talvez, vcs ainda devam esconder essa carta na manga. Mas seria muito interessante sabermos quem é o ministro (só há 3 possíveis!!!!) e divulgar a tal ligação.

    2. Divirto.... ao acusar a revista de receber propina do psdb, o tal sumaríssimo confessou seu DNA metralha.... ao mesmo tempo, deixou evidente que propina vermelha é aceitável!

    3. Concordo. Principalmente porque foi gravada sua confissão ao declarar "propina de Aécio e Dória. Ué!!! então o ministro sabe da propina????

  11. Sugiro reportagem sobre os "cientistas politicos" e sobre "marqueteiros" suas origens, conceitos éticos, destruir a imagem do candidato da oposição, independentemente dos interesses do pais.

  12. Alienado é quem não tem acesso às informações. Alucinado é quem, mesmo com a informação debaixo do nariz, escandalosamente diante do olhos, prefere não ver. O Brasil é um caso único. Em outros países c/ comunismo, a alucinação foi a última etapa do processo totalitarista. Aqui é o 1o estágio revolucionário. País acéfalo, burro, alucinado, alienado, maltratado, chamuscado, triste país.

  13. Caro Mário, vale também lembrar a frase de Hegel, para quem a leitura matinal dos jornais era uma forma de obrigação ("oração") para o homem moderno... Outra coisa: essa gravação da conversa com o "supremo raivoso" é uma peça histórica... espero que possa um dia ser divulgada !

    1. Quem controla o suprassumo, eis a questão para a qual um ateniense de apelido Platão já havia chamado atenção: "Quis custodiet ipsos custodios?", segundo a versão latina... na República, Platão responde: os juízes devem obedecer ao Bem supremo; em Brasília, contudo, nos lascamos, pois há juízes que apenas atendem aos "bens supremos"...

    2. Ó Supremo, o suprassumo da justiça para não dizer o contrário!. Quem poderia punir as v.sas excelências seria o senado, mas.......

  14. Machado de Assis sempre pertinente. Ênio Silveira foi um Comunista que dirigiu a Editora Civilização Brasileira, e recebia ajuda do Regime Militar que atacava. Hoje quase toda Imprensa é Comunista.

    1. Não tenho nenhuma duvida quanto a isso. O jornalismo brasileiro tem sido cumplice desta bandalheira toda por omissão, cumplicidade ou covardia. E contribuiu decisivamente para chegarmos no que somos hoje. Uma população carente de valores maiores não sabe o significado de uma imprensa pujante, diversa; tal como o museu, pouco significa. Uma imprensa militante e interesseira deu nisso que somos hoje. Acredito na formação dos militares brasileiros e, agora, temos que nos socorrer neles.

  15. Mário, a Crusoé faz um jornalismo da melhor qualidade. Não fosse isso, seus artigos valem a assinatura da revista. Por favor, continue escrevendo.

  16. Excelente texto e análise. É triste ver a sinuca em que se encontra a Imprensa hoje em dia. As notícias falsas dominam o ambiente da Rede, sem uma curadoria jornalística. É um vale tudo geral, normas ou formas de correção devem aparecer para proteger a população incauta, principalmente e período eleitoral, onde até facada está rolando. Valeu, obrigado.

  17. Cada vez mais nos afastamos das mentiras dos decadentes jornais impressos e bebemos a informação pura direto das redes sociais. O Antagonista e o Crusoé já nos dá a notícia fresca, nua e crua.

  18. Entrei pela primeira vez hoje na Cruzoé e estou certo de que fiz uma excelente escolha. Seu texto contribuiu para essa minha conclusão. Parabéns Sabino.

  19. Mario, e’ duro ser jornalista serio com poquissimos verdadeiros jornalistas no deserto sem rascunho do jornalismo brasileiro. Crusoe’ e’ a unica assinatura paga no Brasil que eu tenho, e aos poucos voces vao crescer, como o site do Antagonista. As medias sociais - que no Brasil o WhatsApp e’ a unica maneira de voce fugir da censura e da corrupcao $ e intelectual deve ser o foco de crescimento de voces. Vai direto no povo, que esta’ ansioso por informacao e nao acredita na midia descarada. Força

  20. PARABÉNS Mario Sabino!! Belo desabafo!!!!! Por favor, continuem enfrentando esses políticos destituídos, principalmente, de intelecto!... Na verdade eles têm muito MEDO de O Antagonista e da Crusoé!!!!

  21. Que leitura agradável! Sua capacidade de escrever de forma simples os assuntos mais áridos desvela sua cultura e inteligência.

  22. Mário Sabino, escreve sempre muito bem e com uma coerência exemplar! Ah, se todos fossem iguais a vc, diria Vinícius, q delícia seria ler nesse país. Pena que não, não concorda?

  23. MÁRIO , Desculpe , mas você merece nossos parabéns com respeito . Viva a imprensa ,mesmo que nesse teto deste TREM SUBURBANO ,existam SURFISTAS preconceituosos ou aqueles que dissimulam suas afinidades ideológicas , até por ter vergonha delas , e em seu delírio de frustrações se tornam intolerantes e preconceituosos .Mas isso o leitor identifica , e continuando sua leitura na pagina seguinte ,nas tintas da liberdade ,lava a alma na leitura de outras versões de verdades corajosas . Carlos

  24. Excelente texto. Após fazer a assinatura da Revista Crusoé, eu pude constatar o quanto é necessária uma leitura lúcida, divorciada do poder estatal que, muitas vezes, influencia e financia a notícia.

  25. Este comentário me leva a um escândalo que estourou aqui no RS, o dos trens da Trensurb, mais de 200 Milhões foi o custo , os trens vieram com as rodas fora do padrão dos trilhos, com infiltração de água nos rolamentos dos motores, e a estrutura dos vagões desnivelada, e pior de tudo, não foram testados na fábrica a pedido da própria direção da Trensurb.

    1. Olá Vinicio. Você se refere aos trens da Alstom? Se for saiba que em SP a empresa se recusou a colocar amortecedores nos trens. Foi preciso um incidente grave durante os testes dinâmicos para que a Alstom colocasse os amortecedores. O primeiro trem chegou em 2012, mas a frota só foi entregue operacional em 2014. E ainda hoje o trem é um lixo com diversas falhas de projeto, principalmente no software de controle de tração.

  26. Qual dos dois ministros do Supremo teria ameaçado o jornalista? Qualquer dos dois tem "estatura" para tanto e até para mais e maiores proezas...

  27. Ler Mário Sabino faz valer cada centavo em assinar Crusoé. Que prazer a cada coluna lida e saboreada. Aguardo ansiosa a chegada de cada edição!

  28. O que estão esperando pra divulgar essa gravação do tal ministro do STF? Passou da hora de exigirmos impeachment de alguns ministros do STF...

    1. Concordo.Jornakismo é isso.Precisamos limpar os setores infiltrados do mecanismo.

  29. Machado de Assim um dos maiores escritores de todos os tempos, mas nossos alunos mal sabem quem é Mario essa do Ministro tem que ser vazada

  30. Corroborando este texto exemplifico com o despreparo dos entrevistadores da Globonews, veículo para um público mais esclarecido, verificado nas entrevistas com as chapas concorrentes à presidência. Até o Haddad conseguiu coloca-los nos bolso graças à inquirição tosca , raivosa, ignorando dados concretos e os fartos fundamentos que demoliriam a "narrativa" petista.

  31. Queria saber o que Fulcanelli e sua análise das catedrais diria sobre as ‘da Fé’, ‘de Salomão’ etc. de hoje em dia? ‘Putrefatio Sublimatio’ em nível de hecatombe?

  32. Com uma maioria que não tem instrução, se sujeitando às promessas que a corrompem, dificilmente seremos um país exemplar.

  33. Querido Mário, o grande serviço que vocês da Crusoé e do Antagonista têm feito é não apenas se pautar pela transparência, mas utilizar esta para questionar os discursos que a 'velha' imprensa constrói a sua conveniência, eliminando a postura crítica do cidadão diante de sua realidade. Obrigado por diariamente lembrar a seus leitores a importância da crítica, do questionamento constantes em meio a uma sociedade que parece estar começando a acordar atordoada após uma década de adormecimento.

  34. Então, se resta claro quem é sócio e em quem vota, ao contrário do eterno paradigma da imprensa brasileira, parece que não estão enganando ninguém mesmo!! concordo!

  35. Excelente. Acompanho O Antagonista desde o seu nascimento. Longa vida a O Antagonista pelo amor que insistimos em ter ao Brasil.

  36. Gosto do antagonista e da Crusoé porque são transparentes. Comparo algumas noticias e vejo que a Grande Mídia não replica algumas de grande relevância, como foi o caso do Ministro Gilmar. Isso é admirável. Sobre críticas boas ou sujas, são positivas. É só separar e seguir com as boas. Parabéns a vocês pela luta!

  37. Antônia Fraser mesmo... Mas o conteúdo confirma o dito!! Agora, quanto ao "Supremo" ser, parece não ser ligação de estagiário mas de alguém com fixação por enfiar reportagens, propinas, dinheiro, tudo no mesmo lugar. Ainda liga para um cara chamado MÁRI0, com seu inconsciente respondendo ardentemente à pergunta atávica ... que Mário?... que Mário??...

  38. Faz 1 mês que assino a Crusoé. Toda sexta feira é um prazer ler a revista de excelente qualidade a um preço justo. Não só porque me identifico com 99% das opiniões escritas mas porque, como está implícito no próprio nome, é uma ilha de isenção e qualidade em meio a uma imprensa vendida e dependente de verba governamental. Torço muito pelo sucesso e continuidade da publicação.

  39. Mario, esquenta não. Hoje, acompanhamos com tristeza a atuação de certos ministros do STF. E quando um deles perde as estribeiras de tal forma, significa que estamos no caminho certo. Dizem que a versão, muitas vezes, é melhor do que o fato. Prefiro o fato. Parabéns pelo jornalismo que produzem.

  40. Que time! Esses textos do Mario e as crônicas do Diogo já valem a assinatura anual. Mas é necessário ressaltar que sem os dois, que fundaram o Antagonista, não estaríamos vivendo um quarto do que vem acontecendo no Brasil. Um imprensa livre de verdade nos salvou. Ninguém imaginava que isso fosse possível, mas os dois foram lá e fizeram. Nunca na história deste País, tantos deveram tanto a tão poucos. Obrigado Antagonistas e sua ilha de jornalismo.

  41. Prezado Mário, me ocorreu uma lembrança, a quantas andam as informações sobre os 100 mil mensais que o eminente Ministro das cortes superiores recebe POR MÊS se sua esposa advogada?

    1. Sim, caro, obrigado. Minha memória me traiu. Corrigido.

  42. Excelente texto Mário! Podemos imaginar quem seja o ministro. Só fico imaginando vocês recebendo propina do Aécio - chega a ser hilário. Parece que o tal ministro não processou né? Imagine a gravação vir a público?

  43. PQP que artigo bem escrito que palavras tão verdadeiras que locomotiva ativa resfolegando verdade quanta lenha na caldeira quanta brasa viva no coração que momento bom. Abraço

Mais notícias
Assine agora
TOPO