Raysa Leite/FolhapressO atentado a Bolsonaro:

Uma facada na democracia

A degradação do ambiente político do país chega a seu ápice: Jair Bolsonaro, candidato à Presidência da República pelo PSL, é esfaqueado durante um evento de campanha na cidade de Juiz de Fora, em Minas Gerais
07.09.18

O relógio se aproximava das 16 horas quando o sorridente Jair Messias Bolsonaro, líder das pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República, era carregado nas costas por simpatizantes no calçadão da rua Halfeld, tradicional ponto de campanhas eleitorais no centro da cidade mineira Juiz de Fora. Vestindo uma camiseta amarela onde se lia em verde a inscrição “Meu partido é o Brasil”, o candidato seguia para um comício a poucos metros dali. Ele acenava ao público que, dos prédios ao redor, observava o movimento quando, subitamente, uma faca de cozinha atingiu seu abdômen. Em poucos minutos as imagens captadas por dezenas de smartphones ganhariam as redes, revelando o drama por diferentes ângulos. Bolsonaro grita, curva o corpo para a frente e junta as duas mãos sobre a barriga. Seus seguidores de pronto providenciam um pedaço de pano para cobrir o ferimento e se apressam para levá-lo até uma viatura da polícia que o transportaria para o hospital mais próximo, a Santa Casa de Misericórdia da cidade. O agressor, Adélio Bispo de Oliveira, um ex-filiado do PSOL que na internet desferia ataques ao candidato e a outros políticos, foi logo cercado – e agredido pelos militantes antes de ser preso. Em uma das mais acirradas campanhas eleitorais de todos os tempos, a democracia acabara de ser ferida. A 31 dias da eleição, estava consumado o mais grave atentado a um candidato a presidente na história do país.

Bolsonaro chegou ao hospital em choque, correndo risco de morrer. Foi levado direto para o centro de exames de imagem. Uma tomografia constatou que a perfuração havia atingido seu intestino grosso e causado, ainda, três lesões no intestino delgado, o que obrigou a equipe médica a transferi-lo imediatamente para o centro cirúrgico. A artéria mesentérica, que irriga o sistema gastrointestinal, também havia sido atingida, o que provocou abundante hemorragia. O candidato precisou de uma transfusão de dois litros de sangue. Depois, numa cirurgia que durou quatro horas, seu quadro de saúde foi estabilizado. As lesões internas foram tratadas. A hemorragia, contida. Depois dos procedimentos, com o abdômen aberto, os médicos anunciaram que Bolsonaro encontrava-se “estável” e “sem risco iminente de morte”. Havia expectativa de o candidato ser transferido, nas horas seguintes, para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo. Mas, já no fim da noite, um novo boletim informou que, àquela altura, Bolsonaro não tinha “estabilidade hemodinâmica” suficiente para permitir a transferência e que uma nova avaliação médica seria feita pela manhã. Três médicos do Sírio viajaram a Juiz de Fora para acompanhar o caso. Crusoé atualizará, com notas no Diário, as informações sobre o estado de saúde de Bolsonaro.

Fábio Motta/Estadão ConteúdoFábio Motta/Estadão ConteúdoO candidato é socorrido: lesões no intestino e hemorragia interna
O modelo de campanha adotado por Bolsonaro ajudou na consecução do atentado. Entre os candidatos ao Planalto, ele é dos poucos a fazer o corpo a corpo com eleitores, sempre em meio a multidões e em ritmo alucinante. Para além da proteção dos policiais federais que fazem a segurança dos presidenciáveis, ele sempre contou com o auxílio de alguns seguidores, também policiais, que fazem as vezes de guarda-costas. Em Juiz de Fora, não foi diferente. Horas antes do atentado, em outro ato de campanha na cidade, ele foi visitar um hospital público. Houve problemas desde a chegada. A entrada estava bloqueada por apoiadores que queriam vê-lo. Seguiu-se um tumulto com pacientes. Logo depois, ao chegar a um hotel para almoçar com 600 empresários e lideranças da região, houve nova confusão, agora entre seguranças – os contratados para o evento e os que cuidam de Bolsonaro. O presidente do PSL e coordenador da campanha, Gustavo Bebianno, chegou a ser barrado na entrada. Bolsonaro fez um breve discurso e se retirou. Estava rouco e não se sentia bem. Dali ele partiria para a agenda seguinte, aquela que, pelo inédito ato de violência, marcaria indelevelmente a corrida presidencial deste ano.

A despeito de não haver informes de inteligência da Polícia Federal sobre ameaças concretas nem relatos do próprio candidato sobre ameaças, em reuniões nas últimas semanas o staff de Bolsonaro chegou a discutir com ele os riscos de fazer campanha em lugares públicos e com muita gente. Coube ao general Augusto Heleno Ribeiro, um dos mais influentes auxiliares do candidato, fazer a advertência. “Alertei que o pior atentado era esse com faca. O revólver você percebe mais fácil, você tem que sacar e apontar para o seu alvo. A faca o cara pode esconder na manga da blusa e tirar já em cima do alvo”, contou Heleno a Crusoé. O general reformado diz que a preocupação com a segurança do presidenciável também cresceu na medida em que se tornaram mais intensos os ataques dos adversários nas redes sociais e na propaganda eleitoral no rádio e na TV: “Era natural diante da campanha que estava sendo feita contra ele, na base do ódio, da pregação de que ele era um inimigo do Brasil”.

ReproduçãoReproduçãoAdélio Bispo de Oliveira, filiado ao PSOL de 2007 a 2014, foi preso em flagrante
Aliados dizem que, embora o comitê de Bolsonaro não tivesse conhecimento de ameaças reais, Bolsonaro tentava precaver-se na medida do possível. “Ele sempre foi um cara muito preocupado com esse tipo de coisa. Botava o pessoal em volta dele”, afirmou o deputado federal Alberto Fraga, candidato a governador do Distrito Federal pelo DEM e um dos parlamentares mais próximos do ex-capitão do Exército. Embora tomasse alguns cuidados, Bolsonaro não gostava de usar colete à prova de balas. Em alguns eventos, ele até cedeu e usou. Mas, frequentemente, resistia à ideia. “Às vezes, colocava o colete pressionado pelo pessoal que acompanha as agendas. Mas evitava. O colete é muito pesado e imagine usar isso em um local que faz calor”, diz o general Heleno.

Adélio Bispo de Oliveira, o autor do atentado, tem 40 anos, trabalha na construção civil e vivia em Montes Clarinhos, cidade distante 1.000 quilômetros do lugar em que ele perpetrou o ataque. Há dez dias ele havia chegado a Juiz de Fora, onde estava morando em uma pensão. Seu perfil nas redes sociais, que já está sendo vasculhado com lupa pelos investigadores, é um tanto confuso. Evoca, por exemplo, o “prazer no triunfo da Justiça”. Tempos atrás, ele escreveu: “Não Inporta Em Que Partido Tu Militas, Nem A Ideôlogia Que Acreditas Ou Fè Que Tu Praticas, Se Você Tens Prazer No Triunfo Da Justiça Então Somos Irmãos!!! [sic]”. De acordo com os registros do TSE, ele está com o título de eleitor cancelado e, atualmente, não é filiado a nenhum partido. A inscrição pretérita no PSOL se deu em Uberaba, no Triângulo Mineiro. Ele manteve a filiação ao partido de 2007 a 2014.

ReproduçãoReproduçãoA arma: a faca de cozinha com lâmina de mais de 20 centímetros foi apreendida
O perfil revela ainda uma pessoa solitária. Em suas publicações, há pouca ou nenhuma interação com amigos. Nas fotos, Adélio está sempre sozinho. Quando aparece acompanhado, é em eventos públicos. Alguns de seus posts trazem críticas a Jair Bolsonaro, embora o presidenciável não seja seu único alvo. Junto a um foto do candidato do PSL, ele registrou que tinha “nojo só de ouvir, que dizer [sic] que a ditadura deveria ter matado pelo menos uns 30 mil comunistas”. Em outra publicação, criticou os apoiadores de Bolsonaro, comparando-os a alguém que tem fezes no lugar do cérebro. O esfaqueador, que foi preso e era mantido até a noite desta quinta-feira sob forte escolta policial, também dedicava uma parte das suas publicações a críticas ao presidente Michel Temer e à maçonaria. Ainda no Facebook, Adélio defendia a Venezuela e o comunismo. Em uma de suas postagens, ele elogia um vídeo do ditador Nicolás Maduro inaugurando uma avenida.

Para tentar entender as razões do atentado a Bolsonaro, a Polícia Federal, responsável pelo caso, fez buscas no endereço do servente de pedreiro, apreendeu documentos e, segundo as primeiras informações, um telefone celular. Ainda nesta quinta, agentes também ouviram familiares dele. Alguns contaram que Adélio sempre apresentou sinais de distúrbios mentais. Logo após ser preso, ele disse ter agido a “mando de Deus”. Já no início da noite, a Polícia Civil de Minas e a Polícia Federal passaram a trabalhar com a possibilidade de participação de mais de uma pessoa no atentado ou mesmo de ter havido um mandante. Além de Adélio, foram presos dois suspeitos. “Mas não há nada confirmado ainda. Estamos investigando”, diz uma fonte ligada ao caso. A PF está revendo vários vídeos para averiguar a suspeita de que, nos  instantes anteriores ao ataque, a faca teria passado por outras mãos até chegar a Adélio Bispo.

ReproduçãoReproduçãoLogo após o atentado, a cúpula do governo, em Brasília, recebeu a imagem de um manuscrito com o quadro de saúde de Bolsonaro: “paciente grave”
O crime ocorreu um dia depois de o Ibope divulgar uma pesquisa em que Jair Bolsonaro aparecia com 22% das intenções de voto, seu maior índice na campanha. A sondagem revelou ainda que a rejeição ao presidenciável também havia chegado a um patamar inédito: 44% disseram que não votariam nele de forma alguma. Ainda é cedo para avaliar o impacto do atentado na campanha. A tendência é de que, em um primeiro momento, Bolsonaro seja beneficiado porque terá um nível de exposição, especialmente na televisão, que não teria em toda a campanha – na propaganda eleitoral, ele tem apenas oito segundos. Além disso, a repentina condição de vítima tende a arrefecer ou até  mesmo cancelar os ataques por parte dos adversários, principalmente de Geraldo Alckmin, detentor da maior fatia no horário eleitoral gratuito e cuja campanha estava focada em atacá-lo. A primeira sondagem que irá analisar o impacto do atentado será feita pelo Datafolha nesta segunda-feira, dia 10, e divulgada no mesmo dia.

Ao mesmo tempo, como a cirurgia vai impor a Bolsonaro um período de repouso forçado, ele terá de ficar longe das ruas. Em sua equipe, há quem considere que não será possível retomar a campanha tradicional e a agenda de candidato antes da votação de primeiro turno, marcada para o dia 7 de outubro. Os adversários de Bolsonaro foram unânimes em repudiar o ato criminoso. “A violência contra o candidato Jair Bolsonaro é inadmissível e configura um duplo atentado: contra sua integridade física e contra a democracia”, disse Marina Silva. Ciro Gomes classificou o ocorrido como uma “barbárie”. Geraldo Alckmin criticou o “ódio” da sociedade e chamou o atentado de “inaceitável humana e politicamente”. Já o petista Fernando Haddad declarou que repudia “totalmente qualquer ato de violência”. A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, afirmou ter “enorme preocupação” com a liberdade de candidatos e eleitores, de todas as ideologias. O presidente Michel Temer mandou reforçar a segurança dos presidenciáveis e disse que o “triste” episódio “não pode passar em branco”.

ReproduçãoReproduçãoO candidato depois da cirurgia: sinal de positivo
Enquanto uns tentavam pregar a pacificação, outros pareciam interessados em manter a toada de enfrentamento. Militantes de esquerda ironizaram o atentado e fizeram circular, também nas redes sociais, a mentira de que tudo não passaria de uma armação. Gustavo Bebianno, o coordenador da campanha, anunciou que “agora é guerra”. O candidato a vice na chapa do ex-capitão, o general Hamilton Mourão, culpou o PT pelo ataque. Em entrevista a Crusoé, Mourão declarou: “Se querem usar a violência, os profissionais da violência somos nós”. Se esse for o caminho, o maior ferido será o Brasil.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. é um absurdo a mídia culpar a vítima; sempre tentam a desculpa do " estado mental " do bandido. Os petistas , Ciro Gomes e Boulos há anos fazem discursos de ódio muito mais virulentos, e a mídia faz de conta que nada víu, nada ouviu.

  2. Parabéns, Crusoé ! Vocês praticam o verdadeiro jornalismo. A isenção, a precisão e o respeito ao leitor fazem desta Revista uma referência na mídia atual, em contraste flagrante com outros sistemas que exploram a alienação de muitos. Meus sinceros cumprimentos !

  3. Na verdade , acabei de ouvir as declarações do Adélio na avaliação inicial da justiça e ele não apresenta um quadro típico de um pepezão ou com desequilíbrios emocionais graves ! Seria interessante uma pesquisa na direção de como ele foi induzido ao ataque !

  4. Ronald Reagan foi capitão da aeronáutica, e um dos maiores presidentes da história dos EUA. O nosso Capitão Jair Bolsonaro já está se recuperando, e junto a Paulo Guedes, Onyx Lorenzoni, Mourão, Augusto Heleno, fará um governo nacionalista, liberalizante e, certamente, com os menores níveis de corrupção da história do país. Avante, Capitão!

  5. Num país onde são assassinados criminosamente na media 7 pessoas por hora, vivemos uma situação endêmica, tornam-se muito mais vulneráveis as pessoas publicas. Será que os candidatos terão que fazer campanha circulando em Papamóvel nas vias publicas ?

  6. Sou de Juiz de Fora e fiquei bastante apreensiva com a vinda do Bolsonaro à minha cidade, pois havia, na manhã do dia do atentado, intensa movimentação nas redes sociais, eu mesma li muitas postagens no facebook, de alunos e professores da área de humanas da UFJF. São militantes petistas que estavam combinando de ir ao centro da cidade, onde o candidato faria caminhada no período da tarde, para um confronto com os apoiadores de Bolsonaro. A mim me parece claro que o PT está por trás do atentado

    1. Tudo é possível, num partido que tem dois prefeitos do PT assassinados, Celso Daniel e Toninho do PT e no caso Celso Daniel todos os envolvidos em investigação e até o legista numa evidente queima de arquivo, tudo podemos esperar.

  7. Ciro, Alkmin, Boulos partidos ou candidatos que propagavam o ódio contra o candidato, direta ou indiretamente contribuíram para o atentado. Ele apenas simboliza uma arma, tendo em vista que é extremamente contra o desarmamento.

    1. completando ...mostrava até o corpo todo, para mostrar que ele esava com equipamentos realmente ligados ao seu corpo e mandava um jornal petista fotografar.

  8. Investiguem porque com tantos e tantos Clubes de Tiros em Minas Gerais, inclusive nas cidades em que ele esteve... porque foi para o Clube de Tiro frequentado por um Bolsonaro??? Fica a dica.

  9. Foi um atentado à Democracia e ao Brasil. Não importa se o candidato é de direita ou de esquerda. A intolerância é inaceitável.

  10. Crusoé investigue profundamente este triste episódio pq há muitos fios soltos dos 2 lados. A imagem do ataque é a mesma em toda a net, revistas, jornais sendo que muita gente estava filmando, pq? Ao ser atacado ele coloca a mão no centro do abdômen e se inclina muito rapida e levemente para frente e depois para trás, diferentemente do que ocorre em qquer lesão na área que a pessoa se curva para frente e não consegue retornar. Falta de sangue na camiseta, na faça e tb qdo ele é levado carregado.

    1. Sou médico e não vi nenhuma contradição ou inconsistência em todas as imagens e relatos do atentado sofrido pelo Jair Bolsonaro. Houve uma grave lesão com sangramento interno (na cavidade abdominal) razão pela qual não houve, ou houve pouco, sangue visível externamente. Quanto a essa história de que "qualquer lesão na área que a pessoa curva para a frente ... não consegue retornar" não faço a menor ideia de onde teria surgido tal noção, totalmente sem fundamento.

    2. Na foto da capa é possível notar um ferimento superficial, um tecido é precisando cubrindo o restante do abdômen e não há sinal de sangue. E, mais uma vez, é a mesma imagem em toda a mídia, como se fosse oficial. Além disso, a rápida recuperação quase que milagrosa e a exploração dos filhos e do Malta. Claro que houve uma lesão, mas pra quem entende minimamente de anatomia, falta sangue, se tivesse sido profunda ele se curvaria pra frente e não teria condições de retornar a postura. investiguem!

  11. Calma. Daqui de dentro do Exército dá para entender tudo. O caso Marielle já é quase resolvido. Foi briga de facções mesmo, as verdadeiras proprietárias dos políticos do RJ. O caso facada vai seguir do mesmo jeito. Um tempão sem resposta oficial, para evitar as distorções. Confiemos no trabalho da PF e não esperem resposta oficial rápida das autoridades. Fiquem ligados na Crusoé que pode ter mais verdade aqui nos comentários do que nas outras mídias fakes. Melhor a dúvida do que a mentira...

  12. Este lamentável episódio não só esfaqueou um Presidenciável como também nossa pseudo democracia, que tinha e espero ter ainda a esperança de se tornar uma verdadeira Democracia, com Bolsonaro eleito presidente do Brasil!

    1. Jacinta, até que enfim achei alguém com bom senso de também saber que aqui neste país nunca existiu plena democracia. A grande mídia, de cada 10 palavras que se fala e se escreve, 11 são democracia. Não tem isso por aqui, não. Ilusão.

  13. Pergunto a quem querem enganar? Chegou em Juiz de Fora 15 dias antes do atentado , pagou adiantado em dinheiro , tinha 4 (quatro) celulares , um laptop , está sendo defendido por uma banca de advogados aparentemente muito cara , dizendo que a Igreja está pagando , inclusive um avião particular , e o Ministro Jungman , que até hoje só fez prognósticos furados ( intervenção no Rio acabaria em 2 meses , o assassinato de Marielle seria resolvido em 1 semana) agora já sapecou que o cara é maluco

  14. Por favor, até aqui tudo bem com sua materia. A populaçao brasileira IMPLORA para que voces nao se transformem tambem em traficantes de "noticias". Nao merecemos isto. Somos um povo trabalhador (denota-se pelo tanto de impostos que produzimos...), de bem com a Vida, um tanto "irreverente" no humor, mas nao merecemos ser tratados como gado ignorante, pela midia. Grata

    1. Concordo com você. Estou achando que essa matéria podia ter sido feita por jornalistas da Rede Globo. Lamentável!

  15. Ainda que os comunistas fossem o melhor para o Brasil, não consigo aceitar que um brasileiro inteligente aceite ser governado por um corrupto super condenado e que aguarda o julgamento de uns outros seis processos criminais--não políticos- processos contra meliante mesmo.

    1. E pior ainda é que tem cristão que vota em comunista!Cristão que vota em comunista torce para o diabo na terra.

  16. E o nojento professor Marco Antônio Vila quer colocar nas mentes pouco evoluídas, "que quem atacou Bolsonaro, é um simples louco, que é sómente um ato contra um político, que não é um ato de contra a política, ou seja contra a democracia... Será que este professor já foi também comprado?

  17. O processo injusto de desmoralização pública dos militares vem de longe isto desagradou muita gente. Agora tentaram contra a vida de um Militar apenas pelo fato da possibilidade de um Militar voltar a governar o País. " Esta merda vai feder ". Nas ruas a coisa pode sair do controle.

  18. Atos como este normalmente trazem consequências imprevisíveis. Este ato acende o pavio do confronto direita e esquerda. Os políticos entendem e absorvem , os militantes não aceitam e não sabemos o que poderá vir pela frente. A direita , principalmente os militares, vem sendo atacados e enxovalhados a muito tempo. Os velhos políticos sempre aconselham : " Não acendam a brasa dormida " . A política é mais explosiva que a religião.

  19. Na foto publicada hoje pelo Estadão aparece o bandido. Excetuando-se os seguranças, a única pessoa sem celular nas mãos. Porque seu celular foi passado para sua comparsa ou seu comparsa. A PF achou algum celular com ele? Só se for um dos 4 porque ele deve ter dispensado um deles para a pessoa que o estava ajudando ali.Gente podre, muito podre de ideias e espírito.

  20. Malta publicou uma foto recente do ferimento e cirurgia da barriga do Bolsonaro, e eu ouvi uma pergunta: tem foto mostrando o rosto dele. Malta, você precisa caprichar na outra foto, tem gente que não acredita. Eles tem dificuldade em aceitar a verdade. Miopia seletiva.

  21. Se existe uma chance para o Brasil sair dessa atoleiro, a chance é desmontar a podridão da mídia tradicional. Esse é o maior, mais grave, mais pernicioso e mais duradouro problema do país.

  22. Minha sugestão aos editores de Crusoé: permitam acesso gratuito a matérias escolhidas como a matéria da fortuna dos filhos do preso-maior ladrão do país, informações sobre o Toffoli, as informações desse atentado absurdo, informações sobre o incêndio no Museu. Eu não sei mais quais, mas sem o trabalho de uma imprensa resiliente e muito combativa, virar Venezuela é só uma questão de tempo. Pouco tempo.

    1. Numa crise como essa, poderiam fazer uma exceção ou um meio termo, tipo um resumo gratuito das mais bombásticas para ajudar o País a superar essa e evitar a Venezuelização.

  23. Li atrasado, só hoje domingo. Mas acho que já encontraram o RAMON MERCADER TUPINIQUIM, para que não sabe foi quem matou TROTSKY no México em 1940. A "índole" da esquerda é violenta, mórbida, criminosa e assassina. Comunista bom é um quadrado redondo, não existe. "A essência do comunismo é o homicídio, a maladade" Fernando Pessoa.

  24. Está clara a participação de uma quadrilha bem organizada !! Quem pagou ? Que planejou ? Quem está pagando os advogados ? Por que ele tinha 4 celulares ? Para quem ele ligou ? Quem foram os mandantes ?? A gente já sabe , espero que a PF também chegue a mesma conclusão !!

  25. Alguns vídeos particulares e que rodam nas mídias sociais evidenciam uma ação perpetrada por pelo menos três pessoas, sendo uma delas uma mulher. É bom que se investigue de maneira percuciente pois as implicações podem ser mais graves na orquestração do que um ato individual tresloucado como querem fazer crer alguns canais de televisão e alguns periódicos da mídia escrita.

    1. Tem razão, Mário, não observei a data. Li somente hoje. Peço desculpas pelo comentário indevido.

    2. A reportagem foi feita no dia do atentado. Nada de “requentado”. Nem a polícia tinha “fato novo”.

  26. Estão criticando o Bolsonaro porque ele está no hospital fazendo mímica com as mãos, como se fossem armas...E jogar os punhos no ar incitando a revolução ? gesto de carinho?

  27. Com certeza esse capítulo dará a verdadeira desonra que o PT merece, parece que mesmo dentro da cadeia o condenado e encarcerado continua seu conluio contra o Brasil

  28. Estamos arrasados! Presos a um País sem leis ! Bolsonaro é a esperança contra está esquerda perigosa e inculta ! São fanáticos e não querem perder seus empregos e bónus de MST e outras entidades nada cristã!

    1. O atentado foi inadmissível e temos que ir a fundo para buscar outros eventuais responsáveis. Quanto ao Bolsonaro, espero que se recupere logo, mas dizer que é a esperança é demais. No máximo tem boa intenção, só que capacidade zero para governar uma prefeitura que seja.

  29. Isso não é novidade, especialmente ali na região. Procurem ler sobre a Matança do Forum na cidade de Passos e também leiam OS Contratadores da Morte publicado pelo Prof historiador Antonio Grilo da Universidade de Passos, onde ele reedita parte dos fascículos publicados pelo escritor e jornalista passense Antonio Celestino(muito conhecido e influente na época, hoje totalmente apagado da Historia , a não ser por uma rua com seu nome na referida cidade ) entre 1916 e 1917 .

  30. Depois de 24h. do episódio cometido contra o Bolsonaro, ele parece que está se recuperando bem. Desde o momento do atentado, ele foi o assunto principal da grande imprensa e das redes sociais. Após esse fato lamentável, a campanha eleitoral tomou um novo rumo. Para os seus adversários aumentou o desespero, já ao Bolsonaro, penso que ele nasceu de novo, ganhou a chance de viver e vai ganhar no dia 7 de outubro. Deus acima de tudo e o Brasil acima de todos.

  31. Chegou a hora de dar nome aos bois. O Bolsonaro sempre defendeu o uso da força contra os criminosos, estupradores, traficantes e assassinos. Portanto, é um defensor implacável de inocentes e abomina a covardia contra os indefesos. Ele não dissemina a violência. O que ocorreu ao Bolsonaro foi um ato covarde. Só covardes disseminam a violência contra inocentes.

    1. É cômodo afirmarem que Bolsonaro incita violência, mas ele é a favor de tratar criminoso como criminoso. Os apoiadores que querem eleger os mesmo, disseminam que Bolsonaro eleito vai retornar a ditadura, só podem querer permanência dos desmandos no país, por estarem mamando, enquanto a corrupção mata literalmente.

  32. A força do Bolsonaro está na sua capacidade de verbalizar a indignação contra a covardia que assola o Brasil, indignação que é também dos brasileiros que não foram cooptados pela mente assassina que se tornou dominante na elite intelectual, religiosa e empresarial do Brasil.

  33. Com rara exceção, todos os seus concorrentes são covardes. Pois, mentem, difamam, manipulam a sociedade brasileira atacando um sujeito que se tornou porta-voz da indignação contra a corrupção e a violência dominante, cujas vítimas enxergam nele a esperança de tirar o Brasil desse atoleiro moral.

  34. tem um vide rolando onde um cara se aproxima do bolsonaro, na hora de entrar na viatura e aperta com força a lateral da suas costelas, o cara esta do lado do cara com a camiseta preta da banda nirvana, alguém mais viu isso???

  35. toda a oposição se sensibilizando com o ocorrido!!! duvido muito, essa esquerda são todos ratos, estão é desejando a morte dele.

  36. Estranho, o agressor foi filiado ao PSOL, o museo que pegou foco, era administrado pelo PSOL, a solicitação de descriminalizar o abordo no STF, é do PSOL, O não cumprimento de pena após condenação em 2ª instância que tramita no STF, é de autoria do PSOL, será que não tem alguma coisa muito errada com esse PSOL, não?

    1. Tem tudo errado com o PSOL. Mas sei lá por que, ninguém investiga.

    2. Ainda o Boulos com aquela cara de Maduro. Tipo Lula e Apos Boulos = venezuela

  37. Precisamos acalmar o país e orar. Os lulitantes são em grande número e estão dentro de famílias boas também. Infelizmente a suite federal está engordando o verme.Pena que ele não pode ficar num presidio federal. Quando Deus o levar, ainda assim vai ter fanáticos da seita imitando o seu mestre.

  38. ALGUMAS PERGUNTAS: AUXILIAR DE PEDREIRO QUE FICA HOSPEDADO 15 DIAS EM PENSÃO E PAGA EM DINHEIRO????? QUE TEM 4 CELULARES, UM NOTEBOOK???? QUE TEM VÁRIAS PASSAGENS COMPRADAS PRA SE DESLOCAR??? QUE APESAR DISSO TUDO É DITO SER UM MALUCO????? E QUE, ALÉM DO DINHEIRO TEM TODO ESSE TEMPO SEM TRABALHAR???? AH...VEM CÁ...ESTÁ FALTANDO ALGUMA COISA AÍ.

  39. Pelos comentários dos militares, ninguém tem razão. Acirram ainda mais a cizânia. O país precisa de um candidato mais equilibrado e o Bolsonaro está longe de sê-lo. Parece até que está se tornando um joguete nas mãos de militares. Não tenho nada contra o Bolsonaro, mas suas características não são aquelas que o país precisa. Vejo que não sabe concluir nenhum raciocínio sem incluir nele palavras de ordem. E, pior, estão transformando o ataque de um homem perturbado em palanque eleitoral.

    1. Finalizando, tá cheirando mal, de um lado e do outro, estamos sendo enganados, não passamos de massa de manobra barata. Fica uma pergunta: a quem interessa tudo isso? Quem lucra? Eu tenho certeza que não.

    2. Qto ao agressor, um servente de pedreiro de esquerda evangélico que se ofendeu com o discurso homofóbico do candidato, um dos advogados que o defende foi contatado pele igreja Testemunha de Geová, o sujeito mudou-se para a cidade dias antes do atentado, ou seja, nada faz sentido. Em resumo, é hora de assistir a tudo pela janela e analisar friamente. Muita coisa precisa ser explicada, há varias fios soltos. Até a imprensa está comprando uma versão distorcida pq essa notícia vende.

    3. Cirial, finalmente encontro um comentário coerente, desde quinta só tem lunatico, parece que abriram a porta do manicômio. Sem contar que essa história está cheia de pontas soltas de ambos os lados. O candidato que fazia questão de vestir o colete na frente das câmeras está sem no momento do ataque, na imagens não vi sangue o que é muito estranho dado o local do ataque, a rapidíssima recuperação, o exagerado uso político com o absurdo vídeo feito da UTI. Na sequência falo do agressor.

    4. Mas não temos outra chance. Ele vai ter que aprender a ser um presidente. Ele aprenderá.Qualquer outro perde na primeira eleição para os lulitantes. É votar neste ficha limpa ou perder os votos em não petistas.

    1. O amigo da democracia é a esquerda , que mandou matar ele !! Você esquerdopatas tem uma doença que deturpa o sentido das palavras !! Democracia , para vocês , é algo que acontece na Venezuela ou em Cuba !! Procura um psiquiatra !!

    2. Amigos da democracia são os Comunistas, que roubaram bilhões do povo brasileiro, que fizeram obras em países de merda, Comunistas. O que é democracia pra você?

  40. O trabalho investigativo de vocês é perfeito. Porém, não tenho esperanças de que se prove o envolvimento da OCRIM em mais essa encomenda de cadáver. Lembro só para citar alguns exemplos, Celso Daniel e testemunhas; Roberto Campos, Teori Zavascki. Não se provou e NUNCA será provado. A 1a pergunta numa investigação seria, a quem interessa? Mas, não é feita. O povo não está dividido (fake plantado que a imprensa padrão repete). O povo brasileiro é refém da OCRIM e de seu comandante máximo.

  41. Muito triste, a falta de caridade da esquerda. Creem que todos pensam como eles, e disseminam ódio até num grave atentado à democracia brasileira, que qualificam como “fake”!

  42. Estou triste com o Brasil e decepcioanado com a imprensa do país. Quanto besteira se falou em torno disso, numa revalação clara do comprometimento da mídia, em sua quase totalidade contra Jair Bolsonaro. E ai começam as análises absurdas avaliando que tudo não passou de um episódio pessoal, o ataque de um lobo solitário, de um "doido". Então, ele ter passado por sete anos no PSOL onde, claro, sofreu um processo de doutrinação foi apenas uma coicindência? Claro que não.

  43. O Agressor do nosso próximo Presidente da República é natural de MONTES CLAROS e, portanto, conterrâneo da Presidente do STF Ministra Carmem Lúcia, e não de MONTES CLARINHOS, que nem existe e como equivocada-mente a reportagem citou.

  44. A propósito do comentário de alguém aqui q reeptiu a cantilena da Dilma sobre Bolsonaro estar "colhendo seus frutos" , considero relevante que se renda as devidas loas aos policiais e seguranças da comitiva do Bolsonaro que em momento algum empunharam suas armas no meio da multidão. E poderiam tranquilamente tê-lo feito. Ou seja... Lavem suas bocas vermelhas!

  45. Vi uma coletiva do mourão em nenhum momento ele acusou ninguém. Aonde a crusoé quer chegar, coloca o áudio do mourão falando. Na imprensa brasileira, até nas que eu considero a melhor, só consigo acreditar vendo e/ ou ouvindo.

  46. Viver no Brasil, com tanta estupidez em evidência, só nos envergonha e transforma todos nós em reféns dessa estupidez! Será que ainda viverei o suficiente para ver neste meu país a verdadeira democracia!

  47. Ouvi dizer que depois de preso rapidamente apareceu um advogado caro do PT pra proteger o criminoso (são peritos nisso) que cometeu o atentado. Está informação procede? Vcs checaram isso?

  48. O criminoso tem o perfil perfeito para aqueles usam lavagem cerebral, solitário, sem amigos e confuso, durante séculos pessoas deste tipo foram usadas para crimes "em nome de Deus e da pátria" , são postas idéias fixas em seu cérebro doentio e acabam agindo como robô, por isto eu duvido que tenha agido sozinha, a proposito; está circulando um vídeo onde aparece uma mulher e homem passando a faca de mão em mão.

    1. Se tem uma mulher envolvida a lógica é simples, a mulher geralmente é usada pra levar a arma ao local, pois dificilmente levantam suspeitas ou são revistadas, aí , quando no local, basta passar a arma pro executor.

  49. Apesar de previsível, é assustador e mais ainda são pessoas que são contra o discurso de ódio apoiarem e dizerem ser bem feito pra candidato. Acho q bom senso não tem ideologia.

  50. Pregando honestidade e condenação dos fichas sujas, Bolsonaro agia como um estranho no ninho. E a todo "estranho" cabe a eliminação...

    1. Realmente, se a data de publicação fosse dia 06, ainda passaria ...ficou bem fraquinha mesmo...

    2. Desculpe, não ví nada independente nesta matéria. 100% do conteudo está na mídia main stream.

  51. Continuando meu comentário: Estranho mesmo, Herculano, é você afirmar que um homem que agride outro com intenção de matar, seja "alguém que não é um bandido"!

  52. Vamos lá. Bolsonaro e os seus continuarão a defender o armamento das pessoas como uma forma de intimidação e autodefesa? O que faziam os seguranças profissionais,incluindo os das forças de segurança e que lhe davam proteção e foram totalmente surpreendidos por alguém que não era bandido, estava armado e mal intencionado? Mais uma falácia desmascarada onde o proprio dono da ideia sofreu na própria carne com ela, mas parece que não aprendeu nada com a dor e o real risco de morte que o surpreendeu.

    1. O porte de arma é intimidação para bandidos comuns(Aqueles que querem subtrair os bens ou cometer outros tipos de crimes, não se aplica a uma pessoa que recebeu lavagem cerebral de uma ideologia doentia que não tem outro tipo de resposta a não ser a mentira e a violência, Bolsonaro poderia estar em um tanque, protegido pelo BOPE que o comunista tentaria matá-lo da mesma forma.

    2. O porte de arma não é para pessoas que não sabem que serão atacadas, quantos politicos investigados pela lava-jato foram atacados por quem q, principalmente, para pessoas que

    3. Herculano, não vi coerência no seu comentário. Apesar de derrotado em plebiscito, o desarmamento da população foi imposta pelo presidente que hoje é um presidiário. Assim sendo, mesmo quem tem porte de arma autorizado, pode responder se reagir. Mas os bandidos não se inibem. Armados até os dentes, não respeitam nada nem ninguém. Para atingir seus intentos, até arma branca, mais fácil de manipular, eles utilizam. Estranho mesmo é você afirmar que um homem que agride outro com intenção de matar, "

  53. Esse não é o caminho. Semear revanchismo é colher uma instabilidade que não interessa a ninguém. Buscando a semente da discórdia, chegaremos ao tom debochado de quem aplaudiu uma histérica gritando:- "Eu odeio a classe média ". Aí começou a crescer um ressentimento sem volta. O mal dos anti petistas radicais foi recorrer à mesma forma de plantar o ódio reverso. Essa semeadura belicista e viciosa precisa ser contida em prol de uma colheita pacífica e virtuosa. Não será através dos extremistas!

    1. Bolsonaro falou em enterrar o Foro de São Paulo, pecado capital. "Se queres ter paz, prepara-te para a guerra". O Brasil baixou demais a guarda e foi tomado pelas ORCRIMs, principalmente pela do Foro de São Paulo. O jogo ultrapassou nossas fronteiras faz tempo. O risco Venezuela é mais que real, é logo ali!

  54. O discurso de Bolsonaro só acirrou o ódio. Os bolsomitos são idênticos aos petistas, não toleram nenhuma divergência. Este clima vai perdurar e quem sofre é a democracia que levamos anos para construir.

    1. Bolsomitos idênticos aos petebas!!! Não exagera, quantos politicos do PT levaram tiros, facadas, socos ou até um beliscão? Não vale celso Daniel e Toninho do PT porque, afinal, foram assassinados pelo próprio PT

    2. Tem gente ignorante por todo lado, todos nós também temos nosso grau de ignorância. A situação nacional não é desejável, pode ser difícil de admitir, mas a questão aqui é que nossa realidade chegou a um ponto crítico que exige atitudes mais urgentes e difíceis. Esta República morreu de ORCRIM. Tem que ser refundada e a ORCRIM não quer deixar. Negar esta realidade é também uma grande ignorância. Melhor sem ruptura, mas o importante é o Brasil conservar seus valores, inclusive os democráticos.

    3. Assim como os profissionais honestos da lava-jato, Bolsonaro, os generais e militares que o acompanham, estão simplesmente honrando seu salário. Mais, estão honrando o juramento de defender esta pátria dos que a estão destruindo. Difícil para uma pessoa amoral compreender, mas é isto aí.

  55. Comentário infeliz do canditado a vice! Desceu a nível do agressor e deu munição ao adversário! Se se mantiver nessa linha, afunda a chapa com o peso da própria língua!

    1. Adriano vc deve ser bem ingenuo para nao ver que o recado foi para o mandante do atentado. Jose Dirceu esta solto, ele arquitetou a morte de juiz, candidato, prefeito, peritos, testemunhas. O General mandou uma mensagem exata e acertou o alvo. Vc precisa ler mais sobre o Foro de SP. Recomendo.

  56. Bom alertar os mais desavisados que é com este tipo de matador psicopata que a Venezuela e Nicarágua, do Foro de São Paulo, eliminam seus adversários, desde políticos até estudantes menores de idade, muitos retirados à força de dentro de suas casas sob o testemunho dos familiares (no youTube). As FARC, prima irmã do MST e MTST, em parte legalizada e acobertada pela mídia (teve só 1% dos votos lá), também. Bolsonaro é risco para quem? Acordem! Ele e seus generais estão tentando salvar o Brasil!

  57. Pela violência de palavras nas redes sociais, não foi difícil culminar para as vias de fato. Isso me entristece sobremaneira, pois, outrora éramos considerados um povo pacifico.

  58. "Juiz de Fora no sul de Minas Gerais"; É lamentável um órgão de imprensa desconhecer a Zona da Mata Mineira. Não são apenas os políticos que desprezam a educação no Brasil.

    1. Foram 4 unidades de sangue total; dá mesmo uns 2 litros.

  59. Este atentado foi a gota d'água: eu não era Bolsonaro. Agora sou. Tudo isso me fez enxergar o grau de desordem que a esquerda impôs a este país, onde o que é errado parece ser o certo. Em nenhum lugar no mundo existe um candidato à Presidência que, condenado, atue diretamente da prisão, e, mesmo proibido pela lei, continue a aparecer na TV e nas mídias, em claro enfrentamento à Justiça. O país virou motivo de chacota mundial. Bolsonaro, certamente, não será o salvador, mas já é um começo.

    1. Como ele mesmo diz, quer ser pelo menos um ponto de inflexão. Ele, seus generais e militares que o cercam, estão tentando salvar o Brasil. Juraram isto e são pagos para isto. Como o pessoal da lava-jato, estão tentando honrar seus salários. Vai ser difícil. Não há garantias. Bolsonaro é risco para quem? A quem interessa seu assassinato? O que estes desejam "salvar"? Qual a origem do caos e violência em que estamos mergulhados? O Brasil precisa acordar antes que seja tarde demais!

  60. Pessoas com o perfil do homem que atacou o Bolsonaro existem em toda parte, mas quando adotam idéias como as do PT e outros partidos com o DNA da tomada do poder incitando a violência era prevísivel o ocorrido.Lamento pela situação que chegamos.

  61. Sou eleitor do Bolsonaro, tenho um carro e tenho medo de colocar adesivos nele e doentes esquerdistas venha depredar o meu patrimônio (como já vimos "n" exemplos desse tipo nas redes sociais). Então quem está sendo intimidado nessa história a direita ou a esquerda? Felizmente meu carro possui seguro e eu vou sim colocar adesivos do candidato, posso temer mas não vou deixar me intimidarem. Agora mais do que nunca #somostodosbolsonaro

    1. Se não me engano, seguro de veículos não cobre vandalismo. Eu também gostaria de colar um adesivo, mas também tenho esse mesmo receio.

    1. Em tempo: Estaremos de ôlho qual banca de BSB irá fazer sua defesa!

  62. As Globetes agora pela manhã na GloboNews decepcionadas com o médico cirurgião entrevistado. Pelo tom otimista do mesmo, Triste jornalismo da Globo!

  63. O maior ferido não será o Brasil pelo simples fato de que o Brasil já é o maior ferido. O que resta é saber se o Brasil ferido sobreviverá.

  64. É claro que tem que ser esse o caminho! Ou vamos continuar abaixando pra esquerdalha, como vimos fazendo há 50 anos? Já deu! E o BR sairá melhor do confronto.

  65. Esse tipo de "distúrbio mental" é o comportamento da militância zumbi, 5% a 10% do eleitorado. é muito maluco! Toda desgraça com morte ou sem morte essa gente tá metida: morte do cinegrafista, morte no incêndio da invasão, fogo no museu, paulada na cabeça de Mario Covas(já doente), cospem nas pessoas, espancamento do idoso, atentado contra Bolsonaro...

  66. O mais estranho é ver que a imprensa vinha fazendo ou seja não mostrando o sucesso das suas carreatas. Mais estranho ainda como ela vem tratando deste atentado.

  67. Benedita da Silva não falou a mesma coisa há um ano e três meses sendo aplaudida de pé por membros do PT? A hora é de pacificação e repensar esse “nós contra eles”, tudo é nós, somos um povo só.

  68. É preciso equilíbrio nessas horas. Pronto restabelecimento ao Bolsonaro e cana dura para o covarde vagabundo que atentou. Vamos Jair à vitória.

  69. Mas eu só assino a revista porque ela é isenta! Jornalista tem só que dar a notícia e deixar o leitor livre pra tirar conclusões. Se não é mais do mesmo.

  70. toda violência e’ covardia mais importante é saber quem mandou agredir queremos saber o mandante esta resposta o Brasil cobra E da Marielle tambem

  71. Para mim nenhuma surpresa nesse atentado. No twitter vinha sempre postando que Deus o protegesse e seus anjos de guarda nem piscassem, pois para mim iriam tentar matá-lo de alguma foma. Não creio que esse Adélio tenha feito isso por vontade só dele. Quem passou a faca para ele? Quem é esse cúmplice que foi preso tbm? Lee Harvey Oswald agiu sozinho? Ahhh Pior que tem que acredite. E o cara é morto quando era transferido da cadeia municipal para Estadual. dois dias após o assassinato

Mais notícias
Assine agora
TOPO