Reprodução/Flow PodcastMoro durante entrevista nesta semana: ele vai abrir os valores recebidos como consultor

A CPI que morreu de véspera

Jogada pensada por Lula para tentar emparedar Sergio Moro no ano eleitoral não dá certo e partido recua para não ter que passar vexame no Congresso
28.01.22

Nesta sexta-feira, 28, Sergio Moro irá revelar quanto recebeu da Alvarez & Marsal (leia mais abaixo) durante os dez meses em que trabalhou na empresa americana, depois de deixar o governo de Jair Bolsonaro. A intenção do pré-candidato à Presidência da República pelo Podemos é, segundo suas próprias palavras, conferir “transparência” e colocar uma pedra no assunto que ocupou o noticiário nas últimas semanas, por obra do PT e com o esforço estranhamente diligente de figuras do Tribunal de Contas da União.

O PT é useiro e vezeiro em fazer muita espuma para alcançar seus fins politiqueiros. Faz parte da práxis petista, irrefreável sobretudo em ano eleitoral. Para não perder o hábito, tão logo o procurador junto ao TCU Lucas Furtado viu frustrada sua tentativa de conseguir acesso à remuneração paga pela Alvarez & Marsal a Moro, devido a uma cláusula de confidencialidade que diz que só o ex-juiz poderia decidir sobre sua divulgação, Lula disseminou a ideia de que a instauração de uma CPI no Congresso seria a melhor maneira de constranger o adversário na corrida ao Planalto.

Acionado pelo candidato do PT ao Planalto, o deputado Paulo Teixeira se propôs a colocar o plano em marcha. “Vou pedir uma CPI por conflito de interesse. A Alvarez & Marsal foi contratada para fazer a recuperação judicial das empresas que foram processadas pelo juiz da 13ª Vara de Curitiba. O valor pago foi de 750 milhões de reais. Quem a empresa contratou como consultor? Foi Moro”, justificou o petista.

No final da última semana, a CPI já contava com apoio de próceres do Centrão, como o presidente da Câmara, Arthur Lira, e o ministro da Casa Civil de Bolsonaro, Ciro Nogueira, além de integrantes de PSB, PCdoB, PSOL, PDT e Solidariedade. Nas contas do PT, o pedido de abertura da comissão de inquérito já reunia algo em torno de 150 assinaturas – são necessárias 171 para a instalação da CPI. Parlamentares apanhados pela Lava Jato, entre os quais conhecidos corruptos e aliados declarados de Lula na campanha eleitoral deste ano, não escondiam o desejo de vingança contra o juiz que foi o seu principal algoz.  “Vou assinar o pedido de CPI. Porque ele (Moro) tem que explicar como ganhou tanto dinheiro”, afirmou Paulinho da Força, presidente do Solidariedade.

DivulgaçãoDivulgaçãoCoube a Gleisi a tarefa de anunciar que a ideia da CPI estava suspensa
Ao longo desta semana, porém, Lula percebeu que a tentativa de instaurar a CPI poderia representar um tirambaço no pé do PT. Sobretudo porque o partido havia recebido informações preliminares da consultoria jurídica da Câmara de que havia dúvidas se realmente seria possível instalar uma comissão de inquérito com o objetivo pretendido pelo PT. “O Congresso pode investigar aquilo que ele pode regular, conforme a competência legislativa definida na Constituição, e setores em que pode decidir sobre alocação de verbas. Não é o caso”, endossou Tiago Ivo Odon, consultor legislativo do Senado, ao Antagonista.

Mesmo que a CPI fosse juridicamente viável, Lula passou a entender que, se ela não fosse capaz de aniquilar Moro politicamente, poderia ao fim e ao cabo transformá-lo em vítima, o que jogaria contra seus planos de eliminá-lo tanto da disputa presidencial como do jogo político no pós-eleição, como mostrou a última edição de Crusoé.

A essa constatação, seguiu-se uma frenética troca de telefonemas entre a presidente petista Gleisi Hoffmann e o ex-presidente nos últimos dias. Foi quando Lula deu a ordem para o recuo. Numa das conversas, o ex-presidente indicou que seria melhor “não gastar energia” com algo que poderia não surtir o efeito esperado. Coube a Gleisi anunciar publicamente o cavalo de pau. “Não vejo necessidade de CPI para a gente chegar a essas informações. Estamos fazendo estudos jurídicos. Como esses processos envolvem falências de empresas, precisamos saber se juridicamente a gente poderia instaurar CPI sobre isso”, afirmou a petista.

Wesley Amaral/ Câmara Dos DeputadosWesley Amaral/ Câmara Dos DeputadosPaulo Teixeira: pedido de investigação arquivado pelo MP
Nas redes sociais, Sergio Moro disse que “Lula arregou”, embalando a hashtag que ficaria entre os assuntos mais comentados do Twitter na terça-feira, 25. Durante evento que marcou a entrada do Movimento Brasil Livre, o MBL, na sua pré-campanha, o ex-juiz reforçou a decisão de abrir seus rendimentos. “Quem não deve não teme, meus rendimentos são todos lícitos, normais. Eu não queria ceder ao abuso. Eu não vou apresentar ao TCU, porque está abusando do poder, o processo é ilegal, mas vou apresentar para todas as pessoas nas minhas redes sociais. Eu sempre combati a corrupção e sempre atuei com integridade. Como não tem o que falar do meu trabalho, tem gente que fica fantasiando e mentindo. Porque o pessoal tem medo, está vendo que o projeto está crescendo”, disse.

Como na ficha do ex-juiz não há empreiteiros amigos, pedaladas, pedalinhos ou palestras ao custo de 27 milhões de reais, será mais complicado para o PT voltar a martelar o assunto depois que ele tornar públicos os seus rendimentos. A bancada petista tinha ficado de rediscutir o tema na volta do recesso parlamentar, na próxima semana, mas na tarde desta quinta-feira, 27, recebeu mais uma ducha de água gelada: o Ministério Público Federal arquivou um pedido de investigação feito pelo petista Paulo Teixeira que, antes de colocar em dúvida os salários de Moro na Alvarez & Marsal, havia questionado na PGR a contratação do ex-juiz pela empresa. O pedido foi remetido a Augusto Aras, que o encaminhou para a Procuradoria no Distrito Federal, uma vez que o ex-juiz não dispõe de foro privilegiado. Ao arquivar o caso, o MPF disse ter havido “ausência de elementos mínimos que justificassem a continuidade de atividade persecutória”. Para o procurador Marcus Marcelus Goulart, as acusações de Teixeira configuravam “mera hipótese”, não havendo “elementos mínimos para se presumir corrupção na celebração de um contrato privado após regular desligamento do serviço público”.

Não é de hoje que o PT lança mão do expediente de criar CPIs sem nada ou coisa nenhuma para investigar, mas para servir de palanque eleitoral e político para o partido. No início de 2012, a sigla foi artífice da instauração pelo Congresso da CPI do Cachoeira, destinada a constranger oposicionistas, a imprensa e integrantes do Judiciário que defendiam, àquela altura, o ainda incerto julgamento do mensalão – o PT chegou a confeccionar um manual com o objetivo de instrumentalizar a comissão. Anos depois, em 2015, para jogar uma cortina de fumaça sobre as investigações do petrolão, a legenda tentou levar para a CPI da Petrobras investigações da era tucana, que em nada guardavam relação com o objeto das apurações.

Como o PT adora ressuscitar velhas práticas, a ofensiva para tentar eliminar um concorrente do jogo eleitoral era mais do que previsível neste 2022. Mas, pelo visto, o lance manjado foi implodido no nascedouro.

Atualização — Pré-candidato do Podemos à Presidência, Sergio Moro revelou nesta sexta-feira, 28, que recebia um salário bruto mensal de 45 mil dólares da Alvarez & Marsal, empresa localizada em Washington, nos Estados Unidos, na qual trabalhou como consultor depois de deixar o Ministério da Justiça e Segurança Pública. O valor equivale a 242,5 mil reais por mês, na cotação atual. O ex-juiz informou ainda que uma cláusula em seu contrato impedia que ele atuasse em processos relacionados a empresas comprometidas pela Lava Jato, como a Odebrecht. “Quando eu entrei na Alvarez & Marsal, para evitar qualquer confusão, eu falei: ‘Olha, vamos colocar uma cláusula dizendo, especificamente, que eu não prestarei nenhum serviço de investigação ou de compliance anticorrupção para empresa envolvida na Lava Jato’ “, afirmou. 

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Estes vagabundos, canalhas e sem vergonhas da cupula do PT, sobretudo o Luladrao, deviam ter vergonha na cara ao acusarem MORO de qualquer coisa pq nao vao encontrar nenhuma falha. Se tivessem 1% do carater de MORO, seriam talvez considerados, mas nem isso possuem. MORO ja divugou seus rendimentos da empresa de assessoria, preciso criar um grupo prerrogativas do centro, pra exigir tb prestacao de contas do Luladrao, pessoal da rachadinha, compra de mansoes em Brasilia, etc. e etc. MORO PR ja.

  2. Um horror tudo isto . Embora era esperado artilharia pesada contra quem ousasse turbar quem tinha decidido quais seriam os inimigos fraternos na disputa que “precisava” continuar polarizada . Moro entrou e até a badalada e desejada 3ª Via está em perigo . É desanimador . Mas entregar os pontos , é muito cedo . A partir de março as coisas ficarão mais objetivadas.E Bolsonaro estará praticamente fora da jogada , com muito pouco a derreter ainda . Aguardemos .

  3. O Lula continua o mesmo: incoerente nas suas atitudes. O Brasil não pode esquecer o que o Lula fez. Ele não foi inocentado. Só está solto, por obra e graça, das manobras equivocadas, a propósito, da segunda turma do STF. Aquela,…. que vem fazendo os brasileiros perderem a esperança de poder viver numa nação grandiosa.

    1. Maria, não se iluda, Lula será inocentado, processo por processo, é uma questão de tempo. Nós estamos nas mãos dessa organização criminosa. O país parece sucumbir a tudo o que se vez na lava-jato. Há uns tantos milhões de brasileiros que não querem trabalhar, que esperam o Estado protetor, com dezenas de benefícios sociais que a classe média é obrigada a pagar. O preço é deixar os patrocinadores disso à vontade para roubar. É desesperador.

  4. O Estadão será que colocou o elogio do CEO a Sérgio Moro? O Estadão e a Folha deve está ganhando algum dinheirinho por trás.

  5. Moro é trabalhador, honesto e competente. Não precisa de teta pública para sugar. É isto que mata de inveja a cor.ja petista. Moro presidente! MS

  6. É um prazer ouvir e ver quanto Lula e Bolsonaro estão com medo de ter MORO em debates. Vai faltar argumento para os ladrões, e eles estão apavorados. Ainda vão tentar muitos outros artifícios para tirar MORO. Seria um alívio para eles. Mas, se preparem porque não vão escapar de ser desmascarados.....

  7. O editorial deste Domingo do Estadão é uma vergonha querer passar um pito no Sérgio Moro. Bandidagem tudo pode agora o ex juiz é provável próximo presidente não pode usar seu trunfo que é o trabalho combativo contra a corrupção. O Bandido pode se dizer inocente e o decente não pode falar que o combate vai continuar através da legislação. Editorialista não precisava escrever nada.

    1. Marcelo eu li o editorial. Não concordo com nada. Parece que foi escrito por um advogado e não por um jornalista. O jornal se apequena neste ponto. Moro nunca desrespeitou o devido processo legal e tampouco descumpriu decisões dos tribunais superiores. Moro quer, como qq brasileiro íntegro, q as decisões judiciais sejam cumpridas. Para isso a aprovação do projeto de lei que regulamenta a prisão após a decisão em segunda instância é fundamental.

    1. A divulgação dos rendimentos do Moro reforça que ele não precisa da política para ganhar dinheiro ou para enriquecer. Queiram ou não seu nome virou uma marca de compliance, e isso por si só já vale muito dinheiro.

  8. E se fosse o Lula ganhando 3,5 milhões de reais prestando consultoria para uma empresa que cuida da massa falida da Odebrecht? Será que o juiz Sergio Moro o condenaria por corrupção?

    1. Leia novamente e preste atenção na cláusula que o Moro insistiu que fosse colocada no contrato.

  9. O PT, seus asseclas e todos os seus puxadinhos tremem e se borram de medo de Sergio Moro. A transparecia que sobra no ex juiz, é a que falta na turma do PT em particular no chefete e dono, Lula. MAS MORO VEM AÍ, E COM ELE A JAVA JATO DE VOLTA PARA ASSOMBRO DA TURMA DO MENSALÃO\PETROLÃO. t m

    1. Caro Raul, vou de Bolsonaro, mas tem razão, Moro vem muito forte, será fácil para ele ser a terceira via que querem negar. Já existe a terceira via , é Moro, se abrir a boca o PT derrete.

  10. Essas eleições serão definidas 2 dias antes. Até lá todo mundo tem chance, inclusive o Dória. O brasileiro resolve tudo em cima da hora e na hora do "vamo ver" muita gente não terá coragem de votar no Lula ou Bolsonaro, tipo "arrego de intenção" onde a consciência e a racionalidade decidirão. Tudo é uma questão de tempo. Lula e Bolsonaro devem desculpas a nação e jamais farão isso e é nesse ponto que perderão. Ninguém aceita mais ser enganado, dessa vez eles serão os enganados. É só aguardar .

    1. A possibilidade de Moro ou Dória irem para um 2° turno é real e inclusive Lula e Bolsonaro tentam impedir isso fazendo das pesquisas algo definitivo além de tentarem anulá-los desde já como essa situação da CPI-Moro. Eles bem sabem dos seus podres e têm certeza que na hora "H" isso irá derrubá-los. São raposas perspicazes e devem rir das pesquisas e nem fazem idéia como com tantas atrocidades cometidas conseguem liderar. Qualquer 1 que for ao 2° turno sem ser Bolsonaro ou Lula será o Presidente.

    2. Entre Dória e Moro até prefiria o Dória (nunca votei nele), só que acho que não ganha pela rejeição. O Moro se fizer o abaixo sujerido rapidamente sai dos 8, 9% e vai p/ o 2° Turno. É o que tem mais "realizações positivas" a serem exploradas. Apenas ele precisa linkar isso com o povo.

    3. O Dória ferrou muita gente com medidas restritivas, muitas delas desnecessárias. Ele é bom, vide vacina, mas não é engajado com periferia. O Moro precisa cair no colo das classes mais baixas e esse é o ponto chave da campanha. Ele precisa traduzir de forma cristalina tudo o que fez na Lava Jato em prol dos menos favorecidos e elucidar tudo o que foi interrompido que gerou consequências negativas atuais no bolso e vida do cidadão. Ele precisa ter no grupo pessoas com visão de periferia. É fácil.

  11. Paulo Teixeira e os petralhas são um cancer metastático na politica gente que só faz barulho e a produzir mensalão e petrolão. Se elegem e se reelegem em cima da ignorancia e miséria do povo em troca de assistencialismo populista e barato.

  12. Quando vemos politicos que so pensam nos resultados politicos imediatos tipo ACM Neto e outros que deixam de apoiar MORO so pq as outras coligacoes tem mais dinheiro e tempo de TV pra campanha, fica facil saber com quem nao votar nos estados. Este supra citado esta negociando com o PT a desistencia de Wagner para governador para que ele saia com chances de ser eleito e apoiando Lula pra presidente. Mas o baiano sabera julga-lo. NEM PASSADO, NEM PRESENTE, MORO PRESIDENTE.

  13. Sei que vocês da Crusoé estão empenhados na campanha do Moro! Entretanto, acho imperdoável ele ter se juntado aos criminosos bolsonaristas! Hoje está evidente que fez uso da condição de magistrado para atuar politicamente! Inaceitável! Restou a mim confiar no Ciro Gomes.

  14. Sergio Mouro, colocou à vista de todos, a verdade. Bem apropriada a citação do ditado: "Quem não deve não teme! MORO 2022, meu Presidente!

  15. Poucos têm a estatura moral de Sérgio Moro, em abrir seus rendimentos privados. Agora, Lula, Bolsonaro, Ciro Gomes, Dória; precisam abrir também.

  16. Está claro o seguinte: Moro é o único candidato antissistema, o único da história política de centro do centro (para o juízo esclarecido de Aristóteles a virtude está no meio), o único que irá informar para a nação sua vida financeira privada, o único que não é político profissional, o único que é atacado por todos exceto os que acreditam que tudo pode ser melhor e o único no qual só existem dois motivos para não se votar: ter cargo no Governo Bolsonaro ou perdido algum nos do PT. Namastê!

    1. Vidal escreveu tudo, ou quase tudo. Apesar de estar fora do contexto, deve-se mencionar os esforços de Bolsonaro para invalidar a "Lava Jato" e desclassificar Moro. Resultado Lula livre (anularam julgamentos de segunda instância e TSJ) e volta da corrupção.

  17. Estou aguardando ansiosamente o início da propaganda e dos debates. Quero ver a artilharia de quem são contra o Bostanaro e quem são contra a esquerda da famiglia Petralha

    1. Eu também. E gostaria de saber como ele pretende lidar com a Câmara especificamente, já que os deputados que lá estão, em sua maioria esmagadora, não receberam votos suficientes. Foram pelo coeficiente eleitoral= não tem eleitor para pressionar e prestar contas.

  18. Desistência petista Lamentável, pois essa CPI para investigar o ex-juiz seria o melhor dos palanques para recordar aos mais distraídos, quem é SÉRGIO MORO e sua atuação na LAVA JATO… VOTAR EM BOLSONARO É ELEGER LULADRÃO!

  19. Nem Passado, nem Presente, são todos da mesma Cepa da corrupção descarada , da ignorância ideológica, da falta de caráter, do fisiologismo,da sede desenfreada de poder. Chega, já saquearam o Brasil, já abusaram das famílias brasileiras com falsas promessas e premissas. SÉRGIO MORO PRESIDENTE!!!

  20. Paulo S A B U J O Teixeira é tão zeloso pela moralidade, que deve estar investigando quais figuras participaram do mensalão e do petrolão, para depurar o parlamento.

  21. É uma pena que tenha pedido arrego. Seria um vexame digno dos porraloucas luloptistas, chamados pelo idealizador da ideia-idem de aloprados, em tempos mal passados.

  22. Não pensem que o Moro apresentando seus rendimentos colocará fim no assunto. Independente do valor, será usado de forma maliciosa pelos opositores.

  23. #LulaArregou. Uma CPI seria ótima para lembrar aos brasileiros dos pedalinhos, cozinhas pagas com dinheiro vivo, antena de celular exclusiva, triplex, sítios, planos de aposentadoria milionários de Dona Marisa, palestras milhardárias que ninguém nunca viu, fortuna pessoal da família Lula da Silva, etc.

  24. os homens decentes do pais tem de acordar PAULO e você tem muita razão .. há tempo afirmo que isto ocorreria e ai está agora é Moro que está sob ataque da quadrilha na guerra suja .. e que ninguém duvide isto é só o começo e estes ladrões serão capazes de qualquer coisa para voltar ao poder .. falta de aviso não foi mas vamos à luta o grande inimigo da nação está bem claro e não podemos permitir o retorno destes criminosos .. muita água vai correr estejam certos.

  25. No Brasil não existe Constituição e nem lei. Aqui prevalece a vontade do Mecanismo. Isso ficou explícito na atuação do TCU e da iniciativa petista de instaurar uma CPI, com o apoio dos aliados do Bolsonaro, contra o Moro. O Mecanismo cria uma tese, distorce os fatos, contando para isso com o seu braço jornalístico, e ataca todos os seus adversários. Nenhum brasileiro de bem está a salvo do Mecanismo. MORO 🇧🇷 X MECANISMO

    1. Correto PAULO. Mecanismo monstruoso e amoral. Quando se movimenta, seus tentáculos poderosos impedem quaisquer pessoas alheias a ele de ser crível ou receber aval por honestidade. Incrível como destroem tudo. Moro 22. TMJ.

  26. Vejam só: na campanha que se antecipa o MINTO vai detonar o LADRÃO e o LADRÂO vai detonar o MINTO. Como nenhum deles vai ter o que falar do MORO, cabe a este aproveitar a situação e detonar os dois, indo para o segundo turno. E aí vai ganhar de lavagem porque o povo sabe quem tem a razão.

  27. Acho que o Moro errou em ceder. Melhor seria deixar o assunto na mídia e esperar a a instalação da CPI. Somente depois de muita polemica é que o Moro deveria apresentar tais informações para desmascarar o PT e seus comparsas. O jogo é bruto e é necessário saber jogar.

    1. Também achava isso mas … vamos continuar torcendo 🇧🇷🇧🇷🇧🇷

  28. há tempo aviso que a quadrilha e tentáculos na sua guerra revolucionária contra o povo tentariam algo contra Moro e aí está .. e se não forem tomadas providências adequadas isto é só o começo .. quem tinha razão?

  29. Imagina o que virá pela frente! Tomara que a perseguição, de tão descarada que é, continue revertendo em benefício do Moro.

  30. Está na hora de dobrar as apostas. CPI para apurar abuso de poder e desvio de função do pessoal do TCU envolvido. Também, poder-se-ia pensar numa investida contra os valores recebidos pelas pseudo-palestras do Lula. Se é para causar desgastes... Vamos lá!

  31. LULA: os EXEMPLOS EXECRÁVEIS que uma SOCIEDADE tão CORRUPTA é capaz de produzir! São DEGENERADOS MORAIS que IMPEDEM o BRASIL de AVANÇAR! Em 2022 SÉRGIO MORO “PRESIDENTE LAVA JATO PURO SANGUE!” Triunfaremos! Sir Claiton

    1. Falou tudo! E tem mais: „Nem passado, nem presente, Moro presidente!“

    1. sim, como FUNCIONÁRIOS PAGOS PELO ERÁRIO tem regras a cumprir. E aqui, claramente NÃO HOUVE OBSERVÂNCIA dos princípios LEGAIS.

  32. O Petrolão comandado pelo PT deixou muitas cicatrizes e nivelou por baixo grande parte dos parlamentares, muitos na lista de propinas da Odebrecht. A Lava Jato foi um sopro de justiça que passou pelo País, mas foi enterrada pelo embuste do Bolsonaro. Precisamos alavancar a candidatura do Moro, único capaz de levar a bandeira do combate à corrupção no próximo certame

Mais notícias
Assine agora
TOPO