Revisão ou revogação, eis a questão

22.04.22

Continua a queda de braço entre Lula e seus aliados, a respeito da “revisão” ou da “revogação” da reforma trabalhista do governo Temer. Partidos como PSOL e PCdoB querem que o candidato petista se comprometa com a revogação sumária das regras criadas em 2017. Lula prefere adotar um discurso mais ameno. Em entrevista a uma rádio do Tocantins durante a semana, ele disse que não fará revogação, pois “não quer a volta do passado”, e prometeu criar uma mesa de negociação entre governo, empresários e sindicatos. O que ele quer de verdade é encontrar uma forma mais dissimulada de favorecer os sindicatos, que perderam a sua mais importante fonte de financiamento com o fim do imposto sindical obrigatório.

Lula: ele quer é garantir a grana dos sindicatos, mas com ternura

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Sou trabalhador. O papel dos sindicatos acabou lá no passado da revolução industrial na Inglaterra e EUA. Capitalismo mudou de lá pra cá, agora sindicato somente rouba e não faz nada - absolutamente nada. Já viu algum trabalhador reivindicar sindicato? Não, porque no Brasil foram lesados por eles; em conluio com os sindicatos patronais.

    1. infelizmente o sindicato só se lembra da gente no fim do mês para pegar o nosso suado dinheirinho, pior, sempre foi assim. trabalhei numa montadora vinte anos vendo os sindicalistas sempre defendendo os próprios interesses!

  2. Lulinha, querido, faça o que você faz tão bem: minta. Diga durante a campanha que não revogará a reforma e para os aliados diga que irá. Depois de sentar na cadeira faça a escolha que lhe desgastar menos. Pô, tenho de ser eu a ensinar um macaco velho desses a jogar o jogo que ele mesmo escreveu?

    1. São todos iguais, pessoal. Todos esses políticos mentem o tempo inteiro. Quem ainda acredita neles é, no mínimo, ingênuo.

    2. Exatamente. Nosso atual presidente é mestre em dizer hoje e desdizer amanhã, aprenda com ele.

  3. Lula é o atraso! Sindicalistas querem suas regalias de volta. Isso é fato. Lula presidente vai fazer o Brasil retroceder ao destruir a reforma trabalhista do governo Bolsonaro, acanhada mas bem melhor do que a fanfarra sindical dos governos petistas!

  4. Esses Sindicatos só atuam em seu próprio benefício, não dos sindicalizados. Parem de depender dos cofres públicos, e vão batalhar por novos contribuintes aos seus cofres, já abarrotados. Tem sindicato, tô fora…

    1. Exatamente. A lei sendo revogada não restaria norma alguma, pois a legislação anterior foi expressamente revogada e não seria repristinada automaticamente.

  5. Já começou a algazarra e a obstrução do trânsito aqui na Aldeota, Fortaleza, as 7h da manhã, em manifestação desmotivada da construção civil.

    1. Não, o sindicalismo é ótimo, mas para as diretorias dos sindicatos.

    2. Sindicalismo é otimo para as diretorias dos sindicatos

  6. Os sindicatos, ladrões do trabalhadores, não revogação de nada, apenas a volta imposto sindical obrigatório, ou seja, um dia de trabalho de cada brasileiro, mesmo não sindicalizado. É tudo que querem.

Mais notícias
Assine agora
TOPO