Rovena Rosa/Agência BrasilO ex-presidente Lula continuará preso em Curitiba

Perdidos na cadeia

A prisão de Lula teve dois efeitos imediatos no PT: o partido passou a ser comandado da cadeia pelo primeiro ex-presidente da República condenado por corrupção e, apesar da ordem unida emanada do cárcere, se digladia internamente sobre o melhor caminho a seguir nas eleições
18.05.18

Lula estava recolhido havia 26 dias em sua cela presidencial em Curitiba quando, numa conversa de 40 minutos com Gleisi Hoffmann, finalmente autorizada a visitá-lo na prisão, soube que Jaques Wagner estava com planos diferentes dos dele para as eleições presidenciais deste ano. Gleisi contou que Wagner, ex-ministro de Lula, ex-governador da Bahia e um dos fundadores do PT, tinha começado a acenar à candidatura do pedetista Ciro Gomes. Naquele dia de visita, Jaques Wagner era o próximo da fila. Quando entrou, o ex-governador tomou um “chega pra lá” do ex-presidente, nas palavras de um integrante da cúpula do partido. A reunião durou a metade do tempo da de Gleisi. Dois dias antes, o ex-governador havia dito publicamente que era chegada a hora de o PT “ceder a precedência” no campo da esquerda a algum partido aliado. A declaração, que Gleisi tratou de comunicar a Lula, foi vista como uma traição ao ex-presidente. Abrir mão do discurso de que Lula segue candidato seria o mesmo que abandoná-lo. Era o ápice de uma divisão interna que mostra que o PT, já gravemente combalido por tudo o que a Lava Jato revelou, se perdeu no tempo e no espaço a partir da prisão de seu chefe-mor.

Jaques Wagner saiu do encontro com Lula jurando fidelidade. “Vou com ele até o final da linha”, disse. A garantia, porém, não foi suficiente para acalmar os mais fiéis ao condenado preso. Nos dias seguintes, teria início uma operação para debelar a iniciativa dos petistas que, como Wagner, defendiam uma alternativa ao nome do ex-presidente para as eleições de outubro. Por WhatsApp, a ala mais leal a Lula começou a disparar mensagens com ataques frontais a Ciro Gomes. O texto, compartilhado por senadores, deputados e outras lideranças da sigla, apontava os sete partidos pelos quais Ciro passou desde que se elegeu deputado estadual no Ceará em 1982, pelo PDS, e sua ligação com a Arena, que sustentava o regime militar. “Dá para confiar?”, concluía a mensagem. Além disso, a claque cibernética a serviço do comando petista foi acionada para engrossar o coro. A própria Gleisi chegou a dizer que o nome de Ciro não passaria “nem com reza brava” no PT. Na quinta-feira da semana passada, para reforçar ainda mais a ordem unida, Lula entregou a Gleisi uma carta na qual diz que ainda é candidato – um delírio evidente do preso mais famoso do Brasil, já que a Lei da Ficha Limpa o impede de disputar a eleição, a menos que seja revogada pela jurisprudência de encomenda.

José Cruz/Agência BrasilJaques Wagner levou um pito de Lula ao visitá-lo em Curitiba (José Cruz/Agência Brasil)
Antes de Jaques Wagner, o ex-prefeito paulistano Fernando Haddad havia sido repreendido pelo comando do partido por cogitar alternativas na disputa presidencial. Em abril, Haddad, que também é o coordenador do programa de governo do PT, participou de um encontro em São Paulo com Ciro Gomes, no qual também estiveram o ex-ministro Delfim Netto e o economista Luiz Carlos Bresser-Pereira. A reação nos bastidores petistas contra o ex-prefeito foi forte. Haddad era reincidente. Antes da prisão de Lula, em fevereiro, ele já havia sido constrangido publicamente, durante uma festa para celebrar os 38 anos da legenda, por ter jantado dias antes com Ciro. No evento, além de não ter sido convidado para discursar e integrar a mesa, ouviu de Gleisi que “o plano B era um enxerto de quem queria confusão”.

A campanha para asfixiar o apoio a Ciro e conter a divisão interna que defende alternativas ao nome do ex-presidente mostra a que ponto chegou o PT: as decisões importantes e as estratégias do partido são tomadas e traçadas de dentro da cadeia. Lula segue mandando, com todas as limitações, e a obediente Gleisi segue no papel de executora das ordens. Basicamente, há hoje na legenda quatro segmentos. A defesa da candidatura Lula até o fim é majoritária e feita principalmente pela corrente que desde sempre comanda o partido, a Construindo um Novo Brasil (CNB), antigo Campo Majoritário. É a mesma de Lula, José Dirceu, Gleisi e Dilma Rousseff. Já o apoio a Ciro vem de governadores, principalmente do Nordeste. O movimento começou com Camilo Santana, governador do Ceará. Embora petista, Camilo é muito alinhado ao candidato do PDT. No final do ano passado, começou a defender internamente a opção conforme a prisão de Lula se tornava mais próxima. Conseguiu influenciar a Bahia de Wagner e do governador Rui Costa e, aos poucos, a ideia começou a ser considerada por alguns deputados federais. Além da preocupação em evitar fissuras em suas alianças locais, que incluem o PDT, o receio desse grupo que apoia Ciro é principalmente ter que arrastar em cima da hora um nome ungido por Lula que não empolgue o eleitor nordestino, como o do próprio Fernando Haddad – tido como uma alternativa a ser lançada na undécima hora, quando Lula tiver que abandonar definitivamente o delírio da candidatura.

Para tentar neutralizar Camilo e demais apoiadores da aliança com Ciro, Gleisi forçou toda a bancada do partido, senadores inclusive, a voltar à linha justa, através de um manifesto assinado no dia 17. Também chamou os governadores petistas para uma reunião em Brasília, na semana que vem, para deixar bem claro que não existe plano B: o candidato é o chefão condenado. Mas concedeu que o partido começaria a tecer alianças para o segundo turno. “No primeiro turno, nós teremos candidato: será Lula. No segundo turno, ele vai vencer e queremos fazer uma composição. Se não for ele, nós vamos ver quem da esquerda foi para o segundo turno. Se lá na frente nada der certo, o presidente saberá encaminhar o processo junto com a direção do PT”, disse ela. Tudo a mando de Lula, evidentemente, com quem se reunira pouco antes.

Wilson Dias/Agência BrasilFernando Haddad ousou contrariar o comando central e foi prontamente repreendido (Wilson Dias/Agência Brasil)
O terceiro grupo dentro do PT é o que defende que seja escolhido o quanto antes o nome do vice de Lula. Os integrantes dessa frente apoiam a candidatura de Lula, mas avaliam ser necessário começar desde já a apresentar o vice que pode vir a sucedê-lo com a provável derrubada do seu registro de candidatura. Querem também que o nome do vice comece a circular pelo país para se tornar conhecido. Petistas de diversas vertentes defendem essa ideia. Alguns propõem que esse nome esteja definido em meados do próximo mês. Na visão dos mais leais ao ex-presidente, contudo, isso significaria admitir que o plano da candidatura de Lula naufragará. O quarto grupo é o menos significativo. Liderado pelos setores mais radicais, defende a tese do “é Lula ou nada”. Para essa turma, caso a candidatura do condenado seja derrubada pela Justiça, é preciso boicotar as eleições e não lançar nem apoiar nenhum candidato.

O racha interno já causa problemas na relação do PT com tradicionais aliados.  O PDT, evidentemente, reagiu aos ataques a seu candidato. Ciro afirmou ter pena de Gleisi e fechou as portas para uma negociação, o que acendeu o sinal de alerta entre os petistas. Em recente reunião da bancada no partido do Senado, Gleisi ouviu do senador Humberto Costa que a iniciativa de dizer que o nome de Ciro não passaria “nem por reza brava” havia sido equivocada, pois poderia inviabilizar eventuais alianças no segundo turno. O cientista político Aldo Fornazieri, um dos preferidos do petismo, classificou a declaração como “desnecessária e inconveniente” – ele prevê que o PT, com suas divisões internas, está construindo a sua própria derrota.

Com o controle do partido sendo feito a ferro e fogo por Lula e Gleisi, a tendência é que o PT mantenha o nome do ex-presidente até quando der e continue a reprimir qualquer ação contrária a essa tese. Na semana passada, uma reunião da corrente CNB na sede do partido no centro de São Paulo cerceou o debate sobre um vice e ignorou Ciro. A linha foi a de que a estratégia está dando certo na medida em que as pesquisas mantêm Lula na liderança. O discurso foi reproduzido como mantra nesta semana pela ala mais fiel a Lula. Decidiu-se, então, que o partido fará o pré-lançamento da candidatura do ex-presidente no final deste mês, provavelmente no dia 25 de maio. A convenção foi marcada para 28 de julho. O plano é registrar o nome de Lula no dia 15 de agosto e iniciar então uma batalha por uma liminar no Supremo Tribunal Federal ou no Tribunal Superior Eleitoral que o autorize a ser candidato. De novo, um sonho impossível, se ninguém “reinterpretar” a Lei da Ficha Limpa. A aposta é que, com a derrota nos tribunais, a simples exploração do discurso de que Lula está sendo injustiçado ao ser proibido de disputar a eleição já ajudará na transferência de grande parte do patrimônio eleitoral do petista para o seu ungido. Isso garantiria pelo menos, na visão dos petistas mais otimistas, uma vaga para o partido no segundo turno. A cadeia, está provado, produz miragens.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Como toda organização criminosa que opera no Brasil, o PT segue as instruções que emanam da liderança recolhida à prisão. Faz sentido, aliás, muito sentido.

  2. Na prática o PT está funcionando na carceragem da PF em Curitiba. Lula está tendo acesso a tudo e todos, comandando a ORCRIM. Ou seja, o poder nocivo da jararaca peçonhenta segue se espalhando por meio de seus lacaios.

  3. Ao observar a sopa de letrinhas, PT-PCC-CNB-CV-PTB e equivalentes, partindo ainda do paralelo de as ordens emanam sempre de dentro de algum presídio, temos a noção exata do nosso "futuro". Lamentável!!!!!!

  4. Isso é discurso para a militância alucinada! É um absurdo que esse presidiário continue a comandar a quadrilha dele que está aqui fora. Igualzinho a qq organização criminosa, quando os traficantes presos continuam a comandar suas quadrilhas de dentro do presídio!

  5. Se foi golpe e Dilma era a presidenta, pela lógica, ela deveria ser a "ungida" e voltar ao seu posto. Não dar a ela esse "direito" é contradizer a teoria do golpe. Achonque esse PT nunca passou de uma miragem!

  6. (continuação)e ou algum agregado que lhe será sempre subservientes em seus mandatos políticos, como tambem vivemos um momento sui generes, onde um ex-presidente, condenado da justiça, por corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha, a 12 anos de cadeia, já preso, insiste em ser candidato a presidente, querendo concorrer nas próximas eleições. Seremos uma republiqueta bananeira ou não,se um fato escabroso,imoral, ilegal e vergonhoso como este acontecer,nas barbas dos ministros do TSE?

  7. (continuação) apressam a abertura dos portões para sua liberdade. Finalisando, como vivemos num país com classes sociais de contrastes visiveis, com índices de analfabestismo vergonhosos em certas regiões do país, alto índice de desemprego, um povo alienado que vivem sob a tutela do estado via cartões de benefícios, a renovação no poder político nunca ocorre de forma consistentes e verdadeira, pois quando as velhas raposas não são reeleitas, elegem os filhos, netos, sobrinhos e ou (continua)

  8. (continuação) conforme a cultura do povo, até levar a praticar o suícidio, enquanto que aqui no Brasil impera a falta de vergonha na cara, onde políticos comprovadamente corruptos são venerados por seus seguidores, como tambem contam com a proteção legal, com os artifícios legais que as leis lhes facultam, dando-lhes o direito de ampla, geral e irrestrita defesa, contratando batalhão de advogados para defendê-los, quando não, encontram nos tribunais superiores juizes amigos que (continua)

  9. (continuação) O que nos faz muita falta nos dias atuais, são “políticos com “P”” não politiqueiros, mercenários, aventureiros, mentirosos, demagogos, ladrões, corruptos incorregíveis, etc., etc..A história recente do Brasil, caminha na contra mão da história do mundo, enquanto muitos paises mundo afora, a corrupção é punida com severidade quando descobertas e é intolerada pela sociedade, levando seus praticantes à renúncia, à demissão sumária de seus cargos, ao ostracismo e podendo (contiunua)

  10. Atualmente vivemos bem a teoria da Lei de Murfy, tudo que está ruím ainda pode piorar. Vejamos, estamos em ano eleitoral, a campanha praticamente já está nas ruas, e eleitor já percebeu quem são os postulantes à Presidencia da República? O eleitor consciente sabe que os atuais postulantes que estão aí, na sua maioria, são “farinhas do mesmo saco”, “figurinhas carimbadas”, “sempre os mesmos”, com raríssima excecão aparece um ou outro candidato diferente, mas como são desconhecidos (continua)

  11. Comentar absurdos não está no meu caminho. Afinal, o que vale o TSE ? Fux, que foi meu colega no TJRJ dá deixou bem claro que a LEI ( sempre a Lei, para mim ! ) está no texto da chamada Ficha Limpa. Ou todos ou ninguém. O nome Lula, como magistrado ficha forte, me causa vômito ! Odeio ladrões !!!

  12. Qual a diferença de um traficante dando ordens de dentro da prisão para os seus comparsas e o lula para a sua gangue de criminosos todos pendurados em denúncias, processos e investigações criminais?

  13. Gostei muito dessa edição da Crusoé. Pelo menos agora eu tenho a certeza de ter acesso a matérias de um jornalismo confiável.

  14. A insanidade dessa gente remete tudo e todos à um delírio paranóico. Onde já se viu isso, trata-se de uma democracia tupiniquim quintomundista onde não há "caráter", pois nossa formação educacional atual é rasa. Por 0,000001 % dessa podridão Nixon renunciou, Getúlio se matou....

  15. Confirmado que o PT é pior que as facções do crime que lotam os cárceres do Brasil. É pior que o PCC, pois tem a seu lado a imprensa esquerdista que dá corda e microfone à bandida Gleisi. Mostra que mesmo enjaulado o “capo” vive a calar os idiotas que o seguem. Políticos bundas-mole esses de PT, mostram que não servem ao povo ou ao ideal que sempre pregaram, seguem cegamente rumo ao abismo um condenado, cujos cofres continuam gordos com o dinheiro roubado do povo brasileiro. Até quando Brasil!!!

  16. E quem é que sabe o que o Lula fala, se a única interlocutora é a Gleisi? Ela pode dizer o que ela quiser. Comandar da cadeia? Acho ingenuidade dele...

  17. Hehehehehe PT e PSDB... siameses. De um lado o picole fora do freezer derrete ... e não sabe!! Do outro lado, o Prisidiário corrupto e lavador de dinheiro público acredita ser "um cãodidato... Peçam a conta e passem a régua.... Tchau kumpanheiros.

  18. Delírio total MANTER o meliante candidato...Nem eles acreditam nessa possibilidade...Essa de liminar não vai funcionar...só se Gilmar surtar de vez!!!

  19. O PT tá fora de rumo. Essa estratégia de manter a candidatura de Lula a ferro e fogo, me parece mais uma cortina de fumaça, na tentativa de desviar o foco de eleitores, fiéis, que ainda não viram, por ignorância ou por conveniência, a lama que suas lideranças políticas estão metidas. A meu ver, a consciência petista sobre essas eleições, é de que foi pro ralo, não só no executivo e, talvez por isso, já estejam visando as prefeituras e câmaras municipais nas de 2020. Perderam!

    1. Fora de rumo está a maioria da imprensa, os institutos de pesquisa e parcela considerável da população. Para desmascarar esse estratégia, sugiro que se faça uma pesquisa colocando como candidato Fernandinho Beira Mar. É exatamente a mesma situação - talvez isto sirva para mostrar a total impossibilidade jurídica desta candidatura. O que eles querem é colocar fogo no país, incentivando teorias fantasiosas de que o TSE acatará recurso contra a natimorta candidatura.

  20. Atentem para o perigo! Se houver possibilidade, Gleisi Hoffmann poderá ser o plano A.1 do Lula. Ela ganhou projeção nacional alçada à presidência do PT e muita exposição na mídia imediatamente antes, durante e depois da prisão do Sumo Sacerdote petista. Qualidades como obediência incondicional ao líder, velocidade de raciocínio, oratória e total alinhamento ao plano de poder do PT fazem dela uma provável "reencarnação" do corpo vivo encarcerado. Tomara que eu esteja delirando.....

  21. O PTismo é uma seita criada pelos MarxGramscistas Zé Dirceu e CIA... que se transformou em Lulismo durante os mandatos do presidente psicopata, delinquente… Este foi o marco da queda do PT, que estava no auge e poderia nunca mais sair do poder mesmo. Mas, O plano gramscista tinha que continuar, deram início à fase da destruição e emplacaram Dilma, a louca, para desconstruir o país. Agora eles estão na fase da “revolução” e, como seita, os Lulistas tem que manter o seu “Deus” vivo. F§[email protected]$&

  22. Como já bem disseram, o PT é o partido dos trabalhadores que não trabalham, dos estudantes que não estudam e dos intelectuais que não pensam. Esperar mais o quê de uma desgraça dessas?

    1. Os intelectuais estudam sim, mas o que eles querem, e estão na era Marx .... esqueceram que o mundo muda, as coisas mudam, evoluem.

  23. Interessante o pau de arara está preso numa cela especial com chuveiro elétrico privada cama tv mesa e duas cadeiras, e mandando desmandando de dentro da sala. Faz ameaças a todos e todos se cagam de medo, se fosse nos Estados Unidos ele estaria numa cela comum sozinho sem regalias e sem visitas. Não tinha esta de ser ex presidente pois lá não tem essa de foro privilegiado não. Então por que não dão o calaboca nesse cara e proibem as visitas de qualquer espécie. Garanto que ele iria fica piano.

  24. Esse bando de pilantras ainda não percebeu que tudo acabou? Que nenhum desses parasitas será eleito, para o bem do Brasil? Quanto ao Delfim Neto não me admiro mas agora eu só gostaria de saber o que o Luis Carlos Bresser Pereira está fazendo no meio dessa corja?

  25. Tá chegando o inverno em Curitiba, Lulinha vai precisar de muita cachaça pra esquentar. Ou ele vai ter aquecedor elétrico.

  26. Até quando teremos que ouvir esse tipo de conversa ? Esse tipo de gente? Nós último 3/4 anos o assunto é o mesmo e fica cada vez pior . Esses partidos políticos bizarros defendendo candidaturas como quem reparte a rapina!’ Que horror! Eles acham que ninguém vê isso? Acho que, se tiver eleições, vai ser com resultado negativo, maioria brancos e nulos ... Não dá pra votar nessa gente, de nenhum partido, todos são incapazes e desonestos.

  27. Vamos enterrar de vez esse partido que nunca foi dos que trabalham. E ainda ficou claro que é um partidinho de Proscritos e agora com seu Guerrilheiro Terrorista ex-famoso José Dirceu.

  28. Como o restante do crime organizado no Brasil, o PT agora passa a comandar suas atividades de dentro da cadeia. Com a diferença que o leva e traz é diretamente com Senadores, Deputados e Ilustres correligionários, no tete-a-tete das visitas de quinta feira. Vai Brasil!!

  29. Simples resolver. Agendem uma visita da cúpula do PT na prisão, digam que o Lula teve um ataque nervoso e matou a cúpula com um garfo, a PF interviu e matou o Lularapio. Problema resolvido. Virem a página.

  30. Estou absolutamente desanimada com esse país. Somos pilhados até o último vintém, e ainda tem imbecil falando em votar em ladrão condenado. Cada povo tem o governo que merece mesmo!

  31. Que dizer dessa gentalha. Puro delírio mesmo! Estão em queda livre e pararão nos quintos dos infernos. Mais alto o coqueiro...

  32. Será que a PF colocou escutas na cadeia e está gravando as conversas das visitas do bandido molusco lavador de dinheiro??

  33. Quero ver quando a Gleise for presa... E vai acontecer. Está aí defendendo o genocida e a batata dela assando. Vamos a nos divertir muito quando ela for em cana.

  34. É evidente que a sobrevivência politica de muitos vai depender do seu afastamentode lula. Ou seja, quem não se afastar automaticamente está com o “lula ou nada”. Como lula hoje é = nada, quem não se afastar, na realidade estará escolhendo o “nada ou nada”.

  35. O que Lula/Gleisi e outros lunáticos petistas querem é exatamente isso, ou seja, um auê em torno do "nine finger". A mídia continua gastando boa vela com mau defunto.

  36. Esses petistas estão delirando!!! Com Lula ou sem Lula não ganham mais nada!!! Acabou, já era!!! Brasil está cansado dessa gentalha!!!

  37. Excelente reportagem do Caio Junqueira,muito esclarecedora,ou seja,os petistas estão mais perdidos que cego em tiroteio e/ou cachorro em dia de mudança.

  38. O cacife do lulopetismo é grande. Tanto que mesmo preso, ele é o único com vaga garantida no primeiro turno, graças ao gado eleitoral com cérebro de vaca louca. Porém, o curral caiu. Lula sofreu e sofre derrotas seguidas no contaminado Judiciário, exibindo a fraqueza da sua outrora poderosa influência. E tendo Gleisi como pau-mandada, aí é que a vaca (não é a Gleisi) vai pro brejo mesmo. Lula já era. Ficou pequenininho, igual a esquerda.

  39. O PT será dissolvido nos próximos meses à uma pasta inodora, já reduzidíssimo de poder e/ou influência - fora os deputados e senadores de final de mandato e de carreira que ainda tocam trombeta - terá seu registro cassado, no mínimo, por receber doações alienígenas. Lula e Dirceu minguando de voz e importância, aliás não faz a mínima diferença o quê dizem além do lixo de mínimo interesse antropológico, Gleisi às portas da cadeia e outros lixos petistas encrencados com a OLJ. Acabou a mortadela.

  40. Os PeTistas se igualaram aos quem tanto defendem, os bandidos e traficantes que são comandado pelos seus chefes de dentro da prisão.

  41. A prisão e o exílio tem coisas em comum. De restrições à facilidades. Influir ou determinar ações à distância é prática de ambas. E está sendo didática a extensão de ações típicas de presos de PCCs e CVs à ações de presos do PT. Isso é legal?

  42. Assim como todas as facções do crime organizado existentes no Brasil as ordens políticas do PT são repassadas pela sua "elite" de dentro de da prisão, para o fiel cumprimento por parte de sua plebe. É com esse sistema de governo que os políticos petistas pretendem transformar o Brasil em um país mais justo e romper a barreira do subdesenvolvimento?

  43. Como se diferencia um eleitor do PT do PSOL ? Atire um punhado de capim, se o cara fumar é do PSOL, se comer é do PT. Se vender o capim é do PDT...

  44. De um partido que esculhambou o Brasil descambando para a maior organização criminosa que este país já abrigou, espera-se que afogue na lama que jogou neste chão sagrado da nossa pátria, que parece já não pertencer mais aos brasileiros mas ao crime.

  45. Eles se mostram muito confiantes com a candidatura do meliante 9dedos. Sabe se lá se já não está em andamento maracutaia no STF para jogar a lei da ficha limpa na latrina. Aquele trio comprado não vale nada.

  46. Bandido comandar algo de dentro da cadeia não é novidade. Já eu acho que pode vir o Plano B, C até o Z, que essa ORCRIM não levará nada.

  47. Lula, Gleisi e os demais integrantes da direção do partido estão grogues tal qual um boxeador que levanta da lona após o knock down e não sabe para qual corner do ringue ir.

Mais notícias
Assine agora
TOPO