Acordão à vista

11.01.19

Ministros de tribunais superiores têm trocado figurinhas sobre o desenrolar do acordo de delação premiada de Orlando Diniz, o ex-presidente da Fecomércio do Rio de Janeiro que despejou dinheiro em escritórios de advocacia ligados a alguns colegas de toga, especialmente do Superior Tribunal de Justiça. Há quem veja sinais de que está em curso uma articulação para que Diniz poupe, em seus depoimentos, figuras estreladas das altas cortes brasilienses. Em troca, como “bois de piranha”, ele entregará as cabeças de um ministro do Tribunal de Contas da União e de desembargadores do Tribunal de Justiça fluminense.

Reprodução/TV GloboReprodução/TV GloboOrlando Diniz guada segredos que podem complicar a vida de ministros de tribunais de Brasília

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Tem que haver uma intervenção branca naquele ninho de cobras. Com aquelas pessoas dando as cartas, nunca sairemos desse atoleiro moral.

    1. seja homem o BRASIL PRECISA DE CIDADÃOS PARA SUA LIMPEZA.SEJA QUAL FOR

  2. A Bastilha da revoluçao pelas urnas de Outubro 2018 é o judiciario cujo baluarte sao o STF e STJ. Tem que haver lava toga e intervençao da cidadania já via uma livre interpretaçao do art 152 da Constituiçao. Fora isso NADA vai mudar.

  3. Acordo nessa nova era é imoral. O povo brasileiro está farto de ser enrolado .Se for para abrir o bico tem que falar toda a verdade, doa à quem doer, mesmo que isso signifique esvaziar os Tribunais. "Assim como uma gota de veneno compromete um balde inteiro, também a mentira, por menor que seja, estraga toda a nossa vida"... Mahatma Gandhi.

  4. Penso que a maior corrupção da história da humanidade não poderia ter acontecido sem que houvesse, no mínimo, conivência desses senhores dos tribunais superiores, que não só pensam ser deuses, como têm certeza de que são.

    1. Acredito que enquanto os juízes dos Tribunais Superiores forem indicações do Executivo haverá corrupção. O ideal, em minha opinião, é acabar com o Quinto Constitucional e fazer com que apenas juízes possam ser ministros do Tribunais Superiores e que eles sejam escolhidos por voto direto dos outros juízes.

    2. Concordia com seu comentario, existe algo muito podre nas altas cortes.

  5. O Brasil deveria ter um lava-caráter para eliminar desonestidades inerentes às pessoas que têm algum poder, qualquer que seja este poder: político, financeiro, empresarial, funcional etc.

  6. Absurdo dos absurdos!!!!!! Essa gentalha chega lá para proteger quem os nomeou. "Notório saber jurídico" caíu por terra desde a nomeação de Gilmar Mendes. Única exigência: conhecer as brechas da lei pelas quais podem livrar a cumpanherada. Quanta merda o pt fez!!! Com a anuência do psdb, cúmpanhêro.

  7. Suas Altezas jamais vão permitir que alguém de sangue azul seja sequer indiciado. Punição é uma palavra proibida nessas Cortes.

    1. Exato. eles realmente vestem a túnica dos deuses, acreditam mesmo q habitam o Olimpo.

  8. Eh um absurdo a manipulacao desses Ministros para safar os colegas ou a eles mesmos. Nao devia ser fechada esta delacao premiada com Orlando Diniz.

  9. Evidente que, contra a quadrilha que usa terno e gravata em conluio com os que usam toga, só o poder das fardas verde, azul e branca. Simples assim.

  10. Vamos ver como is nossos " protagonistas silenciosos" agirão. Toffoli já tá pondo as asinhas de fora...e tem qye ser cortado logo. E não pidem se esquecer do q o pivo pediu: # renannão # maianão E #MudaBrasil!!!!!!!!!!!!!!

  11. Se isso acontecer, efetivamente, o acordo e os benefícios deverão ser anulados e o denunciante e seus advogados processados como cúmplices dos figurões temporariamente poupados

    1. Entrega tudo, Diniz!!! "Tu já tá ferrado mesmo, merrmão!"

  12. Discordo ! O lava-toga virá com tudo. O beiçola, o ptoffoli e o levaroska não escaparão. O mellocollor idem. Só para começar a faxina.

  13. O Judiciário corrompido é um "câncer" para qualquer sociedade. Há o perigo da "metástase"... Assim, a limpeza deverá ser ampla e profunda, da primeira instância até o STF.

  14. Kkkkk o Ministro da Justiça hoje é o Super Moro, que vai encancarar a máfia do Judiciário. Podem apostar, só o País entrar no rumo que teremos muitas boas notícias e veremos Gilmar Mendes e seus comparsas atrás da grades.

  15. Ainda é cedo para julgarmos se o Moro ainda não arregaçou as mangas. Mas, na hora em que ele o fizer, cabeças magistrais vão rolar...

  16. Se não tiver "ministros" das côrtes "superiores" de Brasilia denunciados é fraude. Espero que os bois de piranha escolhidos não aceitem bovinamente ir para o matadouro sozinhos e tambem abram a boca.

  17. Só Deltan Dallagnol na causa. Jovem, excessivamente idealista, mas necessitamos de um nome desse naipe na liderança da PGR. Urgentemente.

  18. Onde estão os magistrados íntegros? Se existem não deveriam aceitar esse tipo de coisas deveriam ser os primeiros a se opor pra recuperar a credibilidade da classe hoje extremamente mal vista tanto quanto a justiça que ficou a mercê dos interesses dos magistrados

    1. Se for para acomodar e a realidade jogada para.. baixo do tapete, nada de delação, ou a verdade toda ou o xadrez.

    1. Tbem acho. Ou se fala tudo o que sabe ou se cala. Cedo ou tarde a verdade irá aparecer.

Mais notícias
Assine agora
TOPO