CrusoéLobby do Venetur Alba Caracas, sede do Foro de São Paulo em 2019: como os restaurantes do hotel estão fechados, convidados de 25 países recebiam tíquetes para comer em outro lugar

O apagão do Foro

O dinheiro para comprar apoio político na América Latina acabou. Com isso, a edição deste ano do encontro do Foro de São Paulo, em Caracas, já é a mais esvaziada dos últimos anos
26.07.19

Os convidados do Foro de São Paulo começaram a chegar ao hotel Venetur Alba, em Caracas, na noite da quarta-feira, 24. Na manhã do dia seguinte, o lobby do prédio já estava animado com índias peruanas em roupas coloridas, jovens com o lenço keffiyeh palestino no pescoço e argentinos com a bandeira azul-celeste. Em um canto, um mural exigia que o presidente americano Donald Trump “desbloqueasse” a Venezuela. Na mesa para distribuir as credenciais, um mexicano do Morena, partido do presidente Andrés Manuel López Obrador, reclamava que não havia informação sobre quais presidentes participariam do encontro. Como os restaurantes do hotel, um antigo Hilton que foi estatizado por Hugo Chávez, estão fechados, os participantes que faziam a inscrição recebiam tíquetes para comer em outros locais. Apenas dois veículos estatais venezuelanos estavam habilitados a cobrir o evento, a Venezuelana de Televisão (VTV) e a Rádio Nacional Venezuelana. Nenhum órgão independente compareceu.

Pelos alto-falantes dos corredores, duas músicas se alternavam continuamente. Uma delas era Chávez, coração do povo, já bastante conhecida dos venezuelanos. A outra é um rock composto exclusivamente para o evento. “No rosto do povo correm lágrimas de medo. Uma detonação. Algo caiu do céu. Há um menino caído. Mais embaixo, um velhinho. Eu não entendo este mundo, em que me falam de futuro. Em vez disso, nossos povos querem a claridade. Que sejamos irmãos e que reine a igualdade. E que viva a América Latina. Quem a libertou, meu irmão, foi Simón Bolívar”, diz a letra.

ReproduçãoReproduçãoO hotel Venetur Alba Caracas, antigo Hilton que foi estatizado por Hugo Chávez
Apesar da empolgação comum a todo início de festa, a frustração do mexicano que reclamava não saber quais presidentes estariam presentes não é sem motivo. Comparada às edições anteriores do Foro, que anualmente reúne partidos e movimentos da esquerda, a 25ª está bem esvaziada. Dos mais de setecentos convidados de quase três dezenas de países, apenas quatrocentos deram as caras.

Até a noite desta quinta-feira, 25, o presidente boliviano Evo Morales ainda não tinha confirmado presença. Só anunciou que enviaria uma pequena comissão, com entre cinco e dez membros. Quem também não deve ir é a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, e a ex-presidente Dilma Rousseff. No ano passado, elas viajaram para participar da reunião do Foro em Havana, a capital de Cuba. O objetivo era o de fazer uma “denúncia internacional” e pedir apoio “contra a prisão política de Lula”. O assessor de Gleisi não quis explicar o motivo da ausência este ano. O de Dilma falou que ela está “mais reservada” por estes dias. O PT mandou Mônica Valente, secretária de relações internacionais do partido e mulher do notório Delúbio Soares, um dos personagens do mensalão, e uma representante da secretaria de mulheres.

Reprodução/redes sociaisReprodução/redes sociaisMônica Valente, secretária de relações internacionais do PT, no primeiro dia do Foro de São Paulo: Gleisi Hoffmann e Dilma Rousseff não foram
Entre os convidados mais esperados para o Foro estavam dois integrantes do Partido das Farc, da Colômbia. Um deles é Rodrigo Granda, responsável pelas relações internacionais do grupo terrorista e que está sendo acusado em seu país de sequestro e enriquecimento ilícito. Também havia expectativa em torno do grupo feminista americano Code Pink, cujas integrantes invadiram em abril a embaixada da Venezuela em Washington. Elas não queriam deixar que representantes do governo interino de Juan Guaidó entrassem no edifício. Acabaram sendo expulsas pela polícia um mês depois.

A ausência de figuras importantes tem uma explicação simples: o dinheiro que era usado para comprar apoio na região acabou. É uma volta às origens. Criado em 1990 por iniciativa de Lula e do ditador cubano Fidel Castro com o objetivo de dar uma resposta da esquerda à queda do Muro de Berlim, o Foro de São Paulo viveu na penúria nos seus primeiros anos. “No começo, eram apenas alguns grupelhos fazendo discursos. Como eles não tinham recursos, a capacidade de fazer alguma coisa era muito restrita. Não é por acaso que os dirigentes da esquerda chamam esse período de década perdida”, diz o advogado e cientista político boliviano Carlos Sánchez Berzaín, que vive exilado nos Estados Unidos.

O Foro ganhou fôlego em 1998, com a eleição de Hugo Chávez na Venezuela. Os venezuelanos então passaram a desviar o dinheiro da petroleira PDVSA para promover partidos aliados em diversos países e gerar instabilidade em nações governadas por seus inimigos. Em 2002, Lula foi eleito no Brasil. Em 2003, Néstor Kirchner assumiu a Argentina. Em 2006, Evo Morales subiu ao poder na Bolívia. No ano seguinte, Rafael Correa chegou à presidência do Equador.

Ao longo de quase duas décadas, o dinheiro da PDVSA cruzou fronteiras em notas de dólares e em operações bancárias suspeitas. Em 2007, um empresário venezuelano foi capturado com uma mala com 800 mil dólares em um aeroporto de Buenos Aires. O montante era para a campanha de Cristina Kirchner. No ano passado, dólares foram enviados em caixas de papelão para El Salvador em um avião da PDVSA, para financiar as caravanas de migrantes da América Central para os Estados Unidos, como noticiou Crusoé.

Reprodução/redes sociaisReprodução/redes sociaisLula e Fidel Castro, os dois fundadores do Foro de São Paulo
Além dos petrodólares venezuelanos, a máquina para comprar apoio na região também foi azeitada pelos corruptos brasileiros. “Com fundos federais alocados em obras que seriam feitas por empresas brasileiras, como a Odebrecht, armou-se um enorme caixa para corromper autoridades em toda a América Latina”, diz o boliviano Berzaín.

A realidade deste 25º Foro é bem mais austera. A PDVSA hoje fatura menos de 20% do que chegou a ganhar na sua época áurea. A Lava Jato e a eleição de Jair Bolsonaro no Brasil estancaram a sangria de recursos para outros países da América Latina. Partidos de esquerda foram tirados do poder na Argentina, Chile, Colômbia e Paraguai.

“Os bolivarianos realmente estão com problemas financeiros. Isso está acontecendo porque o dinheiro está acabando e porque aquilo que eles guardaram está mais difícil de utilizar”, diz o especialista em segurança americano Douglas Farah, da IBI Consultants. De acordo com Farah, não há como movimentar os valores que foram depositados em contas na Rússia, na China e na Turquia, sem correr risco de bloqueio.

A avareza também atrapalha. Os chavistas que mandaram dinheiro para bancos na Espanha e em Portugal não estão dispostos a contribuir com parte das suas fortunas em nome da ideologia. O nicaraguense Daniel Ortega, que acumulou vários milhões de dólares graças à PDVSA, também não é muito favorável à ideia. “Os bolivarianos mostraram que podem ser muito mesquinhos quando o que está em jogo é o próprio dinheiro”, diz Farah. O financiamento da atual edição do Foro hoje se dá principalmente por meios ilícitos, como o narcotráfico, o contrabando de gasolina e o comércio ilegal de ouro, diamante e coltan, um componente usado em celulares.

Reprodução/redes sociaisReprodução/redes sociaisNicolás Maduro: narcotráfico e mineração ilegal sustentam a ditadura
Desde o início de abril, a ditadura de Nicolás Maduro vendeu 24 toneladas de ouro no mercado internacional, driblando as sanções internacionais. Na semana passada, o Reino Unido confiscou um carregamento de 104 quilos de ouro que tinha deixado a Venezuela e estava sendo transportado para as Ilhas Cayman. “É verdade que os membros do Foro estão debilitados, mas não se pode dizer que eles estão nas últimas”, diz Farah. “Quando os recursos diminuem, o que eles costumam fazer é reduzir as atividades. Mas eles sempre mantêm a estrutura para quando o dinheiro voltar a fluir.”

A maior esperança agora é com a eleição de outubro na Argentina, onde a chapa de Alberto Fernández e Cristina Kirchner está à frente nas pesquisas eleitorais. “Os bolivarianos também têm tentado cooptar os mexicanos de López Obrador e gerar instabilidade na Colômbia”, diz o deputado venezuelano Omar González Moreno, do partido Vente Venezuela. “Mas o dinheiro que eles conseguem gerar hoje mal dá para cobrir os valores necessários com a corrupção interna na Venezuela.”

Pelas ruas de Caracas, os cartazes roxos do Foro são usados como uma peça de propaganda para tentar recordar o tempo em que Chávez era acolhido calorosamente por diversos presidentes na região. “Maduro, ao contrário, não pode deixar o país porque teme ser apeado do poder e porque sabe que não será bem recebido na maior parte dos países ocidentais”, diz o cientista político venezuelano José Vicente Carrasquero. “Maduro quer fazer crer que é um líder como Chávez, mas as circunstâncias de agora são totalmente outras.”

ReproduçãoReproduçãoCartazes colados nas ruas de Caracas fazem advertência: “O Foro da Morte”, que impulsionou o socialismo e ajudou a instalar tiranos na América Latina
Na manhã da quinta-feira, 25, o primeiro dia do Foro, muros de Caracas apareceram com cartazes com o desenho de uma caveira e a frase: “Advertência: Foro de São Paulo #ElForoDeLaMuerte. Desde 1990 o Foro de São Paulo impulsionou o socialismo, financiando as campanhas de todos os tiranos da América Latina”. As peças também traziam os nomes de ex-presidentes da esquerda, com epítetos pouco honrosos. O de Lula era “preso por corrupção”. O de Fidel Castro, “genocida”. O de Hugo Chávez, “ditador venezuelano”. O de Rafael Correa, “acusado de sequestro e corrupção”. O de Daniel Ortega, “ditador nicaraguense”.

Também na quinta-feira, o primeiro dia da edição de 2019, funcionários públicos do centro de Caracas enfrentavam longas filas para ganhar as caixas Clap, que trazem alimentos importados e são distribuídas apenas a chavistas. Na frente do hotel Alba, um grupo das Forças Armadas Especiais, as Faes, cujos membros costumam andar em motos possantes e sem placa, montava guarda. No Foro de São Paulo realizado na capital do país governado por Nicolás Maduro, o maior temor da ditadura era o de que o povo se manifestasse.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Ué, por que eu que li jornal impresso a vida toda e assisti televisão não sabia nem mesmo que existia esse tal de Foro de São Paulo? Jornalismo é a profissão mais amada pelos canalhas.

  2. Esse Foro e suas práticas criminosas tem sido denunciados pelo professor Olavo de Carvalho há 20 anos. Falta Crusoé informar isso toda vez que mencionar o Foro de São Paulo.

  3. Tem os bandidos que criam este foro e tem os trouxas que participam. Os ratos pulam foram do navio que se atola em lama e matéria fecal. Gargalhadas. O inferno é pouco para estes comunistas.

  4. O mundo livre, cristão e civilizado não deveria aceitar mais um encontro desses, onde há apologia a tudo que não presta: Guerrilha, terrorismo, violência, drogas e a disseminação da cultura de que todos os meios serão aceitos para se chegar ao poder.

  5. A lição que nós brasileiros demos ao PT nas últimas eleições agora será dada ao MBL (que apoiou Alckmin) e ao PSDB municipal. Um pequeno detalhe: em outubro de 2020 o choro continuará sendo livre. Juntem-se ao PT e chorem juntos.

  6. A preocupação será as próxima eleição na Argentina se a corrupta Cristina Kirchner voltar ao poder, o Foro dos corruptos e genocidas ganharão um pouco mais de fôlego!!!

    1. Rosângela, são uns coitados mesmo, né??? Devem ter perdido a esperança! É pensar Que quase chegamos lá!

  7. Parece um baile de Carnaval: uns fantasiados de índio, outros fantasiados de palestinos, outros fantasiados de intelectuais de esquerda e professores universitários, outros fantasiados de guerrilheiros, outros de ativistas de partidos de esquerda. A banda tocando alguma hino pra animar e entorpecer os foliões. Todos esperando uma brecha pra arrumarem uma grana do dinheiro público. Enquanto isso, se refestelam no regabofe que falta na mesa do povo venezuelano.

  8. Crime de Lesa-patria: Qualquer aliança política, traiçoeira, que causa prejuízos ao País, acabando com a Democracia, Soberania e Liberdade de seu povo, bem como efetuando desvios fraudulentos dos cofres públicos, impondo com isso um regime autoritário fundamentado na esquerda ou direita, radical ou não, aparelhando o Estado e subjugando o povo, enganando,comprando,escravizando ou fraudando eleições para permanecer no Poder.

    1. Referente ao comentário da Maria logo abaixo: O Foro de São Paulo não é como uma fênix que ressurge das cinzas, ao contrário está no fim, pq td tem um fim! O mal tem começo, meio e fim, assim foi o nazismo, o facismo a escravidão! Existiram e uma vez extintas nunca mais retornaram! O bem uma vez conquistado este sim prevalece! O comunismo e o socialismo não prevalecerão! Já as republicas democráticas esta sim prosperam e são eternas!

    2. É... conhecem a estória do coveiro, que se faz de morto...

    3. Nunca mais é muito tempo! Assim como os partidos de esquerda, eles ficam no limbo esperando a oportunidade de ressurgir das cinzas mas morrer?? Jamais!

  9. com comunista não se negocia, são falsos , traiçoeiros, canalhas,na primeira distração eles te eliminam, é a famosa jararaca!!!

    1. Exato! FHC criador e impulsionador do criminoso chamado LuLLa devia estar junto com todos esses crápulas!!

  10. Usaram a petrolífera da Venezuela para financiar tudo isso, aqui tbém fizeram o mesmo com a Petrobrás, e o mesmo modus operandi.

  11. Realmente algo que deveria ser divulgado. Confesso que senti calafrios ao ler, é muito grave! Que um dia tudo isso fique apenas no passado morto e enterrado, é preciso exterminar de forma eficiente. Todo cuidado é pouco, uma raça horrorosa e traiçoeira.

    1. Cara Flávia, como o ex-metalúrgico se entende como Deus e o filho dele voltou após 3 dias da morte, sugiro, por precaução, cremar antes. Enterrar as cinzas também não, pois o é pó e pelo pó reunido poderá voltar mais fácil. Mandemos então as cinzas restarem para o espaço. Com todo respeito aos ETs... rsrsrs.

  12. O socialismo já nasceu moribundo. Faleceu com a quebra da união soviética, e queda da cortina de ferro. O que sobrou são vermes, que ainda tentam comer alguma rebarba, mas que também acabarão em cinzas.

    1. Não defendo o socialismo, principalmente o seu modelo latino-americano. A China é comunista na gestão, educação , saúde e habitação. E é capitalista com o dinheiro, a inovação, a ciência, a tecnologia. Lá criminoso por delitos graves é executado e a família paga a bala da execução. É um hibridismo entre o liberal e o comunista. Um caso a estudar.

    1. A "Esquerda", em todo o planeta, são do mau...temos que entender para saber isso de uma vez por todas. Só assim, os "humanos do bem", não se deixarão seduzir pelas "mentiras absurdas" desse mau (A Esquerda)....Acorda povo da Terra, "Nunca" Votem em candidatos da Esquerda, que são os eternos Comunistas....Corruptos, mentirosos, bandidos sugadores dos trabalhadores do bem....Cadeia Neles!!!!

  13. Certamente o aparelhamento da esquerda na America Latina teve financiamento da Orcrim liderada pelo atual presidiário Lula da Silva, nossos recursos serviram a fracassada tentativa de se perpetuarem no poder.

  14. É realmente uma pena não poder compartilhar esse texto com não assinantes. Muitos esquerdopatas não lerão esse texto por causa dessa política estranha da Crusoé. Tudo bem, eu entendo, a revista precisa sobreviver... Mas a revista, antes de tudo, tem a missão de formar opinião, de divulgar ideias e informações... Sugiro que revisem a política de restrição de divulgação das matérias. De que adianta uma imprensa que se auto-mutila????

    1. concordo com vc, excelente matéria, todos os brasileiros deveriam ter conhecimento.

  15. E esse povo da esquerda ainda tem dúvida do viés comunista do PT. Alguns por ignorância, alguns por conveniência. Alguns por safadeza.

  16. Também fico pasmo como uma ideologia imunda e assassina consegue enganar até pessoas boas, com estudo e uma certa cultura...

    1. Pessoas cultas e talvez boas,a maior parte são beneficiadas por estes governos de esquerda corruptos.

  17. Às vezes eu penso que estou louco, pois na minha cabeça não entra a completa cegueira dos defensores dos governos comunistas/socialistas/bolivarianos, tudo a mesma coisa. Como é que podem não ver o que está amplamente comprovado na vida real, de que o regime não funciona, só causa desgraça, pobreza, genocídio? Mistério...

  18. Alguém tem dúvida do real motivo dos petistas não irem lá? Não vão comer nem a tradicional mortadela. "O comunismo só funciona até acabar o dinheiro dos outros".

  19. Dinheiro acabou?? acabou nada... não tenho dúvidas que ainda há muito, mas muito desse dinheiro que em boa parte será identificado, encontrado e devolvido... esse tempo chegará... mas como disse, muito desse dinheiro. Se chegarmos à metade do que fora roubado, já será um grande trunfo!

  20. Lá não tem papel higiênico, como os participantes vão limpar o "fiofó????? Não tem energia elétrica no paraíso venezuelano, então sequer vão conseguir ver o "fiofó!!!!!!

  21. Bom dia. Esta reportagem está atrasada 20 (Vinte) anos. Sugiro na próxima edição fazer uma homenagem ao advogado JOSÉ CARLOS GRAÇA WAGNER. Seria muito oportuno contar toda esta história. Obrigado.

  22. O mais nefasto é a mídia brazuca e o "jornalismo bananeiro" não mencionar este fôro maldito pra população daqui... parabéns pela coluna!

  23. por mais reportagens como essa, apesar de ser doído de ler, o povo precisa ficar esclarecido, ademais, as mídias nojentas tão mostrariam isso com tanta maestria como a cruzoé vem fazendo. #somostodosgratosporinformaçõesdequalidade.

  24. Foi só o Bolsonaro ser eleito pra penúria bater na porta da Venezuela e Cuba. Quanto dinheiro nós gastamos com estes vagabundos.

  25. Lamento muito que São Paulo, que sempre lutou pela liberdade, participando de uma revolução que ceifou muitas vidas em nome da Constituinte, tenha seu nome em algo tão abominável como o criadores dessa farsa. Um, deve estar prestando contas a Deus de seus inúmeros crimes e o outro à justiça terrena. Ambos, crápulas que enganaram a muitos. São Paulo não merecia isso.

  26. Na verdade a ideologia dessa gentalha se alicerça em dois pontos, dinheiro e poder. O povo é o acessório necessário para a montagem da farsa. São egocêntricos, egoístas e megalomaníacos . Os psicopatas de plantão.

  27. SÓ O PT MESMO PRA FAZER ISSO COM A SUB RAÇA. MANDAR NOSSO DINHEIRO PRA ESSES BANDIDOS. QUE LUGAR BOM PRA UMA EXPLOSÃO. PENA QUE NAO ESTARIAM ALGUNS BANDIDOS

  28. Pobre América Latina. Não vai ser fácil varrer esta gente do poder mas depende de como a direita se desempenhar no poder.

  29. Éramos todos cegos, crentes no jornalismo com viés ideológico que reinava em nosso país. O Olavo de Carvalho, entre outros, será sempre reconhecido pela história, sim. Mas foi a ascensão da direita conservadora, surfando pelas redes sociais e independente das mídias tradicionais que deram visibilidade ao Olavo de Carvalho. Ele já cumpriu uma grande missão e, agora, vamos ao jornalismo independente.

  30. Se você não se interessa por política, os maus políticos se interessam muito. Haja vista o congresso brasileiro. Está repleto deles.

  31. Reportagem medíocre. Pq não tem uma palavrinha sobre os bravos brasileiros José Carlos Graça Vagner, Olavo de Carvalho, Graça Salgueiro, Heitor de Paola entre outros que há quase 25 anos dedicaram suas vidas a estudar e a divulgar sobre essa desgraça chamada Foro de São Paulo? Agora até o catador de lixo já sabe que essa entidade e seus membros, incluindo TODA esquerda brasileira, são comunistas/socialistas/genocidas e foram financiadas por corrupção, tráfico de drogas e armas, sequestro, etc.

    1. Não tinha pensado sobre essa ótica, mas è verdade. Ao menos temos mais uma voz desnudando o encontro mais espúrio da América Latina.

  32. Tem um velhote meio amalucado, morador da Virgínia, que avisou e avisou e avisou. Mas ninguém na imprensa gosta de dar razão a ele. Créditos menos ainda. E ele está a denunciar tudo isso há mais de 20 anos... O Foro, a farsa, as fraudes, as Farcs, o dinheiro grosso roubado para isso, o espantalho psicopata preso, o cérebro ex-guerrilheiro treinado em Cuba, cita livros-documentário a investigar e denunciar tudo isso. E a imprensa segue, cega, a claudicar. Bendita Crusoe, mesmo que tardia.

    1. A imprensa não tem nada de cega! Segue, isso sim, bandeado do lado que mais lhe convém!

    2. Muita gente digna de respeito e consideração vem há décadas alertando a respeito!! O que diz a cartomante da Virgínia não tem nada, absolutamente nada, de "originalidade"!

  33. Como é que pode acontecer e ter se alastrado uma tragédia tão horrorosamente insidiosa e inacreditável por toda a América Latina... com tantos perversos, ignóbeis, psicopatas, doentios e indigentes mentais de todo gênero, atuando de modo tão generalizado....quanto mais se observa menos se acredita que, há décadas, esteja acontecendo esse verdadeiro holocausto latinoamericano, tamanha a perplexidade ante uma tal aberrante, cruel e humilhante perversão sócio-política.....

    1. Coisa mais desesperadora e triste, relapsos, caricatos e sádicos deuses incas, maias, astecas, assim como todos os vergonhosos demais.....

  34. Excelente reportagem! Tudo isso se formou sob nossos narizes. E tem gente ainda, com tudo o que estamos vivendo, que se dá ao luxo de não se interessar por política. E por isso que chegamos onde estamos.

Mais notícias
Assine agora
TOPO