MarioSabino

Alexandre, o Grande

01.07.22

No encerramento de mais uma edição do fórum de Gilmar Mendes em Lisboa, o ministro Alexandre de Moraes afirmou: “Tenho certeza de que posso garantir a vocês, falo não só em meu nome, mas no nome do meu futuro vice-presidente do TSE, Ricardo Lewandowski, que o Brasil sabe como manter a sua democracia e o Poder Judiciário vai permanecer independente, corajoso, competente e destemido”.

A frase de Alexandre de Moraes ocorreu-me enquanto visitava as ruínas da Ágora grega, em Atenas, considerada o berço da democracia ocidental. Admirativo entre uma escultura clássica e outra helênica, entre a Stoa de Atallos e o templo de Hefesto, pensei que os adjetivos “corajoso” e “destemido” são mais apropriados ao comportamento dos gregos nas Termópilas — quando, liderados pelo espartano Leônidas, enfrentaram o poderoso exército de Xerxes, o rei da inimiga Pérsia — do que a decisões de juízes.

Explico: é preciso ser corajoso e destemido diante de gente mais forte, não de gente mais fraca. Como a Justiça, numa democracia plena como a brasileira, é sempre mais forte do que os cidadãos e as instituições a que ela estão submetidos dentro dos limites constitucionais, os adjetivos empregados por Alexandre de Moraes não cabem.

Vou fazer um favor ao ministro — não que ele precise de favor meu, é claro — e elogiar apenas a parte em que o ele diz que o Poder Judiciário brasileiro vai permanecer independente e competente. Se eu pudesse colocar palavras na boca de Alexandre de Moraes, acrescentaria que o Poder Judiciário brasileiro também deveria ser ainda mais justo. E, já que estou tomando liberdades, espero que não passíveis de punições, sugeriria a um dos nossos mais combativos juízes que ele dissesse que prefere “superar os outros no conhecimento do que é excelente do que na extensão do meu poder e domínios”.

A frase é de Alexandre, o Grande, citada na biografia escrita por Plutarco.

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Mario Sabino voltou..... e astuto como sempre. Num mergulho pleno na cultura grega (rsrsrsrs) teceu paralelo entre os dois Alexandres, corrigindo as palavras e as intenções do Alexandre brasileiro.

  2. Muito bom! Mário: você e o Diogo estão sempre se superando e resistindo. Torcendo sempre por vocês, por nós, por dias melhores.

  3. Quem elegeu ele? uma elite hipócrita; Vive numa bolha, defendendo um grupo como se fosse extensão do partido de esquerda..

  4. "Tenho vergonha de supremo que não tem vergonha do Supremo." Os ídolos destes caras do stf são o Luladrão, e o Bozo Rachadinha. Não tem nada que ver com os deuses olímpicos, com a "arethe", com Krishna. Bregas, estúpidos e medíocres são os adjetivos adequados. Puro mau gosto... Fucks, Beiçola, Carminha, Xandão e outros...

  5. Alexandre ( o de morais ), o grande, Lewandowski ( o Ricardo ), o grande, e o Gilmar ( o Mendes ) o majestoso e "estimado líder", e mais 8 membros da " Equipe Imperialista Brasileira". Vossas Majestades que decidem TUDO neste Brazil Varonil de Zerda.

  6. Mario, mais um texto iluminado. Ouvi-o dizer no Jô, que gosta de produzir literatura que também ensine. Já faz uns 11 anos, mas você continua fiel à sua premissa dourada. Estilo, ironia, o idioma, História... Como adoro ler jornalismo que ensina, sou muito feliz pela existência de O Antagonista e a Crusoé.

  7. O Supremo perdeu a moral, a decência junto com a capacidade de se enxergar além da imagem distorcida que ele projeta de si próprio! Seus membros, sem exceção, vivem fora do real, cultuando seus egos e vaidades! Nada mais perigoso para uma democraciacomo a nossa!

  8. Ao invés de Alexandre, o grande, mais adequado é o Xandinho do olimpo. Como outros ministros do STF, se porta como um deus no olimpo.Infalíveis. O próprio Papa já criticou a infalibilidade do papa. Mas quem é o papa em comparação com esses ministros? Estão sempre na mídia, como insetos em torno da luz.Perderam o respeito e confiança do povo de bem, ao colocar em liberdade um criminoso condenado. Ali ficou claro uma cumplicidade com os criminosos de colarinhos brancos.

  9. Quando uma corte diz a seu povo UM POR TODOS E TODOS POR UM os ignorantes não percebem que se tornou um bando com clara e óbvia direção que o medo não quer ou finge não ver e em vez de ser o equilíbrio se torna tutora do Estado e algoz do povo que troca sua cidadania pelas sobras do butim e mesas dos canalhas e ditadores ... se deixarem as coisas andar nesta toada seremos uma Argentina piorada o mesmo lixo no qual se torna a América LaTindo ... Art 142 da CF ... LIBERTAS QUAE SERA TAMEN já !!!

    1. A Suprema Corte Argentina é muito superior a esse stf mediocre.

  10. Temos o nosso Alexandre, o Pequeno....!!!! Resultado das inúmeras atitudes "juridicas-ditatorias" que exerce de forma "corajosa e destemida". Pobre democracia, pobre Brasil.

    1. Infelizmente bem menor tem sido o povo tolo algoz de si mesmo ... assim proliferam os ditadores.

  11. Mario, como um cara que nem esse Alexandre, o Grande ou o Plutarco fazem falta nessa Banana República de líderes medíocres!

  12. Moraes é um protótipo para continuidade do nefato Mendes. E o Fux se mostra um frouxo que não consegue mostrar autoridade e se impor como presidente do tribunal.

    1. “Pera” aí.. será que há alguem nesse país pouco organizado, e carente de seriedade de suas autoridades governatórias, que não tenha medo do Stf e suas diatribes?.. quem assegurar que é um Pedro Malazarte, sem medo, que levante pelo menos o dedinho mindinho, pra ninguém notar.

    1. Curta, porém densa. Sabino, disseste tudo quando deixas claro que o que o STF fizer na situação atual é irrecorrivel. Logo, liberdades diminuídas.

    2. Como dizia Victor Hugo, nada é pequeno para os grandes espíritos. Obviamente, não se aplica ao presente caso.

  13. kkkk,vindo dessa gente do STF esperar o que? o outro parça disse vivemos um semi presidencialismo no Brasil e o STF é o poder moderador, esqueceram de avisar o povinho, e o estrangeiro fica babando com essas autoridades ,pensam eles que essas pessoas tem simpatia do povo brasileiro, pelo contrario o povo quer eles dando palestras e nunca mais venham para o Brasil.

  14. E a justiça brasileira é realmente muito ruim. É só ser vítima de um estelionato pra ver como nosso judiciário não é justo, com exceções que confirmam a regra, é claro.

  15. Que prazer em ler um texto como esse. Mario Sabino quanta cultura... Parafraseando o prof. Marco Villa..essa caterva que segue esse governo jamais entenderá um texto como esse. Que bom ler Crusoé e O Antagonista.

    1. Realmente, para conhecer esse episódio das guerras médicas é preciso ter frequentado o antigo curso ginasial - coisa que fez falta a Demetrio Mangioli, especialista da globo e autor devem livro sobre a história das guerras, que confessou ignorar o assunto numa entrevista no programa do Jô, que também não sabia o nome da batalha nem de seus protagonistas. Então, chegamos à conclusão de que, para nossos parâmetros, esse senhor que até sabe quem foram Alexandre Magno e Plutarco, é mesmo muito culto

  16. É uma pena desperdiçar erudição com um ministro, que na minha opinião, é raso e sub letrado. O Mario corre o risco citando o homônimo, de "O Grande", pois pode ensejar confusão com algum folheto do Carlos Zéfiro, na mente do prepotente, O Pequeno.

  17. Impressionante a soberba dessa figura ,se achando como a figura que investiga ,julga ,condena e prende . Agora q pior é o silêncio da mídia ou melhor do Consórcio , sem pé nem cabeça

    1. Ele não prende, manda prender - assim como o dinheiro não trás felicidade, manda trazer.

  18. Mario, primeiro suas férias foram curtissimas, merecia mais. Você nunca decepciona, quase desisti de ler sobre o nosso Alexandre, mas, por ser você, segui adiante. E sempre é muito bom de ler, amo suas referências à História.

    1. Cabeça aparentemente vazia por dentro e claramente por fora

  19. Oi Mario! Acho q se ele preferisse o conheci/to ao poder, faria seu trabalho como deve ser feito e ñ como ele prefere q seja feito... Em todo caso, manda o artigo p ele, qm sabe a ficha cai? (Dava p enviar o da semana passada diretamente p Gilmar Mendes, mas deve ser menos perigoso tentar fazer cócegas num leão...) Curtam o passeio! (Lembra da frase "pobre qdo vai à praia, chove"? Acho q a reinventamos: "pobre qdo entra férias, descobre, já no 1. dia q está c covid"😒. Aproveitem a preparação!🤗

  20. Um consolo, constatar ( mais uma vez) que temos jornalistas que prezam a "excelência do conhecimento" mais do que o poder. Quem sabe o Ministro lê e entende?

    1. Não precisa por aspas porque é “o conhecimento do que é excelente” um conceito que vem de Sócrates e não esse outro bem mais recente.

  21. Querido Mario, se fores a Santorini não percas o por do sol em Oya. Mas se não fores a Oya qualquer por do sol nas ilhas gregas são inesqueciveis. Otima viagem! Abraço em ti e no Diogo

    1. Se fores à Grécia, não deixes de assistir o por do sol, ao menos uma vez por dia.

  22. Os homenzinhos do STF não tem capacidade moral ou intelectual para entender nada que o Plutarco tenha escrito. Só pensam em poder e dinheiro. MS

    1. Ney, verifique o seu crânio pra ter certeza que nele existe um cérebro de fato.

    1. É isso ai.....Será que eles acreditam na palavra falada?

Mais notícias
Assine agora
TOPO