Para atiçar o antipetismo

05.08.22

O ex-secretário de Comunicação Fabio Wajngarten já está em Brasília para atuar diretamente na campanha de Bolsonaro. Ele ficará responsável pela estratégia de comunicação, voltada a reacender o antipetismo. Lula será associado ao petrolão, ao assassinato de Celso Daniel e a regimes autoritários como Venezuela e Cuba. O espaço que a propaganda negativa terá na campanha ainda está em discussão. É possível que tome pelo menos metade dos pouco mais de 3 minutos a que Bolsonaro terá direito na televisão.

Presidência da RepúblicaPresidência da RepúblicaWajngarten: Cuba, Venezuela, petrolão e Celso Daniel

Já é assinante?

Continue sua leitura!

E aproveite o melhor do jornalismo investigativo.

O maior e mais influente site de política do Brasil. Venha para o Jornalismo independente!

Assine a Crusoé

CONFIRA O QUE VOCÊ GANHA ASSINANDO O COMBO

  • 1 ano de acesso à CRUSOÉ com a Edição da Semana: reportagens investigativas aprofundadas, publicadas às sextas-feiras, e Diário, com atualizações de segunda a domingo
  • 1 ano de acesso a O ANTAGONISTA+: a eletrizante cobertura política 24 horas por dia do site MAIS conteúdos exclusivos e SEM PUBLICIDADE
  • Artigos Exclusivos de Diogo Mainardi, Mario Sabino, Ruy Goiaba, Carlos Fernando Lima e equipe
  • Newsletters Exclusivas

Os comentários não representam a opinião do site. A responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos.

500
  1. Pena saber que a maior parte da população é ludibria.da pela propaganda. Tudo pelo poder! Falta ver.go nha para esses apoiadores, que, no fundo, não querem perder suas “boquinhas”

  2. 3 minutos é pouco. Afinal, para um Governo que tem pouco a mostrar, o jeito mesmo, é atacar o ladrão do outro lado!! Pobre Brasil com esses candidatos...

  3. Povo Brasileiro, vamos escolher um nome da 3Via e votar em massa, so assim nos livramos do Lularapio e do Minto, o Brasil nao aguenta mais uma gestão desses despreparados. Ate agora vou de Felipe D'avila do Novo, me parece o mais bem preparado e o partido e o mais arrumado de todos, são rígidos e a prioridade não e mamar nas tetas.

  4. Lula e Bolsonaro são almas gêmeas que não merecem o nosso voto. SIMONE TEBET é o antídoto contra ambos.

  5. Ótimo, Wajngartem está certissimo, é preciso mostrar os podres do ex-presidiário solto graças à Bolsonaro que agora se borra de medo de não ser reeleito. Espero que Lula retribua e os 2 se destruam mutuamente e assim Simone despontará como de fato é, a melhor candidata à presidência.

  6. Se tivessem cérebro, tratariam de se retratar em relação ao Moro e a operação Lava Jato. Como o ex condenado nunca reconhece crime algum, já marcariam uns pontinhos.

    1. Os dois não são ruins, um é ótimo e está governando muito bem. O problema com Bolsonaro é que ele não se submeteu as famílias bilionárias que exploram a nação. Os BILIONÁRIOS, apenas querem mais dinheiro ainda e Bolsonaro não abre a mão. Por que as ONGs atacam o Capitão ? Simples, da NÃO GOVERNAMENTAIS e única fonte de renda vem do governo, Bolsonaro fechou a torneira e enlouqueceram. .

Mais notícias
Assine agora
TOPO